Igreja americana anuncia corte de salário


 Igreja americana anuncia corte de salário A Igreja Batista New Birth Missionary, conduzida pelo Bispo Eddie Long, anunciou, que irá cortar pessoal e reduzir salários dos empregados.

A megaigreja de Lithonia, Georgia, disse que os cortes serão em resposta à desaceleração econômica. “Como numerosas outras Igrejas e organizações de caridade pela Georgia e o resto do país, a New Birth e sua comunidade de fé tem sido impactada pela desaceleração na economia,” disse a Igreja, de acordo com o The Atlanta Journal-Constitution. 

Os dois empregados de tempo integral estão sendo demitidos e os salários irão diminuir em 10%. A New Birth também experimentará um ajuste de trabalho semanal de quatro horas diárias, ao invés de cinco.

O anúncio da Igreja não deixou claro se o salário de Long irá também ser afetado. Ela observou que a compensação do pastor está determinado por um conselho independente, e o conselho das CPAs da New Birth e os consultores fiscais, “tudo em conformidade com os regulamentos do IRS,” como relatado pelo jornal.

O anúncio vem meses depois que investigação na despesa do seu ministério, juntamente com outros cinco, foi concluída. A New Birth foi um dos quatro ministérios que não cooperaram com a investigação, liderada pelo Senador Charles Grassley, membro do ranking do Comitê de Finanças.

Nenhuma penalidade foi entregue. Uma revisão das práticas dos funcionários da Igreja dos ministérios populares de mídia foi lançada, mas com pequena cooperação da New Birth, os funcionários de Grassley foi forçado a obter informação através de registros públicos e terceiros. E pouco pôde ser confirmado sobre o salário atual e despesas de Long.

Enquanto a desaceleração econômica forçou muitas Igrejas e organizações religiosas a fazerem cortes, uma recente pesquisa encontrou que megaigrejas (com atendimento de 2 mil ou mais) tem se saído bem.

A Leadership Network relatou ano passado que somente 4% das megaigrejas cortaram salários em 2010.

Também foi encontrado que os custos dos funcionários estavam na média entre 40% e 50% do orçamento de muitas Igrejas. A típica megaigreja – pelo menos entre aquelas que foram pesquisadas – teve um total de mais de $5 milhões e mais de 50 funcionários em tempo integral.

Fonte: Christian Post / Redação CPAD News

Escreva Aqui seu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: