Archive for março 13th, 2012

13/03/2012

Missionários brasileiros dedicam suas vidas pelos povos da África


Entre os milhares de brasileiros que se encontram no exterior evangelismo podemos citar o casal Marcos e Patrícia Teixeira que se conheceram em uma igreja e aceitaram o chamado de fazer missão em outros países.

“Sentimos um chamado de Deus para não viver nossas vidas, mas dedicá-las a ajudar o próximo”, disse Marcos, 36 anos, para a BBC.

Antes de chegar à Moçambique o casal passou pela África do Sul e Bolívia até que em 2007 resolveram se voltar para o país africano que viveu por anos em guerra civil. Para escolher o destino, os brasileiros estudam sobre o local e então planejam objetivos para ajudar as comunidades.

No caso de Moçambique, eles montaram uma escola para crianças de três a cinco anos e uma escolinha de futebol para meninos de 9 a 17 anos. Fora isso o casal também presta assistência para portadores de HIV. Marcos e Patrícia têm dois filhos, Juliana, 8 anos, e Carlos Eduardo, de um ano e meio que nascido no país leste-africano.

Vivendo em Beira, capital da província de Sofala, a família missionária é conhecida como Matrijuca, palavra que contém sílabas dos nomes dos quatro integrantes, e tem grande popularidade entre os habitantes.

Moçambique tem uma das maiores taxas de pobreza do mundo, com 50% de sua população vivendo em extrema pobreza. Consequentemente o sistema de saúde também tem problemas sérios, e a família pode vivenciar um período difícil quando Patrícia foi dar a luz a Carlos Eduardo.

“Meu filho nasceu pelas mãos de uma parteira. O parto foi normal e minha esposa sofreu muito, porque o bebê era grande e não havia anestesia. Ouvimos tantas histórias ruins de partos malsucedidos e o sistema de saúde de Moçambique é precário”, recorda Marcos.

Com informações BBC

Fonte:  Gospel Prime
13/03/2012

Jovens evangélicos evangelizam na PUC de Goiás


O quadro “Loucos por Jesus” do site JovemX realizou mais uma missão: evangelizar em uma das maiores universidade do estado de Goiás. Três jovens provaram que são loucos pelo evangelho e foram até a Pontifícia Universidade Católica para falar sobre fazer a escolha certa.

Com um megafone um jovem cristão começa a falar sobre o tema e em determinado momento pergunta para uma jovem que estava sentada qual a escolha que ela deseja fazer, ao se levantar a jovem começa a cantar a música “Eu Escolho Deus” do cantor Thalles Roberto. Outro jovem se levanta e com o violão acompanha a jovem que fala abertamente sobre escolher a Deus.

O quadro “Loucos por Jesus” é apresentado todas as segundas e quintas-feiras através do site www.Jovemx.com.br. O site que tem poucos meses de trabalho, mas já recebe cerca de um milhão de visitas todos os meses e sempre prepara novidades para seus espectadores.

O diretor do projeto, Guilherme Batista, garante que muitas novidades vão surgir e novos desafios serão lançados para mostrar a geração que é louca por Cristo. Assista ao vídeo com o evangelismo na PUC-GO
Fonte: Gospel Prime

13/03/2012

Bispos da Igreja Universal poderão ser presos por “curar” jovem homossexual


O vídeo onde um jovem homossexual é exorcizado e “curado” durante um programa da IURD TV pode render um processo judicial histórico no país.

Neste programa, o bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, fala que o jovem identificado apenas como Leandro passaria por um processo de “libertação”.

O bispo Clodomir Santos é chamado e conversa com o demônio e o expulsa depois de saber que o jovem se tornou gay por ser vítima de um “trabalho de macumba” de um vizinho contra ele.

O jovem se contorce, grita e se ajoelha no chão enquanto os bispos começam a gritar “queimando, queimando, queimando” e o exorcismo é feito. O jovem volta ao seu estado normal e diz que se sente melhor. Depois, agradece por ser libertado pelos bispos da Universal.

A alegação da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT) é que as imagens seriam provas de “charlatanismo”. Segundo o artigo 283 do Código Penal, esse crime pode resultar na prisão dos envolvidos por até dois anos.

A ABGLT pediu ao Ministério Público de São Paulo que investigue o caso, pois afirma que embora a Constituição garanta liberdade de culto, a homossexualidade não pode ser tratada como uma doença. Desde 1990, ela não consta mais da Classificação Internacional de Doenças, da Organização Mundial da Saúde.

“Parece-nos que o vídeo em questão, assim como vários outros disponíveis na internet com conteúdos parecidos, é uma prova cabal da prática do charlatanismo, uma vez que divulga publicamente a suposta “cura” de uma condição que não é doença, além de disseminar a demonização e manifesta intolerância da homossexualidade”, diz o requerimento encaminhado pela Associação ao MP.

O Ministério Público ainda não se manifestou a respeito. Não é a primeira vez que Toni Reis, presidente da ABGLT, entra em rota de colisão com os evangélicos.

Reis e sua associação já reivindicartam no ano passado punições às emissoras que levem ao ar declarações ofensivas aos direitos homossexuais. Sua solicitação ao Ministério das Comunicações é que se iniba essa prática em especial nos programas religiosos transmitidos em rede aberta.

Além dos pastores evangélicos, em especial Silas Malafaia, que moveu um processo contra Toni Reis, o deputado Jair Bolsonaro também já foi atacado pela ABGLT.

Esta semana, a ABGLT e outras entidades similares, enviaram um ofício ao Ministério Público Federal, questionando o veto aos vídeos da campanha do Carnaval contra a Aids, produzida pelo Ministério da Saúde com o foco em jovens gays.

Também solicitou ao Ministério Público Federal que investigue e tome providências sobre o veto à distribuição do chamado “kit Gay”, material distribuído nas escolas que serviria para combater a homofobia. Na interpretação dos evangélicos e católicos, que conseguiram impedir sua distribuição, o material iria promover a homossexualidade.

A Associação quer saber que providências o governo está tomando “diante da comprovada existência da homofobia no ambiente escolar”.7

%d blogueiros gostam disto: