Archive for junho 27th, 2011

27/06/2011

Roberts torna as mensagens centrada em Deus das letras brilhar abstendo-se de mostra teatral ou excessos melismatic.


 Kerrie Roberts possui o tipo de voz bravura que exige atenção desde o primeiro ouvir, mas em seu auto-intitulado de estréia, Roberts torna as mensagens centrada em Deus das letras brilhar abstendo-se de mostra teatral ou excessos melismatic. Sua sinceridade, bem como o seu poder vocal traz à tona o impacto emocional (bem como a importação espiritual) de músicas como “No Matter What”, “Unstoppable” e “Beautiful Me”. Especialmente impressionante é “This Love Não Run , “uma declaração de fé majestosa que envolve Roberts em um cenário orquestral sem obscurecer sua presença imponente vocal. Faixas como o compassivo “Keep Breathing” permitir Kerrie para interpretar uma letra sincera em uma escala mais íntima. Enquanto grandes baladas predominam, o slinky, “Outcast” desafiador e os quase-som industrial “Unstoppable” adicionar um quociente groove necessário para o álbum. Robert sentido de autenticidade pessoal faz confissões de fraqueza como “Talvez eu estou receoso” som totalmente natural. Este é um esforço notável em primeiro lugar.
Fonte RF Divulgações.
27/06/2011

Não Só Ryan Dunn, Igreja Westboro Protesta em Parada do Orgulho Gay


Gay parade

A Marcha do Orgulho Gay de Nova York deste ano é o primeiro evento realizado onde o casamento gay é legalizado. Na sexta-feira, o Governador Andrew Cuomo assinou um projeto de lei legalizando o casamento entre casais de mesmo sexo, depois da legislação ter sido aprovada no Senado, 33 a 29. Cuomo, que introduziu o projeto de lei, é esperado marchar na parada.

Em um comunicado de imprensa sábado, a Igreja Westboro disse que muitas pessoas e a imprensa urgiram para que eles aparecessem no evento.

O grupo extremista, com sede em Topeka, disse que anunciou que iria colocar seu protesto no início da rota da Marcha do Orgulho de NY na rua 36 e Avenida 5 desde às 10 até às 12h da tarde.

Mais de 350 grupos e 500 mil participantes irão marchar na processão, o qual irá descer a Avenida 5 e cruzar o Greenwich Village. O evento começa às 12 da tarde.

Devido à recente aprovação do projeto de lei do casamento gay, os organizadores dizem que esperam um adicional de 500 mil a 1 milhão de pessoas.

Quando a lei de Nova York entrar em vigor em 24 de julho, casamentos de mesmo sexo serão legais em seis estados e Washington D.C.

Westboro citou Romanos 1, em seu comunicado de imprensa sobre a Marcha do Orgulho de NY e disse que os homossexuais são “dignos de morte”.

“Por isso Deus os entregou a… desonrar seus próprios corpos… mulheres mudaram seu uso natural que é contra a natureza … os homens … se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza… conhecendo o julgamento de Deus, que eles cometem tais coisas são dignos de morte, não somente as fazem, mas têm prazer em fazê-las, Romanos 1”, declarou o grupo.

O comunicado de imprensa também disse que o governador Cuomo tem “condenado a nação” com seu apoio ao casamento gay.

A Igreja Batista Westboro é famosa por seus piquetes provocativos, desde de protestar em funerais de soldados dos EUA que morreram no Iraque, até realizar demonstrações de agradecimento a Deus pelo 11/09. Semana passada, o grupo ganhou as manchetes novamente por prometer fazer piquete em qualquer funeral ou serviço memorial público da estrela de reality da MTV, Ryan Dunn, que morreu em acidente de carro por dirigir bêbado na segunda-feira.

Fonte: Christian Post

27/06/2011

Marcha para Jesus: Reinaldo Azevedo Responde ao Texto Preconceituoso de Dimenstein


Reinaldo Azevedo Veja

O texto publicado nesta sexta-feira na Folha.com resultou em duras críticas até mesmo de colegas de profissão, como o colunista da Veja.com Reinaldo Azevedo, que foi taxativo ao dizer que o texto de Gilberto é tolo e preconceituoso.

O artigo de Gilberto Dimenstein, que tem o título: “São Paulo é mais Gay ou mais Evangélica?” fala sobre a diversidade como ponto mais interessante da cidade de São Paulo, cita a proximidade da parada Gay com a Marcha evangélica, ambas acontecem em São Paulo e ambas são consideradas as maiores do mundo, cada uma em sua área.

Dimenstein escreveu que apesar da proximidade entre ambas “elas têm diferenças brutais”. Em seguida o articulista inicia uma defesa ao homossexualismo e seus militantes ao dizer que “os Gays não querem tirar o direito dos evangélicos (nem de ninguém) de serem respeitados”.

Para Gilberto, a parada “evangélica não respeita os direitos gays” e em seguida escreve que os evangélicos “querem uma sociedade com menos direitos e menos diversidades”.

“Os gays usam a alegria para falar e se manifestar. A parada evangélica tem um ranço um tanto raivoso, já que, em meio à sua pregação, faz ataques a diversos segmentos da sociedade. Nesse ano, um do seus focos foi o STF”, escreveu Gilberto.

Reinaldo Azevedo, o analista político da Veja que fez uma análise minuciosa no texto de Dimenstein, escreveu “é um texto tolo de cabo a rabo; do título à última linha”.

“Fizesse tal consideração sentido, a cidade é ‘mais heterossexual’ e ‘mais católica’, porque são essas as maiorias, embora não-militantes”.

E questionou: “Os verdadeiros democratas sempre se contentam com a ordem legal como ela é. Sendo assim, por que os gays estariam, então, empenhados em mudá-la?”.

Azevedo deu o significado das clamações de Dimenstein como “PRECONCEITO”, rebatendo as críticas sobre o direito dos gays, apontando o própria PLC 122, reivindicado pelos homossexuais, em que ele alega interferir no direito de liberdade de expressão e religiosa.

“O tal PLC 122, por exemplo, pretende retirar dos evangélicos — ou, mais amplamente, dos Cristãos — o direito de expressar o que suas respectivas denominações religiosas pensam sobre a prática homossexual”, expôs o analista político da Veja.

No fim das contas, ironizou Azevedo, para o articulista, os gays são naturalmente progressistas, e tudo o que fizerem resulta em avanço. Enquanto isso, ele aponta, os evangélicos são naturalmente reacionários, e tudo o que fizerem, resulta em atraso.

Dimenstein ainda escreveu que na parada evangélica há uma relação que mistura religião com eleições, apontando para o número de políticos no desfile em posição de liderança”.

Azevedo justificou, dizendo que “Em qualquer país do mundo democrático, questões religiosas e morais se misturam ao debate eleitoral, e isso é parte do processo”.

“Políticos também desfilam nas paradas gays, como todo mundo sabe”.

Para Azevedo o texto foi “falacioso” e intencionou dizer que “os militantes gays são bonzinhos — querem que todos sejam alegres — e os evangélicos são maus”.

Fonte: Christian Post

27/06/2011

A cantora Aline Barros grava participação no programa da Hebe


 Na segunda-feira (27), a cantora Aline Barros grava participação no programa da Hebe, na Rede TV!, em São Paulo. Nesta quarta-feira (22), a equipe da atração esteve no Rio de Janeiro acompanhando o dia de Aline, que terminou com a consagração do novo CD da Comunidade Evangélica Internacional da Zona Sul.

Em breve mais informações sobre a participação. Aguarde!

Fonte: MK

27/06/2011

MINISTERIO AME – MULHER SAMARITANA – CLIP OFICIAL


 Elias Passos e Alice Passos são casados desde 1994. Atualmente moram na cidade de Belo Horizonte e tem dois filhos Alice Caroline (15) e Elias Eduardo (5). Desde a infância, eles sempre tiveram o sonho de levar a palavra do Senhor através da música. Ambos criados no evangelho, sempre trabalharam com ministério de louvor e também já haviam participado de vários grupos e bandas desde a adolescência.

Em 1991 gravaram um vinil com o grupo que participavam, logo após ganharem em 2° lugar no Primeiro Festival de Música Cristã de Belo Horizonte. No ano de 2000 gravaram um cd com a Igreja que faziam parte, com todas as composições de sua autoria e também na ministração.

Era certo de Deus já havia falado em seus corações, que levantaria um ministério de louvor e adoração com o alvo de levar as pessoas uma palavra de vida e restauração.

No ano de 2002 fizeram um cd demonstrativo chamado “Vamos Construir”, mas foram feitas apenas 200 cópias, vendidas somente para os amigos. Então, no Outono de 2006, foi feito o cd “Livre”, seu primeiro trabalho independente. Em 2009, gravaram seu 2° cd “Só a Graça”. Esse, gravado no Estúdio Ame, produzido por Elias Passos. A partir desse cd, muitas portas foram abertas para outros estados e hoje viajam por todo do Brasil, levando a palavra de Deus .

“O Ministério Ame nasceu no coração de Deus – contam Elias e Alice: Durante toda nossa caminhada temos visto e ouvido testemunhos de como o Senhor tem agido nas vidas através das canções, o que nos deixa muito feliz em saber que foi Deus que nos levantou”.

Desde o início, Elias e Alice contavam com amigos que os acompanhavam fazendo free-lance, e em 2009 formaram uma equipe de amigos e músicos que os acompanham hoje. Atualmente, Júnior Guedes (bateria) e Helmer Fernandes (guitarra e violão)

Seu trabalho mais recente é o cd “Mulheres ” Lançado em Dezembro de 2010 com uma grande novidade em dose tripla, CD+LIVRO+PLAY-BACK. Um trabalho com objetivo de semear a palavra de Deus na vida de todos e agora não só pela música, mas também pelo conteúdo desse livro. Muitos testemunhos tem se ouvido através dos textos e das canções. Vale a pena você conferir!

“Cremos que Deus tem levantado uma nova geração pra fazer diferença nessa nação e devemos estar dispostos a cumprir o que Deus quer de nós. Como discípulos seus, queremos anunciar a todos que existe só um Deus, um só Senhor e que todos nós nascemos para um propósito apenas – Para que se manifeste a glória do Senhor em nossas vidas. Esse é o desejo do nosso coração”
Fonte : RF Divulgações

%d blogueiros gostam disto: