Archive for agosto 21st, 2012

21/08/2012

Jovem processa pastor da Igreja Mundial por uso de imagem indevida


Jovem processa pastor da Igreja Mundial por uso de imagem indevida O jovem Danilo Messias, 24 anos, está processando um pastor da Igreja Mundial do Poder de Deus da cidade de Ribeirão do Pinhal (PR) por ele ter usado uma fotografia sua sem autorização.

O inquérito policial apura se houve crime de charlatanismo já que um folheto promovendo a igreja mostra imagens do jovem com uma alergia na pele e outra com a pele já amenizada das feridas, alegando que Danilo foi curado de forma sobrenatural.

Danilo é paraplégico, pois há seis anos sofreu um acidente e no mês de junho apareceu em sua pele algumas manchas e feridas diagnosticadas pelos médicos como uma alergia provocada pela poeira, já que a casa do jovem passava por reformas.

Os pais do garoto, Angelina Diniz e Amadeu Messias iniciaram o tratamento receitado pelo dermatologista com injeções e pomadas, mas um familiar convidou o pastor da Igreja Mundial para fazer uma oração por Danilo.

Ao visitar a casa o religioso teria prometido que o jovem ficaria bom em sete dias, ficando livre dos ferimentos causados pela reação alérgica e também que ele voltaria a andar. Então pediu para tirar uma foto para deixar de “recordação”. Dias depois um obreiro da igreja encontrou com Danilo e percebeu a melhora, creditada ao uso dos medicamentos, e assim o pastor voltou e tirou mais uma fotografia.

Danilo garante que não autorizou o uso de suas fotografias e por isso, além do crime de charlatanismo, a policia também investiga se houve crime de estelionato, caso alguém tenha dado ofertas iludido com o suposto milagre.

Pastor admite que usou a imagem do jovem

O pastor Fabrício Miguel prestou depoimento para o delegado Tristão Antônio Borborema que investiga o caso alegando que a família autorizou o uso das fotos, mas foi uma autorização verbal.

Para justificar o folheto, o religioso alega que queria incentivar os fiéis a exercerem a fé diante da melhora das manchas que estavam desaparecendo do corpo de Danilo.

Além dos folhetos mostrando o “antes e depois”, dizendo que a melhora foi graças as orações, a igreja também criou uma cartaz de 175 cm por 140 cm com as mesmas imagens. O detalhe é que não mostra o rosto do jovem, mas parte de seus braços e tórax.

Com informações Portal Jnn

21/08/2012

Estudo mostra que 75% das mulheres são felizes na igreja


Infográfico: Estudo mostra que 75% das mulheres são felizes na igrejaAs mulheres são a espinha dorsal de um número crescente de igrejas evangélicas. Elas são mais propensas que os homens a serem vistas nos bancos, servindo como voluntárias e professoras de diferentes grupos, incluindo na escola dominical. No entanto, o que elas pensam sobre ocupar esses papéis na igreja? Será que elas se sentem valorizadas? Elas estão satisfeitas com seu nível de envolvimento e oportunidades para liderar?

O fato é que as mulheres evangélicas de hoje em dia podem fazer nas suas igrejas quase tudo o que os “líderes” homens fazem. A pesquisa recém-divulgada do Grupo Barna, especializado em coletar dados junto aos cristãos evangélicos, tenta responder algumas das perguntas propostas acima.

O Instituto Barna de Pesquisas aponta em um novo estudo que apenas 24% das entrevistadas dizem que sua igreja não permite mulheres na equipe pastoral, enquanto 62% dizem que todas as funções pastorais estão disponíveis para as mulheres.

Quatro em cada cinco mulheres entrevistadas concordam que a sua igreja “valoriza a liderança de mulheres, tanto quanto a dos homens”. Mais de 70% disseram que estão “realizando um ministério significativo” em sua igreja, e 55% “espera que sua influência aumente”.

No entanto, mais de 30% das mulheres sentem-se “conformadas” com suas baixas expectativas em relação à igreja e 20% se sentem “subutilizadas”.

O dado mais intrigante é que quase 75% das mulheres entrevistadas acreditam que “podem e devem fazer mais para servir a Deus”.

O presidente do Grupo Barna, David Kinnaman, diz que este estudo ajuda a gerar um debate mais profundo sobre o papel das mulheres nas igrejas. Enquanto muitas mulheres estão satisfeitas com suas igrejas, um número crescente evita a igreja, disse ele.

“A pesquisa mostra que há uma enorme pluralidade de experiências para as mulheres nas igrejas de hoje, desde as que estão muito satisfeitas até as que acreditam que a igreja é um dos lugares menos agradáveis para elas estarem”, disse Kinnaman.

O estudo constituiu de uma série de perguntas feitas por telefone, com mulheres acima dos 18 anos que se identificaram como evangélicas e assistiram a pelo menos um culto em igreja cristã nos últimos meses. A margem de erro é estimada em +/- 4,1 pontos percentuais.

O portal Gospel Prime produziu um infográfico com os resultados da pesquisa. Também disponibilizamos um código para você copiar o infográfico em seu site ou blog.

Fonte: Infográfico

 

21/08/2012

Cerca de 100 milhões de cristãos do mundo sofrem perseguição


Cerca de 100 milhões de cristãos do mundo sofrem perseguiçãoSetenta por cento da população mundial sofre de algum tipo de perseguição religiosa, de acordo com um estudo divulgado pelo Fórum de Pesquisa Pew sobre Religião e Vida Pública. A estatística tem sido enfatizada pela Missão Portas Abertas, que espera usar isso para despertar as pessoas em suas campanhas de ajuda aos cristãos perseguidos.

“Um com eles é o nome da campanha que lançamos para afirmar e reforçar o conceito que somos um com o corpo de Cristo em todo o mundo. Para aqueles que vivem no continente americano, isso significa demonstrar solidariedade com os nossos irmãos e irmãs que sofrem em todo o mundo”, disse Carl Moeller, presidente do grupo de vigilância dos direitos humanos de Portas Abertas EUA.

A campanha está vendendo pulseiras pretas de silicone que visam ser um lembrete da situação dos cristãos perseguidos em todo o mundo. A ideia por trás dos acessórios que se parecem com arame farpado é gerar um diálogo sobre o assunto, explica Moeller.

“A pulseira surgiu quando um dos nossos funcionários veio ao nosso escritório e colocou um pedaço de arame farpado em minha mesa e disse ‘podíamos fazer uma pulseira assim’”, disse Moeller.

“Pensamos que pulseiras são usadas para divulgar muitas causas”, continuou, acrescentando que ele já foi perguntado sobre o significado de sua pulseira em muitas ocasiões. Ele explica que sempre usa a curiosidade para falar sobre a perseguição religiosa vivida pelos cristãos.O material deve ser usado em campanhas similares em todos os países onde o Portas Abertas atua.

Essa é mais uma ação que deve contribuir para popularizar o Dia Internacional de Oração pela Igreja Perseguida, campanha realizada por Portas Abertas todos os anos. “A oração é ao mesmo tempo, uma meta de curto e de longo prazo, [e] nós estamos muito interessados em ver a perseguição se tornando uma preocupação maior por parte da igreja”, finaliza Moeller.

De acordo com o estudo realizado pelo Fórum de Pesquisa Pew sobre Religião e Vida Pública , há 100 milhões de cristãos enfrentando perseguição em mais de 60 países ao redor do mundo, simplesmente por causa de sua fé em Jesus Cristo.

Traduzido e adaptado de The Christian Post

21/08/2012

Mensaagem de Fé


Porque eis aqui a pedra que pus diante de Josué; sobre esta pedra única estão sete olhos; eis que eu esculpirei a sua escultura, diz o SENHOR dos Exércitos, e tirarei a iniqüidade desta terra num só dia. Zacarias 3:9

E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis. Apocalipse 21:5

Tags:
%d blogueiros gostam disto: