Archive for junho 9th, 2011

09/06/2011

Falece pastor Bílio de Mello


Falece pastor Bílio de Mello Faleceu na noite desta quarta-feira (8), aos 93 anos, o pastor Bílio de Mello. Nascido em 18 de março de 1918, em Belém do Pará, pastor Bílio converteu-se ao Evangelho em 16 de maio de 1929.

Em 1944, o jovem Bílio de Mello chega ao Rio de Janeiro e torna-se membro da Assembleia de Deus em São Cristóvão, participando logo nas atividades da igreja sob a orientação do missionários Samuel Nystrom e de seu auxiliar imediato, Cícero Canuto de Lima.

Em 1965, foi consagrado a pastor e dirigiu diversas congregações. Atualmente, pastor Bílio congregava na Assembleia de Deus do Rio de Janeiro, liderada pelo pastor Temóteo Ramos de Oliveira.

Pastor Bílio estava internado há alguns dias e faleceu de falência múltipla de órgãos. Ele deixa viúva a irmã Elci, dois filhos, três netos e 2 bisnetos. O corpo está sendo velado na AD do Rio de Janeiro e o sepultamento está marcado para às 16 horas, no Cemitério do Catumbi, zona Norte do Rio de Janeiro.

Redação CPAD News

09/06/2011

Em 8 de junho de 1911 acontecia o primeiro batismo da Assembleia de Deus


Em 8 de junho de 1911 acontecia o primeiro batismo da Assembleia de DeusNo dia 8 de junho foi comemorada a data do primeiro batismo realizado pelos missionários suecos que fundaram a igreja Assembleia de Deus. No dia 8 de junho de 1911, Celina Martins Albuquerque recebeu o batismo nas águas.

Há exatos 100 anos Daniel Berg e Gunnar Vingren batizavam a primeira pessoa de acordo com os ensinamentos da nova doutrina pentecostal que surgia em Belém.

Eles estavam no Brasil há sete meses e aos poucos foram se tornando conhecidos, depois de pregarem a palavra de Deus, inicialmente no Marajó e depois de volta à capital paraense.

Nessa época eles eram integrantes da igreja Batista, mas a forma como eles oravam, a cura e o batismo por eles pregado dividiram opiniões dentro da igreja Batista, por essas razões os missionários foram excluídos da igreja.

Juntamente com Berg e Vingren, outras 13 pessoas saíram e fundaram a nova igreja. A casa de Celina Albuquerque foi o ponto inicial da Assembleia de Deus. Situada na rua Siqueira Mendes, a casa abrigou, durante três meses, os primeiros cultos.

De acordo com dados históricos, Celina estava acamada, sofrendo de um possível câncer nos lábios. Depois de intensas noites de oração ela teria sido curada, passando a querer ser batizada de acordo com os preceitos da igreja que surgia. O batismo ocorreu na madrugada de quinta-feira, 8 de junho de 1911.

A data de hoje foi lembrada e comemorada por diversas Assembleias de Deus espalhadas pelo Brasil.

Fonte: Gospel Prime /Diário do Pará

09/06/2011

Igreja Universal faz trabalho de evangelização em unidades prisionais da Bahia


Igreja Universal faz trabalho de evangelização em unidades prisionais da BahiaA Igreja Universal do Reino Deus desenvolve um trabalho de evangelização nas unidades prisionais da Bahia, tanto em Salvador como no interior do estado, levando a palavra de Deus para os detentos.

Os voluntários da IURD se revezam para atender a todos os encarcerados. O trabalho realizado por eles beneficia tanto os presos quanto suas famílias.

De acordo com o secretário da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos da Bahia, Almiro Sena (foto ao lado), o trabalho evangelístico é fator relevante no processo de ressocialização dos presos. “Considerando todos os credos religiosos, sou plenamente favorável. Obviamente, respeitado a laicidade do Estado, já que é facultado aos detentos o acesso ao segmento religioso que lhe for conveniente. A fé é algo bom para o espírito do ser humano, e se torna mais ainda para aquele que está privado da liberdade”, disse.

O ministério da IURD realiza palestras para incentivar os detentos a compreenderem que a fé é uma alternativa importante para quem deseja mudar de vida. Nesses encontros que acontecem quatro vezes por semana são distribuídos exemplares da Folha Universal e revistas. Eventualmente, os participantes são presenteados com Bíblias e kits de higiene.

O grupo também realiza cerimônias de batismo nas águas, para o Sérgio Simplício, coordenador do Grupo,  esse procedimento de fé concretiza a decisão do preso de trilhar um novo caminho. “É como um primeiro grande passo para a mudança, para a transformação de vida. Todos são passíveis de falhas, mas por meio desse trabalho eles recebem a oportunidade de recomeçar. E o batismo nas águas é a representação deste recomeço, para aquele que realmente crê e aceita o Senhor Jesus como Salvador”, disse o pastor.

Fonte: Gospel Prime / Arca Universal

09/06/2011

Médico consegue liminar para fazer transfusão de sangue em Testemunha de Jeová


Médico consegue liminar para fazer transfusão de sangue em Testemunha de JeováUm médico da cidade de Piratuba, zona rural de Santa Catarina, entrou na justiça pra pedir uma liminar para autorizá-lo a fazer a transfusão de sangue em uma paciente que não aceitava o procedimento por ser adepta da Testemunha de Jeová.

A mulher que não foi identificada sofreu um acidente no último domingo, 5 de junho, quando um carro se chocou com duas motos. O dono do veículo fugiu e um dos motociclistas faleceu.

A transfusão de sangue só aconteceu na manhã da última terça-feira, quando o juiz Rudson Marcos concedeu a liminar autorizando o médico a realizá-la.

A mulher está internada em estado grave no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital São Francisco e ainda corre risco de morte.

Fonte: Gospel Prime

Com informações Rádio Rural

09/06/2011

Trabalho missionário com crianças é ameaçado no Uruguai


Trabalho missionário com crianças é ameaçado no Uruguai O casal missionário no Uruguai, pastor Daniel e Clélia Duarte, pede aos irmãos em Cristo no Brasil que orem pelo projeto Casa Minha Esperança, localizado no bairro San Isidro, na periferia de Las Piedras, onde boa parte das famílias moram em assentamentos. O projeto atende mais de 30 crianças carentes, dando-lhes lanches, roupas e, principalmente, alimento espiritual.

O projeto é desenvolvido no terreno da casa onde moram seus líderes, Mário e Rosita, que chegaram a construir um pequeno salão para a realização de atividades com as crianças. O grande problema é que esse terreno pertence à Comunidade Católica e está no processo de doação para passar a escritura aos seus moradores. Recentemente, as freiras responsáveis pela administração desse terreno iniciaram uma espécie de perseguição, negando cestas básicas às famílias que permitem que seus filhos participem do projeto Casa Minha Esperança, inclusive realizando as reuniões para entrega no mesmo horário da escola bíblica.

Apesar dessa ameaça, os pais continuaram levando suas crianças para o projeto. Então, no último fim de semana as religiosas decidiram dar o golpe final. Elas chamaram os líderes do projeto para dizer que, caso eles não interrompam as atividades com as crianças não receberão a transferência da escritura do terreno e terão que se retirar da casa.

“Sabemos que essa luta não é contra as freiras, mas sim contra os opositores espirituais da maldade que querem impedir que a esperança do Reino domine os corações dessas crianças e de suas famílias. Ore pelo casal de líderes, que ama esse ministério, mas ficaram muito abatidos com a ameaça. Peça por sabedoria e discernimento do Senhor para que encontremos novas portas. Interceda também pelas freiras, a fim de que os ciúmes e a religiosidade não as impeçam de permitir fazer o bem”, pede o pastor Daniel.

Fonte: Junta de Missões Mundiais

09/06/2011

SOS Japão: você também pode fazer sua doação


SOS Japão: você também pode fazer sua doaçãoApós sofrer  terremoto seguido de um tsunami, o Japão foi destruído fisicamente e ‘quebrou’ financeiramente após o dia 11 de março. A Junta de Missões Mundiais lançou o SOS Japão, na tentativa de recolher donativos e ajudar os desabrigados com a catástrofe natural, na qual causou vazamento das usinas nucleares ativas no país.

Os missionários pedem doações de água mineral, querosene, pacotes de sopa instantânea, leite em pó, fraldas descartáveis, absorventes, lenços umedecidos e outros produtos não perecíveis.

Nem mesmo as igrejas evangélicas instaladas no país resistiram ao tremor de 8,9 graus na escala Richter. Muitos pastores e missionários sofreram com a escassez de alimentos e água, sem falar no medo de contaminação radioativa.

Para doar ligue para             (21) 2122-1910       ou             0800-709-1900      . Acesse também o site www.jmm.org.br

Fonte: Creio

09/06/2011

Estudante consegue liberação da justiça americana e faz oração em formatura


Estudante consegue liberação da justiça americana e faz oração em formatura Depois de ser proibida de falar sobre Deus em seu discurso de formatura, a jovem Angela Hildenbrand, formanda da turma de ensino médio de uma escola de Castroville (Texas, EUA), pode fazer uma oração assim que começou seu discurso.

A oradora do turma tinha sido proibida pela Justiça por um processo movido por um aluno de família agnóstica que moveu a ação baseada na Constituição dos Estados Unidos que garante a laicidade do Estado. Além disso, a família do garoto alegou que se na formatura a estudante oradora da turma falasse de religião, seu filho sofreria “danos emocionais irreparáveis”.

Na quarta-feira, 1 de junho, o juiz federal Fred Biery atendeu ao pedido da família agnóstica e proibiu Angela de fazer a oração. Essa decisão incomodou até o governador do Texas, Ricky Perry que deu apoio para que um recurso jurídico de emergência pudesse derrubar a decisão de Biery.

Na sexta-feira, 3, a Corte de Apelação anulou a proibição do juiz porque, no entendimento de seus magistrados, manifestações religiosas por parte de estudantes não podem ser consideradas como intromissão da religião no Estado.

Depois da oração a estudante enviou um recado para seu colega que não esteve presente na formatura. “Se você não quer se juntar a mim, fique à vontade para fazer o que acreditar que seja melhor”. E acrescentou: “Agradeço a Deus pelo apoio que recebi de toda a comunidade”.

A família agnóstica justificou sua ausência dizendo que ela não seria bem-vinda e também por temer a segurança, já que estava sendo alvo de comentários hostis.

Fonte: Gospel Prime

09/06/2011

Santo Sudário de Turim foi pintado por italiano em 1315, diz estudioso


O Santo Sudário de Turim, um dos objetos mais venerados do Cristianismo, foi na verdade um trabalho do pintor italiano pré-renascentista Giotto. Esta é a conclusão de um estudo do artista italiano Luciano Buso.

O pano de linho puro, de 4 metros e 36 centímetros de comprimento por 1 metro e 10 centímetros de largura, que alguns afirmam ter sido utilizado para envolver o corpo de Jesus Cristo após sua crucificação, tem sido alvo de várias teorias, sendo até hoje um dos trabalhos mais misteriosos do mundo.

Luciano Buso, pintor e restaurador de arte, analisou exaustivamente e ao pormenor o Sudário de Turim através de várias fotografias oficiais cedidas pelas arquidioceses de Turim e garante ter encontrado a marca de Giotto no lenço. O italiano explica que a peça tem a marca de Giotto, presente em muitos dos seus trabalhos, garantindo ter verificado a presença do número 15 em várias partes do Santo Sudário, significando que a obra terá sido criada em 1315.

De acordo com a investigação, a peça está também assinada, mas assim como o número 15, nunca ninguém conseguiu ler porque Giotto terá usado uma técnica de escrita oculta que os pintores costumavam usar naquela época como marca indelével da autenticidade das suas obras.

São várias as teorias que existem em torno do Santo Sudário de Turim. Não existe acordo sobre a verdadeira origem da peça, nem mesmo se terá coberto o corpo de Cristo.

Em 1898, foram feitos os primeiros testes para se provar que o pano realmente serviu esse fim, depois de um fotógrafo de Turim ter feito uma foto do manto e, na revelação, ter descoberto que os negativos mostravam o corpo e o rosto de um homem crucificado. Em 1989, o Sudário foi submetido a um teste específico de carbono em três laboratórios diferentes, onde se chegou à conclusão que o pano de linho foi criado cerca de 1300 anos depois da morte de Jesus, entre 1260 e 1390.

Luciano Buso utiliza estes testes para provar que a sua teoria se enquadra no período de criação da peça e acrescenta que não acredita que Giotto não tivesse assinado claramente o trabalho para enganar as pessoas. “Ele não estava a tentar fingir nada, o que é claro tendo em conta que ele assinou ‘Giotto 15’, para autenticar o seu próprio trabalho”, disse ao The Independent o italiano.

Esta nova investigação também já está a gerar uma grande onda de controvérsia e criticas na Itália e nos meios religiosos. Os críticos acham que a teoria de Buso não faz sentido porque a Sudário de Turim não tem o padrão de Giotto.

Em 2010, o Sudário de Turim foi exposto ao público na Catedral de Turim, atraindo cerca de dois milhões de visitantes e peregrinos.

Fonte: Paulo Lopes

09/06/2011

Silas Malafaia explica a PEC 23/2007 e o voto a favor de seu irmão


A emenda tem o objetivo de incluir a orientação sexual no rol dos direitos fundamentais da Constituição do Rio de Janeiro.

O pastor Silas Malafaia enviou uma nota para a imprensa explicando do que se trata a proposta de emenda à Constituição do Estado do Rio de Janeiro a PEC 23/2007, esse projeto está em trâmite na Assembleia Legislativa e tem o objetivo de incluir a orientação sexual (LGBT) no rol dos direitos fundamentais previstos na Constituição estadual.

O pastor resolveu falar sobre o caso depois de ser noticiado que até o seu irmão, deputado Samuel Malafaia, teria votado a favor na primeira votação desse projeto na Alerj.

Não só Samuel Malafaia como outros deputados evangélicos acabaram apoiando este projeto. “Fizeram isso não porque apóiam essa emenda, mas por não terem observado minuciosamente a proposta. Tanto que foram os próprios parlamentares cristãos que me alertaram. Agora eles estão empenhados para que essa emenda não seja aprovada na segunda votação.”

O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo fez uma série de críticas a PEC 23/2007 durante a Marcha para Jesus do Rio que aconteceu no último sábado, 4 de junho.

Malafaia foi questionado por muitas pessoas sobre o voto favorável dado por seu irmão a uma PEC que ele julga como “inconstitucional” e contrária aos direitos da família. Sobre isso ele disse: “O que eu acho engraçado é dizerem que eu critiquei a PEC 23/2007 porque não observei que meu irmão havia votado a favor, como se minha postura fosse baseada pela atitude dos outros, sejam membros da minha família ou não.”

O pastor também diz que ele não ficaria calado se soubesse que seu próprio irmão tinha cometido um erro. “Com todo o respeito, querem insinuar que eu sou um mau-caráter, que ficaria calado se soubesse que meu irmão cometeu um erro. Pelo jeito vocês ainda não me conhecem. A minha consciência não está à venda para ninguém.”

Fonte: Gospel Prime

09/06/2011

“A perseguição é parte da vocação cristã”, diz bispo


Três anos após o massacre em Kandhamal, o número de fiéis na região de Orissa está crescendo, diz o arcebispo da região, John Barwa.

Enquanto a perseguição aos cristãos permanece, a fé das pessoas tem crescido e “o número de fiéis está aumentando”, disse o arcebispo, que foi recentemente empossado como o novo arcebispo de Cuttack-Bhubaneshwar.

“A perseguição existe, enfrentamos muitos desafios, sempre estamos preocupados. Mas acreditamos que a perseguição é parte da nossa vocação cristã e da nossa vida cristã. Não temos medo, nós temos que viver para Deus”, disse o arcebispo em entrevista para a Fides.

“Sabemos que, onde há perseguição, a fé se fortalece e hoje eu tenho orgulho de dizer que a fé do meu povo está se fortalecendo. O sangue derramado por causa da nossa fé em Cristo é sempre a semente de novos cristãos. Em Orissa, o número de cristãos está aumentando.”

De acordo com o Conselho Cristão da Índia, 14 dos 30 distritos do estado de Orissa foram afetados pela violência religiosa. Foram 6 mil casas queimadas em 400 aldeias, incluindo 296 igrejas e lugares onde se realizavam cultos cristãos.

“Em resumo, há ódio e hostilidade contra os cristãos, que resultam em discriminação em nome de alguns setores da sociedade e também para as instituições”, disse o Arcebispo.

John Barwa ainda disse que a população da região não tem confiança na polícia e na segurança deles, pois constantemente sofrem violência e não são ajudados.

Fonte: Portas Abertas

%d blogueiros gostam disto: