Archive for junho 10th, 2011

10/06/2011

Judia ortodoxa pode ficar fora do europeu de basquete


Proibida de usar veste religiosa, atleta de Israel pode ficar fora do Europeu.

Judia ortodoxa, Naama Shafir pediu para jogar com blusa por baixo do uniforme, mas teve a solicitação negada pela organização do campeonato
Uma das principais jogadoras da seleção de Israel, Naama Shafir pode ficar fora do Europeu de basquete por não chegar a um acordo com a FIBA sobre seu uniforme na competição. Judia ortodoxa, a pivô, que atua no basquete universitário dos EUA, pediu para usar uma camisa por baixo da roupa de sua seleção, como faz no seu time. O pedido, no entanto, não foi atendido.
De acordo com o regulamento, todas as jogadoras devem usar o mesmo uniforme. Naama, no entanto, quer seguir as orientações de sua religião, que diz que as mulheres devem cobrir os ombros em público.
Os organizadores do campeonato, que será realizado na Polônia, neste mês, disseram que a jogadora não poderá usar a camisa durante o campeonato. Nesta quinta, Naama afirmou que, então, não vai participar da competição. A federação israelense chegou a apelar da decisão, mas não foi atendida.

Fonte: Notícias Cristãs / Coisas Judaicas

10/06/2011

Frei italiano é encontrado morto com ferimento na cabeça na Bahia


Segundo a polícia, frei foi encontrado por padre da mesma paróquia. Ele morava em Porto Seguro há 40 anos. Polícia vai investigar o crime.
Um frei italiano foi encontrado morto na noite desta quarta-feira (8), em Porto Seguro, a 723 Km de Salvador, segundo informações da polícia. Miguel Antônio Gagliardi tinha 73 anos era natural da cidade italiana de Nápoles.
Ele morava em Porto Seguro há mais de 40 anos. De acordo com a polícia, o frei foi encontrado morto no quarto em que dormia na Casa Paroquial da Igreja Nossa Senhora do Brasil, que fica no centro da cidade, por um padre da mesma paróquia. A polícia informou que o frei foi encontrado caído no chão e ele apresentava uma lesão na cabeça que pode ter sido provocada por um objeto pontiagudo. A polícia ainda não tem detalhes do crime.

Saúde frágil
Segundo pessoas próximas ao frei Miguel Gagliardi, ele havia feito recentemente uma cirurgia no braço esquerdo e estava bastante debilitado. Ele também fazia hemodiálise três vezes por semana. O local do velório e sepultamento ainda não foram divulgados.

Fonte: Notícias Cristãs / TV Santa Cruz via G1

10/06/2011

PEC que inclui orientação sexual nos direitos da Constituição estadual é retirada da pauta


PEC que inclui orientação sexual nos direitos da Constituição estadual é retirada da pautaDepois da pressão dos evangélicos do Rio de Janeiro o deputado estadual Gilberto Palmares optou por retirar da pauta dessa segunda-feira, 6, a proposta de emenda constitucional (PEC) 23/2007 que inclui a orientação sexual entre as características pelas quais um cidadão não pode ser discriminado ou beneficiado, segundo a Constituição do Estado.

O texto já tinha passado por uma votação no dia 25 de maio sendo aprovado, inclusive, por deputados evangélicos como o Samuel Malafaia e Marcos Soares (filho do missionário R.R. Soares).

O projeto foi retirado devido as reações causadas pela campanha encabeçada pelo pastor Silas Malafaia que acusa a proposta de inconstitucionalidade e pediu para que os fiéis entrassem em contato com os deputados da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro pedindo para que a emenda não fosse aprovada.

“Decidi retirar a PEC, porque, antes de ela entrar de novo em pauta, quero conversar com a bancada evangélica para explicar o meu real objetivo com esse texto”, explicou o parlamentar, para a revista Exibir Gospel.

O deputado também esclarece que a PEC 23/2007 não tem nenhuma ligação com o Projeto de Lei 122/2006. “A minha proposta não tem relação nenhuma com a PL 122. O propósito da PEC é evitar que mais homossexuais morram, como aconteceu recentemente em São Gonçalo”.

O deputado Gilberto Palmares pretende se reunir na próxima semana com os deputados evangélicos para explicar qual a verdadeira intenção dessa emenda e esclarecer a polêmica criada.

“O pastor Silas Malafaia tem todo o direito a manifestar a sua opinião, mas eu quero deixar claro que não pretendo entrar nesse debate de discutir relação homoafetiva. O meu objetivo não é apenas que a proposta seja aprovada, é garantir direitos como meio de combate a agressões”, explica.

Palmares é contra a aprovação do PL 122 da maneira como está redigida e diz “ninguém pode ser criminalizado por delito de opinião”.

Fonte: Gospel Prime /Exibir Gospel

10/06/2011

Médicos cristãos se reúnem em conferência para analisar a cura divina


Médicos cristãos se reúnem em conferência para analisar a cura divinaNos dias 11 e 12 junho acontecerá na cidade de Brisbane, Austrália, a 8ª Conferência Internacional de Espiritualidade e Medicina, evento que reune médicos cristãos e profissioanis de saúde de diversos países do mundo.

De acordo com Dan Wooding, fundador da Assist Ministerios, os médicos presentes vão analisar estudos de casos reais de milagres apresentados por vários médicos que tem o objetivo de provar que existe cura divina.

O evento é promovido pela Rede de Médicos do Mundo Cristão (WCDN – sigla em inglês), uma organização interdenominacional composta por profissionais médicos e cristãos de todo o mundo que acreditam na cura divina.

“WCDN quer motivar os profissionais médicos cristãos a refletirem o amor de Jesus Cristo e serem testemunhas dEle também na área profissional”, explicou um porta-voz da organização.

Segundo informações do porta-voz dois terços das escolas médicas dos EUA, como Harvard e Johns Hopkins, oferecem cursos sobre a espiritualidade e a fé em seus currículos, principalmente porque os pacientes estão exigindo um cuidado mais espiritual.

Ele também lembra que uma sondagem da revista NewsWeek apontou que 84% dos americanos disseram que acreditam e oram para que os outros possam ter um efeito positivo sobre a sua recuperação.

Nessa linha de pensamento, um grupo de cristãos médicos começou o WCDN para tratar de questões sobre a espiritualidade no contexto dos médicos cristãos, com a sua principal intenção de influenciar e equipar esses profissionais, partilhando a bondade de Cristo sob a forma de proclamar o evangelho, principalmente através do ministério de cura.

Como em todas as suas conferências internacionais, as profissões médicas vão estar à procura de casos de cura divina com comprovação científica. Muitos deles estarão fazendo apresentações e, posteriormente, seus colegas serão então capazes de questioná-los sobre a verificação do milagre.

Fonte: Gospel Prime / CPAD News e  Christian Telegraph

 

10/06/2011

Samuel Malafaia explica o voto favorável a PEC 23/2007


Samuel Malafaia explica o voto favorável a PEC 23/2007O deputado estadual do Rio de Janeiro, Samuel Malafaia, irmão do pastor Silas Malafaia, divulgou nota esclarecendo os motivos que o levaram a aprovar a emenda constitucional, a PEC 23/2007 que inclui a opção sexual nos direitos fundamentais previstos na Constituição Estadual.

De acordo com ele o texto não dá regalias especiais ao grupo LGBT, apenas reforça a não discriminação. A PEC 23/2007 incluiria a opção sexual no artigo 9º, §1º que diz: “ninguém será discriminado, prejudicado ou privilegiado em razão de nascimento, idade, etnia, raça, cor, sexo, estado civil, trabalho rural ou urbano, religião, convicções políticas ou filosóficas, deficiência física ou mental, por ter cumprido pena nem por qualquer particularidade ou condição.”

Leia a nota de Samuel Malafaia na íntegra:

“Em virtude da recente polêmica da PEC 23/2007, em alguns sites, quero informar que em várias ocasiões na Alerj manifestei veementemente minha opinião em favor da família, constituída por pai, mãe, homem, macho e fêmea. Assim fui ensinado, assim tenho minha opinião como cristão, como pai, como homem, como cidadão e como parlamentar. Por vezes, fui até vaiado pela platéia presente no plenário por ser contra privilégios para homossexuais.

O que não posso é ser preconceituoso, principalmente como parlamentar, pois a Constituição do Estado do Rio de Janeiro estabelece em seu art. 9º, §1º que: “ninguém será discriminado, prejudicado ou privilegiado em razão de nascimento, idade, etnia, raça, cor, sexo, estado civil, trabalho rural ou urbano, religião, convicções políticas ou filosóficas, deficiência física ou mental, por ter cumprido pena nem por qualquer particularidade ou condição.” A partir daí, quero esclarecer que na votação do dia 25 de maio, em primeira votação, por orientação das bancadas dos Partidos, vários evangélicos, inclusive eu, votamos a favor da tal emenda.

Naquele momento, entendemos que a proposta de emenda apenas reforçava a não discriminação pura e simples da pessoa homossexual, e que tão pouco não visava privilegiá-los. Note-se que seria uma grande contradição que a bancada evangélica – em quase sua totalidade – votasse a favor de uma idéia que vai de encontro aos preceitos bíblicos e nossas crenças; e até mesmo às nossas plataformas políticas, se não fosse em decorrência de uma interpretação errônea no afã de uma calorosa discussão em plenário. Aprofundamos nossa análise e entendemos que a PEC 23/2007 apresenta artimanhas que possibilitariam fundamentar legalmente condutas tão reprováveis em nossa sociedade, que visam destruir a família.

Dessa forma, estamos nos articulando para derrubar tal projeto na segunda votação. Portanto, lamentamos não ter percebido a sutileza das intenções do projeto na primeira votação, mas repudiamos as manifestações que queiram nos apresentar como contrários à causa do Evangelho.

Samuel Malafaia – Deputado Estadual”

Fonte: Gospel Prime

10/06/2011

Cantor norte-americano afirma ter cantado com um anjo


Cantor norte-americano afirma ter cantado com um anjoO cantor Jason Upton, líder do ministério norte-americano Key of David, contou na coletiva de imprensa da Conferência Livres 2011, que aconteceu em São Paulo, que durante sua apresentação que resultou na gravação de um CD, ele teve a oportunidade de cantar com um anjo.

O show de gravação aconteceu para 700 órfãos, o evento durou quatro horas e apenas uma canção foi cantada. “Nós dividimos em faixas para o CD, mas, na verdade, o álbum todo é composto por apenas uma faixa.”

No final dessa apresentação uma das crianças se dirigiu ao músico e disse que tinha visto um grande anjo cantando atrás dele. “Eu só concordei, olhei pro pessoal da banda e ri. Achei bonitinho, mas disse que deveria ser coisa de criança, que na igreja dela deveriam falar muito sobre anjos,” lembra.

Upton só passou a acreditar na visão daquela criança quando ele ouviu a gravação e percebeu que juntamente à sua voz podia se ouvir um som diferente. Questionando o engenheiro de som que trabalhou naquele CD ele tentou achar a resposta daquela segunda voz.

“Ele me disse que era uma interferência nos microfones e que me provaria separando o áudio de cada microfone e me mostrando que o tal som aparecia em todos eles.”

De acordo com o músico, o engenheiro de som dividiu os microfones e não encontrou nada até isolar o microfone principal e lá estava o som.

“O engenheiro de som me disse que era como se houvesse alguém cantando a uns cinco metros atrás de mim. Ele ficou sem palavras, apenas saiu, afirmando que precisava tomar um ar.”

Fonte: The Christian Post

10/06/2011

CGADB inicia as comemorações do Centenário das Assembleia de Deus


CGADB inicia as comemorações do Centenário das Assembleia de DeusTeve início na manhã desta quinta-feira, no Centro de Convenções e Feiras da Amazônia – Hangar, em Belém (Pará), a cerimônia de abertura das Comemorações do Centenário das Assembleias de Deus no Brasil.

No evento de hoje, voltado para pastores de todo o País, uma série de estudos sobre a “Assembleia de Deus Pós-Centenário”.  O evento foi pensado com o objetivo de gerar uma reflexão sobre o futuro da AD pós-centenário, além de motivar os pastores a se engajarem nos desafios de nossa igreja.

Pastor José Wellington Bezerra da Costa, presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), deu abertura aos trabalhos por volta das 10 horas. Em seguida, pastor Oscar Domingos de Moura, fez a oração. Pastor Gilberto Marques fez a leitura da Palavra nos Salmos 125 e 126.

Entre os temas abordados no estudo bíblico estão a necessidade de incentivar o estudo da Bíblia, a importância da atuação missionária, os principais desafios para a denominação e a estrutura administrativa da mesma.

Entre os palestrantes estão os pastores Elinaldo Renovato, Elienai Cabral, Wagner Gaby e José Satírio dos Santos – missionário na Colômbia há mais de 30 anos.

Pastor Elinaldo tratou sobre “O conhecimento bíblico e o esfriamento espiritual”. Na seqüência, pastor Wagner Gaby aborda o tema “Resolvendo os problemas internos”. Pastor Elienai Cabral fala sobre “Os desafios e objetivos da AD neste presente século”.  E para finalizar a série de estudos, pastor José Satírio ministra sobre “Missões: indo além no mundo com a mensagem do Evangelho”.

À noite, no mesmo local, será realizado o culto de abertura do Centenário, a partir das 19 horas. O evento tem ainda a participação dos cantores da Patmos Music, Victorino Silva, Lília Paz, Marcelo Santos e Alice Maciel.

Fonte: http://www.centenarioadbrasil.org.br

10/06/2011

Fifa mantém veto ao véu islâmico; seleção feminina iraniana vai recorrer


A Fifa confirmou a proibição do uso do véu islâmico nos Jogos Olímpicos de 2012. A seleção feminina de futebol do Irã informou que vai recorrer à Justiça contra decisão.Na sexta-feira (3), o time iraniano foi impedido de entrar em campo em partida contra a Jordânia, no Imã, por causa do uniforme, desclassificando-se para os jogos.

Há mais de um ano a Fifa determinou a proibição de  lenço na cabeça, porque, pelo seu regulamento, nenhum time pode ter uniforme que reflita um produto, ideologia política ou religião. A interpretação do Alcorão no Irã manda que as mulheres se cobram da cabeça aos pés.

Ali Kafashian, presidente da Federação de Futebol do Irã, disse que Joseph Blatter, presidente da Fifa, já tinha dado o consentimento para o uso do véu. Ele seu queixou de perseguição religiosa.

Fonte: Paulo Lopes

10/06/2011

Igreja Anglicana nega participação na parada gay


Bispo Robinson CavalcantiOs organizadores da Parada do Orgulho Gay estavam marcando um encontro com líderes religiosos na Paróquia Santíssima Trindade da Igreja Anglicana no Centro de São Paulo nesta quinta-feira. Mas a Igreja Anglicana do Bispo Robinson Cavalcanti esclarece “Homossexualismo incompatível às Sagradas Escrituras.”

O objetivo deste encontro entre teólogos, estudiosos e lideranças religiosas é “expressar apoios às manifestações homoafetivas em tempos de fundamentalismo religioso” conforme diz note do site da Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo (APOGLBT).

A Parada Gay deste ano tem o tema “Amai-vos uns aos outros – Basta de Homofobia!”. A Igreja Anglicana do Cone Sul da América considera esse lema como uma blasfêmia. A igreja também critica a atitude do líder da Parada que estará em um trio elétrico se apresentando como membro da Igreja Anglicana abrindo espaço para o segmento evangélico.

A Igreja deixa claro a Resolução 1.10 da Conferência de Lambeth de 1998 da Diocese que considera a prática do homossexualismo como “incompatível com os ensinos das Sagradas Escrituras, e dos documentos recentes da Aliança Evangélica e da Associação Brasileira de Educandários Evangélicos, afirmando a normatividade da heterossexualidade.”A Diocese lamenta que no universo protestante existam “Igrejas” assumidamente homossexuais (Metropolitana, Contemporânea, Inclusiva, etc.), e que haja segmentos denominacionais – inclusive autoproclamados “anglicanos” – que assumam posturas contrárias à Palavra de Deus.

A Igreja Anglicana também esclarece que considera os ditos “evangélicos” ou “anglicanos,” que participam ou lideram esse “lamentável espetáculo hedonista” com financiamento público, não são membros ou congregados da Diocese do Recife, nem com a mesma possuem qualquer tipo de vínculo ou relacionamento.

“Como tem afirmado o nosso Bispo Diocesano, Dom Robinson Cavalcanti: ‘Aqui, nós somos crentes!’” conclui o esclarecimento da Igreja.

Fonte: Gospel Prime /The Christian Post

10/06/2011

Igreja chinesa persevera a despeito das dificuldades


Desde que a China abriu suas portas para o comércio ocidental, seu desenvolvimento econômico cresceu muito. O povo chinês é empreendedor e o governo comunista relaxou as restrições sobre a propriedade privada.

Os funcionários do governo também relaxaram gradativamente as restrições contra a liberdade religiosa. No entanto, as autoridades chinesas continuam a exercer um controle rígido sobre as igrejas por meio do Departamento de Assuntos Religiosos, que controla de perto as igrejas. Mesmo assim, alguns cristãos reúnem-se secretamente.

A Igreja Shouwang, em Pequim, era uma igreja doméstica considerada “culta”, que cresceu rapidamente a partir dos estudos bíblicos secretos. Com a união dos cristãos, foram abertas mais 10 igrejas, precisando, assim, alugar prédios. No entanto, em 10 de maio de 2008, as forças armadas interromperam uma reunião e proibiram a igreja de se reunir. Depois das Olimpíadas de Pequim, a pressão diminuiu.

Após as Olimpíadas, a Igreja Shouwang cresceu e por isso decidiu pedir o reconhecimento oficial. Mas o registro foi indeferido. Eles compraram o segundo andar de um prédio, mas o governo proibiu a realização de cultos no local, confiscando a chave do lugar. Impedidos de entrar no local para realizar o culto, os cristãos se reuniram e fizeram o culto abertamente na rua. Eles foram presos e alguns perderam seus empregos ou apartamentos através da interferência do governo.

A luta da Igreja de Shouwang reflete a disputa sobre a legalidade das igrejas não-estatais  da China. Embora o governo veja benefícios sociais nas atividades da igreja, os cristãos são vistos como uma ameaça potencial para o regime comunista. Como resultado, eles têm receio de igrejas que não estejam diretamente sob o seu controle.

Fonte: Portas Abertas

%d blogueiros gostam disto: