Archive for julho 1st, 2011

01/07/2011

“Cristãos contra a pobreza” celebra 15 anos


“Cristãos contra a pobreza” celebra 15 anosMinistério que luta contra a Pobreza está comemorando 15 anos de ajuda às pessoas que beiram à miséria por conta de dívidas.

A comemoração de aniversário aconteceu neste fim de semana no Kings Gate Community Church em Peterborough. Outra celebração acontecerá no dia 2 de julho em Huddersfield na igreja Comunidade Cristã.

A organização tem visto um crescimento rápido em seus 15 anos de atuação e agora opera em 160 igrejas em todo o Reino Unido.

São esperados para as celebrações cerca de 49.000 pessoas que o ministério já ajudou a saírem das dívidas ao longo desses anos.

Eles estarão compartilhando histórias de como suas vidas foram transformadas depois de se aproximarem da instituição.

Mensagens de apoio têm vindo via sites da internet, incluindo do Príncipe Charles.

Fundador e diretor internacional John Kirkby disse: “Nós calorosamente convidamos todos os que querem celebrar o que Deus tem feito nestes últimos 15 anos no CAP.

“Essa promete ser uma festa fantástica, um importante marco no crescimento e progresso da caridade e da nossa gratidão às igrejas que são nossas parceiras em combater a pobreza no Reino Unido.”

Kirkby está treinando para correr 15 maratonas em 15 dias em novembro. Os cinco primeiros serão no Reino Unido, seguidos de cinco na Austrália e mais cinco na Nova Zelândia com um jantar de angariação de fundos no final de cada um.

Apoiadores, clientes passados e funcionários também estão executando uma seleção de maratonas e corridas divertidas ao longo do ano para apoiar o minidtério.

Fonte: Christian Today / CPAD News

01/07/2011

Arqueólogos confirmam autenticidade de ossuário da neta de Caifás


Arqueólogos confirmam autenticidade de ossuário da neta de Caifás Arqueólogos israelenses descobriram um ossuário de 2 mil anos de antiguidade que pertence à neta de Caifás, sumo sacerdote que presidia o Sinédrio durante o julgamento de Jesus,  conforme relata os evangelhos de Mateus e João, e o livro de Atos dos Apóstolos.

A descoberta foi entregue à Autoridade de Antiguidades de Israel há três anos, após seu roubo por profanadores de tumbas antigas, mas somente agora os pesquisadores da Universidade de Tel Aviv e da de Bar-Ilan confirmaram sua autenticidade.

Notícia é mais uma prova da historicidade de Jesus Cristo e dos escritos neotestamentários para a comunidade cética quanto à Bíblia Sagrada.

Em seu exterior, o ossuário tem gravado em aramaico – língua vernácula da região naquela época – a inscrição “Miriam, filha de Yeshua, filho de Caifás, sacerdote de Maaziah da Casa de Imri”.

“A importância da inscrição está na referência aos ancestrais da morta e na referência à conexão entre eles e a linhagem sacerdotal de Maaziah e a Casa de Imri”, declararam os pesquisadores em comunicado.

A pesquisa revelou que o ossuário de sua descendente provinha de uma caverna funerária no Vale de Elá, onde eram as planícies da Judéia, cerca de 30 quilômetros ao sudoeste de Jerusalém.

Os ossuários da região são pequenos cofres que os judeus costumavam utilizar nos séculos I e II para um segundo enterro de seus parentes e onde costumavam depositar unicamente seus ossos.

O cofre que chegou às mãos da Autoridade de Antiguidades está decorado na parte frontal com um estilizado motivo floral, em cima do qual está gravada a inscrição que revela a identidade da morta.

Maaziah é o último elo da linhagem dos 24 grandes sacerdotes que serviram no Templo de Jerusalém, e mesmo mencionado no Antigo Testamento, a descoberta representa a primeira referência epigráfica descoberta sobre essa personagem.

Por ter sido extraído sem registro científico, a análise do cofre foi prolongada e exaustiva a fim de determinar tanto sua autenticidade como a da inscrição.

Fonte: EFE /CPAD News

01/07/2011

Pastor Silas Malafaia Promete Falar Sobre a Parada Gay


O pastor Silas Malafaia anunciou no site de sua Igreja, que o Programa de Sábado do Vitória em Cristo “vai tremer”, prometendo falar sobre a Parada Gay, que “ridicularizou os católicos”.

Ele escreveu também no seu Twitter: “Neste sábado, o programa Vitória em Cristo será quente! Não perca!”

A Parada Gay no último domingo gerou polêmica ao utilizar imagens de santos com modelos semi-nus, o que ofendeu a Igreja Católica. A parada utilizou 170 cartazes distribuídos em postes com 12 modelos masculinos com a mensagem: “Nem Santo Te Protege” e “Use Camisinha”.

Segundo o presidente da parada, Ideraldo Beltrame, o motivo foi para mostrar à sociedade que todas as pessoas “seja qual for a religião delas, precisam entrar na luta pela prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST). Aids não tem religião”.

A ação causou revolta dos líderes católicos, além de declarados evangélicos dentro da parada. O cardeal D. Odilo Pedro Scherer, arcebispo de São Paulo, disse que isso “ofende profundamente o sentimento da Igreja Católica”.

“Isso ofende profundamente, fere os sentimentos religiosos do povo. O uso debochado da imagem dos santos é ofensivo e desrespeitoso que nós desaprovamos”, disse ele na entrevista da Globo.

Os declarados evangélicos que apoiaram a parada concordaram dizendo, “Não tinha necessidade de usar pessoas peladas para representar santos. Faz a campanha, mas não envolve as coisas de Deus”.

A organização da parada tentou provavelmente atingir a Igreja católica, segundo o cardeal. O Pastor José Alves, da Comunidade Cristã Nova Esperança também acredita o mesmo, dizendo “A campanha foi mais de encontro aos ditames da Igreja Católica. Nós não temos santos”.

Entretanto, para ambas as Igrejas católicas e evangélicas a atitude foi desaprovada.

Fonte: Christian Post.

%d blogueiros gostam disto: