Archive for janeiro 9th, 2011

09/01/2011

Suelen de Jesus prepara repertório para o novo CD


A Cantora Suelen de Jesus está preparando repertório para o seu novo CD para 2011 e você que é compositor envie sua canção no estilo adoração para o email suelendejesus@suelendejesus.com .

09/01/2011

Pastores da Igreja Quadrangular morrem em acidente no Pará


Pastores da Igreja Quadrangular morrem em acidente no Pará Um grave acidente rodoviário ocorrido na manhã de ontem deixou três pessoas mortas e outras três levemente feridas, na rodovia PA-287, a 60 quilômetros de Redenção, entre a Vila Alacilândia e a sede do município de Conceição do Araguaia.

O casal de pastores da Igreja do Evangelho Quadrangular, Vanderlan Martins Pereira e Marilene Silva Barbosa, que seguia numa moto em direção a Conceição, morreu ao ser atingido de frente por uma caminhonete Hilux, que vinha em sentido contrário.

A motocicleta em que os pastores estavam foi arremessada a uma distância de mais de 70 metros e ficou completamente destruída. O casal morreu no local.

O carro que atingiu as vítimas era dirigido por Amauri Miguel Oliveira, 48 anos, que também morreu. Além de Amauri, estavam no carro a esposa dele, Laudelina de Oliveira Alcântara, 45, e dois filhos do casal, um de 10 e outro de 15 anos. Eles sofreram apenas ferimentos leves. A família é de Brasília (DF) e estava indo para o município de São Félix do Xingu, sul do Pará.

Segundo o soldado bombeiro Maelson, que ajudou a resgatar as vítimas, um buraco no meio da pista teria provocado o trágico acidente. O carro teria tentado desviar do buraco e invadido a pista contrária, batendo de frente com os ocupantes da moto.


Fonte: Diário do Pará / Guia-me

09/01/2011

Pastor morre após cair tentando trocar lâmpada da igreja


Pastor morre após cair tentando trocar lâmpada da igreja Um pastor da Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Juiz de Fora, em Minas Gerais, morreu na tarde de quarta-feira após cair de uma altura de aproximadamente cinco metros quando tentava trocar uma lâmpada do templo.

Daniel Pereira da Silva, 61 anos, havia subido numa escada e na queda bateu com a cabeça em um banco, sofrendo traumatismo craniano. O pastor morreu na hora.

O corpo foi encontrado por membros da igreja que chegavam para um culto. De acordo com os fiéis, o pastor fazia questão de cuidar do templo sozinho e sempre realizava todos os serviços necessários.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Juiz de Fora.

Fonte: O Dia

09/01/2011

Na lista dos dez lugares mais perigosos para um cristão viver, oito são nações islâmicas


Pastores querem se aproximar dos muçulmanos 250x176 Na lista dos dez lugares mais perigosos para um cristão viver, oito são nações islâmicasAo mesmo tempo em que líderes mundiais protestam contra o assassinato de 21 cristãos num bárbaro atentado à bomba de extremistas contra uma igreja cristã de Alexandria, no Egito, há poucos dias, um relatório que avalia a perseguição contra cristãos, divulgado nesta quarta-feira, 5 de janeiro, pela missão Portas Abertas Internacional, sediada nos Estados Unidos, confirma os países islâmicos como os lugares onde há mais perigo e violência contra cristãos.

Segundo o “Open Doors 2011 World Watch List”, que avalia as condições em que vivem os cristãos em 77 nações e, em seguida, classifica os 50 primeiros onde é mais difícil praticar tal fé, apesar da Coreia do Norte ser a terrível anticampeã pela nona vez (permanecendo como o primeiro lugar em nível de perseguição aos seguidores de Jesus), na lista dos dez mais perigosos lugares para um cristão viver, oito são países de maioria muçulmana. Dos 30 primeiros países na lista, apenas sete têm outro tipo de grupo que não os extremistas islâmicos como os principais perseguidores dos cristãos.
E a perseguição aumentou em sete destes países. No Irã, a violência cresce para tentar sufocar o crescente movimento de igrejas nos lares. No Afeganistão, milhares de fiéis têm que viver de forma clandestina. Na Arábia Saudita, ainda é proibido qualquer pessoa nascida naquele país se converter ao cristianismo. A Somália sem lei, terroristas sanguinários ameaçam matar os missionários cristãos que querem ajudar o povo e atender a necessidade alimentar das pessoas pobres. No Iémen, permanece a determinação de expulsar todos os obreiros cristãos. E no Iraque, que saltou de décimo-sétimo para oitavo pior perseguidor de cristãos, aconteceu um dos piores massacres, com 58 cristãos assassinados por extremistas em uma catedral de Bagdá em outubro.

A lista dos 10 países onde há mais perseguição contra cristãos também inclui: Maldivas, Uzbequistão e Laos. A Mauritânia parece estar se tornando mais tolerante com as diferenças. Caiu da posição número 8 para a décima-terceira em grau de perseguição.

Nos últimos anos há um êxodo de cristãos deixando o Iraque para escapar da perseguição. Atualmente, restam pouco mais de 300 mil cristãos neste antigo berço do Cristianismo, onde hoje milícias organizadas barbarizam famílias apenas pelo fato de não professarem a mesma fé que eles. A cidade de Mosul e a capital, Bagdá, são os lugares onde a perseguição religiosa é mais intensa. No ano passado, pelo menos 90 pessoas morreram por Cristo no Iraque e outras centenas ficaram feridas em ataques com bombas e armas. Há rumores de que, nas últimas duas semanas, houve uma onda de violência que ceifou ainda mais vidas.

Outra informação interessante do estudo de Portas Abertas é sobre o Paquistão, país que está entre os quinze mais perseguidores, subindo de décimo-quarto para décimo-primeiro, mas que tem a maior população de cristãos entre eles: 5 milhões de seguidores de Jesus.

Segundo o presidente da Portas Abertas Internacional, Carl Moeller, “ser um ex-muçulmano ou um cristão da igreja subterrânea em nações dominadas por muçulmanos é como ter desenhado nas costas dos cristãos um grande alvo. Não há liberdade de crença ou religião na maioria destes lugares. E como o relatório 2011 denuncia, a perseguição aos cristãos em países islâmicos continua a crescer”.

Fonte: SOMA / Gospel Prime

09/01/2011

Recorde: Em 12 horas, 80% das vagas para o XII Congresso Diante do Trono São Preenchidas


DT Recorde: Em 12 horas, 80% das vagas para o XII Congresso Diante do Trono São PreenchidasCom exclusividade, o Portal Diante do Trono avisa a todos os interessados em participar do XII Congresso Internacional de Louvor e Adoração que se apressem para não perderem a vaga.

Ano passado, as inscrições terminaram em um tempo recorde de 15 dias. Este ano, o recorde está sendo maior ainda, pois em menos de 12 horas, 80% das vagas já estão preenchidas. O número total de vagas é de 6.000! Restam ainda 1.200 vagas que poderão ser preenchidas ainda hoje ou até amanhã, se o ritmo de inscrições continuar assim.

O XII Congresso de Louvor e Adoração acontecerá de 21 à 23 de abril deste ano na Igreja Batista da Lagoinha, em MG. Com presença confirmada do Pastor Markku da Finlândia.

Para fazer sua inscrição Clique Aqui.
Para fazer sua inscrição no Congresso de Louvor e Adoração Para Crianças, Clique Aqui.

Fonte: Portal DT

09/01/2011

Governador é assassinado por se opôr à Lei da blasfêmia no Paquistão


Premiê paquistanês Yusuf Raza Gilani ao chegar no funeral do governador de Punjab 250x160 Governador é assassinado por se opôr à Lei da blasfêmia no PaquistãoQuinhentos líderes religiosos do Paquistão advertiram que qualquer pessoa que participar de cerimônia fúnebre religiosa de um governador assassinado por se opôr à lei da blasfêmia poderá ter o mesmo destino.

O político liberal Salman Taseer, governador da província de Punjab e ligado ao presidente Asif Ali Zardari, não tinha um papel nos assuntos diários do governo federal, mas seu assassinato em plena luz do dia em um shopping center em Islamabad reforça o senso de que as autoridades são incapazes de estabilizar o país. O Paquistão, nação muçulmana, tem 170 milhões de habitantes.

O governador da província de Punjab foi morto na terça-feira por um de seus guardas, que aparentemente foi instigado pela oposição política dele à lei da blasfêmia. Taseer foi assassinado no estacionamento de um shopping muito freqüentado por estrangeiros.

Grupos de defesa dos direitos humanos dizem que a lei costuma ser explorada por religiosos conservadores como meio de resolver disputas pessoais.

Mas a legislação tem amplo apoio popular num país em que mais de 95% da população é muçulmana e a maioria dos políticos teme ser vista como fracos na defesa do Islã. Taseer, no entanto, era um crítico aberto da lei.

O grupo de sábios paquistaneses Jamaat-e-Ahl-e-Sunnat, que fez a ameaça velada, é de uma escola moderada do islamismo no país. É um crítico aberto dos militantes do Taliban que se opõem por meios violentos ao governo do Paquistão e aos EUA.

É uma das maiores representações de sábios da corrente predominante no país, a dos muçulmanos sunitas. Embora seja moderado, o grupo está encabeçando os protestos em favor da lei da blasfêmia.

A linha-dura adotada pelos moderados demonstra as dificuldades do governo dos EUA, que considera o Paquistão indispensável em sua guerra contra a militância, para convencer os líderes paquistaneses a reprimir o extremismo religioso.

“Mais de 500 sábios do Jamaat-e-Ahl-e-Sunnat aconselharam os muçulmanos a não oferecer cerimônias fúnebres ao governador do Punjab, Salman Taseer, nem tentar conduzir as orações,” disse o grupo em um comunicado.

“Também não deve haver nenhuma expressão de pesar ou lamento pela morte do governador, já que aqueles que apoiam a blasfêmia ao Profeta estão também incorrendo em blasfêmia.”

Fonte: Yahoo / Gospel Prime

09/01/2011

Como devem os cristãos disciplinar seus filhos? O que diz a Bíblia?


Décadas atrás, “bater” nas crianças era uma prática comumente aceita. Em anos recentes, entretanto, “bater” (e outras formas de castigo corporal) foi substituído por “parar em um canto para pensar” e outros castigos que não envolvam disciplina física. Bater em crianças é, na verdade, considerado ilegal em alguns países. Muitos pais e mães temem bater em seus filhos e serem denunciados ao governo e ter a guarda deles tomada. Não entenda mal: não estamos, de modo algum, defendendo o abuso infantil. Uma criança nunca deverá ser disciplinada fisicamente a ponto de causar a ela dano físico. De acordo com a Bíblia, entretanto, a disciplina física, apropriada e controlada, é algo bom e contribui para o bem estar e correto treinamento da criança.

Muitas Escrituras, na verdade, promovem a disciplina física. “Não retires a disciplina da criança; pois se a fustigares com a vara, nem por isso morrerá. Tu a fustigarás com a vara, e livrarás a sua alma do inferno.” (Provérbios 23:13,14). Há também outros versículos que apóiam a correção física (Provérbios 13:24, 22:15, 20:30). A Bíblia fortemente enfatiza a importância da disciplina; é algo de que todos precisamos para que sejamos pessoas produtivas, e é muito mais fácil se aprendido quando formos mais jovens. Crianças que não recebem disciplina crescem rebeldes, sem respeito à autoridade, e como resultado, obviamente não estarão dispostas a prontamente obedecer e seguir a Deus. Ele usa a disciplina para nos corrigir e conduzir ao caminho certo e para encorajar o arrependimento por nossos atos (Salmos 94:12; Provérbios 1:7, 6:23, 12:1, 13:1, 15:5; Isaías 38:16; Hebreus 12:9). Estes são apenas alguns versos sobre o bem da disciplina.

E é aqui que está o problema: muitas vezes os pais são excessivamente passivos ou excessivamente agressivos ao criar seus filhos. Os que não crêem na “disciplina física”, às vezes não têm a capacidade de corrigir e disciplinar de forma correta, causando que seus filhos cresçam desobedientes e insubordinados. Isto, no futuro, será maléfico a seus filhos. “A vara e a repreensão dão sabedoria, mas a criança entregue a si mesma envergonha a sua mãe” (Provérbios 29:15). E há também alguns pais que não compreendem bem a definição bíblica de disciplina (ou podem ser, simplesmente, pessoas abusivas) e a usam para justificar o abuso e maltrato a seus filhos.

A disciplina é usada para corrigir e treinar pessoas a caminharem na direção correta. “E, na verdade, toda a correção, ao presente, não parece ser de gozo, senão de tristeza, mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos exercitados por ela” (Hebreus 12:11). A disciplina de Deus é feita com amor, assim como deve ser a disciplina entre os pais e o filho. A punição física jamais deve ser usada para causar dano permanente ou dor, mas é aceitável que se dê um rápido tapa (nas nádegas, lugar mais “acolchoado”) a fim de ensinar à criança que o que ela fez foi errado. Mas isto jamais deverá ser usado para dar vazão a nossa ira e frustrações, ou ser feito de forma incontrolada.

“E vós, pais, não provoqueis à ira a vossos filhos, mas criai-os na doutrina e admoestação do Senhor” (Efésios 6:4). Criar um filho na disciplina e instrução aprovadas pelo Senhor” inclui disciplina física controlada, corretiva e sim, em amor.

Fonte: GoQuestons

09/01/2011

Ossuário de irmão de Jesus é verdadeiro, diz universidade hebráica


Ela pesa 25 quilos. Tem 50 centímetros de comprimento por 25 centímetros de altura. E está, indiretamente, no banco dos réus de um tribunal de Jerusalém desde 2005. A discussão em torno de uma caixa mortuária com os dizeres “Tiago, filho de José, irmão de Jesus” nasceu em 2002, quando o engenheiro judeu Oded Golan, um homem de negócios aficionado por antiguidades, revelou o misterioso objeto para o mundo. A possibilidade da existência de um depositário dos restos mortais de um parente próximo de Jesus Cristo agitou o circuito da arqueologia bíblica. Seria a primeira conexão física e arqueológica com o Jesus do Novo Testamento. Conhecido popularmente como o caixão de Tiago, a peça teve sua veracidade colocada em xeque pela Autoridade de Antiguidades de Israel (IAA). Em dezembro de 2004, Golan foi acusado de falsificador e a Justiça local entrou no imbróglio. No mês passado, porém, o juiz Aharon Far¬kash, responsável por julgar a suposta fraude cometida pelo antiquário judeu, encerrou o processo e acenou com um veredicto a favor da autenticidade do objeto. Também recomendou que o IAA abandonasse a defesa de falsificação da peça. “Vocês realmente provaram, além de uma dúvida razoável, que esses artefatos são falsos?”, questionou o magistrado. Nesses cinco anos, a ação se estendeu por 116 sessões. Foram ouvidas 133 testemunhas e produzidas 12 mil páginas de depoimentos.

Especialista em arqueologia pela Universidade Hebraica de Jerusalém, Rodrigo Pereira da Silva acredita que todas as provas de que o ossuário era falso caíram por terra. “A paleografia mostrou que as letras aramaicas eram do primeiro século”, diz o professor do Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp). “A primeira e a segunda partes da inscrição têm a mesma idade. E o estudo da pátina indica que tanto o caixão quanto a inscrição têm dois mil anos.” O professor teve a oportunidade de segurá-lo no ano passado, quando o objeto já se encontrava apreendido no Rockfeller Museum, em Jerusalém.

Durante o processo, peritos da IAA tentaram desqualificar o ossuário, primeiro ao justificar que a frase escrita nele em aramaico seria forjada. Depois, mudaram de ideia e se ativeram apenas ao trecho da relíquia em que estava impresso “irmão de Jesus” – apenas ele seria falso, afirmaram.


Inscrição: Tiago, irmão de Jesus

A justificativa é de que, naquele tempo, os ossuários ou continham o nome da pessoa morta ou, no máximo, também apresentavam a filiação dela. Nunca o nome do irmão. Professor de história das religiões, André Chevitarese, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, levanta a questão que aponta para essa desconfiança. “A inscrição atribuiria a Tiago uma certa honra e diferenciação por ser irmão de Jesus. Como se Jesus já fosse um pop¬star naquela época”, diz ele. Discussões como essa pontuaram a exposição de cerca de 200 especialistas no julgamento. A participação de peritos em testes de carbono-14, arqueologia, história bíblica, paleografia (análise do estilo da escrita da época), geologia, biologia e microscopia transformou o tribunal israelense em um palco de seminário de doutorado. Golan foi acusado de criar uma falsa pátina (fina camada de material formada por microorganismos que envolvem os objetos antigos). Mas o próprio perito da IAA, Yuval Gorea, especializado em análise de materiais, admitiu que os testes microscópicos confirmavam que a pátina onde se lê “Jesus” é antiga. “Eles perderam o caso, não há dúvida”, comemorou Golan.

O ossuário de Tiago, que chegou a ser avaliado entre US$ 1 milhão e US$ 2 milhões, é tão raro que cerca de 100 mil pessoas esperaram horas na fila para vê-lo no Royal Ontario Museum, no Canadá, onde foi exposto pela primeira vez, em 2002. Agora que a justiça dos homens não conseguiu provas contra sua autenticidade, e há chances de ele ser mesmo uma relíquia de um parente de Jesus, o fascínio só deve aumentar.

Fonte: O Verbo / Revista Istoé / ADIBERJ

%d blogueiros gostam disto: