Google Esconde Doodle do Orgulho Gay por Temor a Grupos Anti-Gay, Críticos


No mês do Orgulho Gay, a companhia decidiu adotar um enfoque muito menos visível despertando a polêmica.

O Google, até agora não criou um Doodle em honra do Orgulho Gay e durante o mês de junho, mês do orgulho gay, um pequeno arco-íris aparece junto à barra de busca do Google somente quando os usuários buscam certas palavras “relacionadas com orgulho”, os termos, incluindo, “gay”, “lésbica”, “homossexualidade”, “LGBT”, “igualdade no matrimônio”, “bissexual” e “transexual”.

“Durante o mês de junho, o Google está celebrando lésbicas, gays, bissexuais e transexuais (LGBT) do Orgulho”, disse a companhia em um email. “Para algumas consultas de busca relacionadas com orgulho-, estamos mostrando um arco-íris no final da barra de busca”.

Os críticos acusaram o Google de ocultar o doodle para evitar as críticas de grupos anti-gays, cujos membros podem ser menos propensos de buscar as palavras “relacionadas ao orgulho”.

No começo do mês, o presidente declarado “evangélico” Obama declarou junho como o “Mês do Orgulho Lésbico, Gay, Bissexual e Transexual”, tornando-se o primeiro presidente dos EUA a incluir bissexuais e transexuais no título da proclamação recebendo várias críticas.

Como no Google, em uma situação difícil, na declaração publicada no site da Casa Branca em 1° de junho, Obama elogiou os americanos LGBT por suas contínuas “contribuições e duradouras” que “fortalecem o tecido da sociedade norte-americana”.

Vários líderes cristãos criticaram o anúncio, incluindo Bob Stith da Convenção Batista do Sul. Stith disse à Baptist Press que o anúncio incentiva o “o orgulho do que Deus diz claramente que vivem em pecado”.

“O resultado final”, disse Stith, que é o representante da SBC para o Grupo de Trabalho sobre o Ministério aos homossexuais, “é que se Deus define algo como pecado, não fazemos nenhum favor a alguém, tentando apagar as linhas. Também não vamos estar fazendo às gerações futuras nenhum favor eliminando as barreiras que Deus colocou para nossa proteção”.

Junho é tradicionalmente reconhecido pela comunidade homossexual como “Mês do Orgulho Gay”, em comemoração ao incidente de Stonewall Inn, em junho de 1969. Em 28 de junho de 1969, os gays e lésbicas lutaram contra uma operação policial que teve lugar no Stonewall Inn, em Nova York. O incidente é amplamente considerado como a primeira vez que a comunidade gay lutou contra uma entidade do governo na história americana, e é considerado o ponto de partida do movimento dos direitos gays na América e em todo o mundo.

Fonte: Christian Post

Escreva Aqui seu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: