Archive for novembro 23rd, 2012

23/11/2012

Igreja Anglicana se vê em crise após rejeitar mulheres como bispas


O Sínodo Geral rejeitou a ordenação de mulheres como bispas, apesar das sacerdotisas representarem um terço do clero da igreja. O arcebispo de Canterbury, Rowan Williams, disse que a Igreja “perdeu certa credibilidade”.

Em um sinal do aprofundamento da crise na Igreja Anglicana após sua rejeição da nomeação de mulheres como bispas, seu líder espiritual disse na quarta-feira (21) que a Igreja “sem dúvida perdeu certa credibilidade” e tinha “muitas explicações a dar” às pessoas que consideram suas deliberações opacas.

O arcebispo de Canterbury, Rowan Williams, falou após uma reunião de emergência dos bispos, convocada para debater o resultado por pequena margem da votação de terça-feira (20) do Sínodo Geral, que rejeitou a ordenação de mulheres como bispas, apesar das sacerdotisas representarem um terço do clero da Igreja Anglicana. As sacerdotisas ocupam altas posições como cônegas e arquidiáconas, e algumas esperavam garantir a nomeação como bispas em 2014 se a mudança fosse aprovada.

A votação pareceu representar uma rejeição direta aos esforços reformistas de Williams durante seus 10 anos como chefe da Igreja e um enorme revés para uma campanha pela mudança, que tem sido debatida de modo intenso e frequentemente amargo ao longo da última década.

Mais de 70% dos 446 votos do sínodo foram favoráveis à abertura do episcopado da Igreja para as mulheres. Mas os procedimentos de votação do sínodo exigem uma maioria de dois terços em cada uma das três “casas”: bispos, clero e leigos. Apesar dos bispos e o clero terem atendido esse critério, a votação entre os leigos ficou seis votos aquém da maioria de dois terços.

A Igreja Anglicana é considerada uma Igreja estabelecida, o que significa que é reconhecida pela lei como representante da religião oficial, desfruta de privilégios especiais e é apoiada pelas autoridades civis.

Alguns parlamentares sugeriram na quarta-feira que a votação no sínodo criaria uma crise nas relações entre a Igreja e o Estado, já que a rejeição de mulheres como bispas contradiz as leis nacionais de igualdade de gênero. O primeiro-ministro David Cameron, já em atrito com a Igreja em torno dos planos do governo para legalizar o casamento de mesmo sexo no ano que vem, pediu às autoridades da Igreja na quarta-feira para encontrarem uma saída para o impasse.

“Está muito claro que é o momento certo para mulheres serem ordenadas bispas, como já é há muitos anos. Eles precisam seguir em frente com isso e implantar o programa”, ele disse ao Parlamento na quarta-feira. “Mas é preciso respeitar as instituições individuais e a forma como funcionam, e ao mesmo tempo lhes dar uma forte cutucada.”

Falando na quarta-feira sobre o sínodo de modo incomumente ambíguo, Williams declarou: “Nós temos, para colocar de modo bem claro, muitas explicações a dar”.

“Quaisquer que sejam os motivos para a votação de ontem, qualquer que seja o princípio teológico com base no qual as pessoas agiram e falaram, permanece o fato de que grande parte dessa discussão não é inteligível para a sociedade como um todo.”

“Pior do que isso, faz parecer que estamos intencionalmente cegos a algumas das tendências e prioridades da sociedade”, ele disse, parecendo reconhecer as críticas de dentro de suas fileiras de que a Igreja –que já enfrenta um encolhimento das congregações– está perdendo ou já perdeu relevância na sociedade moderna.

“Em consequência de ontem, a Igreja sem dúvida perdeu certa credibilidade em nossa sociedade”, disse.

“A cada dia que fracassamos em resolver esta questão de modo que nos agrade à Igreja Anglicana, é mais um dia em que perdemos credibilidade aos olhos da população.” “Nós não podemos, como eu disse ontem em meus comentários, conviver teologicamente por tempo indeterminado com a anomalia de termos sacerdotisas que não podem ser consideradas bispas.”

O arcebispo deverá se aposentar no mês que vem, após passar grande parte do seu tempo como líder da Igreja da Inglaterra e líder simbólico da Comunhão Anglicana, elaborando acordos complexos visando impedir um cisma entre os reformistas e os tradicionalistas.

“Ontem não produziu nada para reduzir a polarização em nossa Igreja”, disse Williams na quarta-feira.

O arcebispo já tinha reconhecido o fracasso em conseguir uma reconciliação duradoura, mas a votação de terça-feira pareceu lhe roubar uma oportunidade final de salvar algo de seu legado.

“Um dia muito triste”, disse o reverendíssimo Justin Welby, o sucessor recém-nomeado do arcebispo, em uma mensagem pelo Twitter. “Acima de tudo para as sacerdotisas e apoiadores, é preciso cercar todos com oração, amor e cooperação com nosso Deus salvador.”

Tanto Williams quanto Welby apoiam as bispas. A votação de terça-feira deixou Welby na posição de assumir uma Igreja aparentemente incapaz de resolver uma questão que é apenas um dos debates contenciosos ligador a gênero e sexualidade.

Desde que a Igreja Anglicana se separou de Roma sob Henrique 8º há quase 500 anos, apenas homens são nomeados bispos, e o resultado do sínodo de dois dias foi visto por ambos os lados como um divisor de águas na luta maior pelo futuro da Igreja Anglicana.

No encerramento do debate no sínodo, uma importante ministra da Igreja Anglicana, a cônega Rosie Harper, disse que uma rejeição “seria vista inevitavelmente como o ato de uma Igreja moribunda, mais casada ao passado do que comprometida com a esperança pelo futuro”.

Mas em uma entrevista de rádio na quarta-feira, John Sentamu, o arcebispo de York que é o segundo na hierarquia da Igreja, disse que esta permanece “bem” viva.

“Nesta manhã as pessoas estão dizendo que a Igreja cometeu suicídio, que a Igreja está morta”, ele disse ao entrevistador da BBC. “Bem, pessoas mortas não conversam. Nós estamos conversando, nós não cometemos suicídio, nós estamos bem vivos.”

Fonte: The New York Times

23/11/2012

Idolatria – pastor Silas Malafaia esclarece dúvidas sobre este tema polêmico no meio cristão


Em sua coluna “pr. Silas responde” no site Verdade Gospel o pastor responde a questão da idolatria. O pastor afirma em seus esclarecimentos que a idolatria não é apenas os santos, mas tudo aquilo que rouba o primeiro lugar de Deus em nosso coração.

As questões que envolvem a idolatria são pelo pastor Silas abordados a luz da Palavra e tenta responder sobre este tema que para muitos ainda é um tanto quanto enigmático.

Confira post na integra e comente…

Por que a Reverência aos santos é considerada idolatria?

O texto em Êxodo 20.4,5 é bastante enfático: Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR, teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem.

Na época em que a Lei foi dada a Moisés, os israelitas haviam acabado de chegar ao Egito, uma terra cheia de ídolos. Cada deus representava um aspecto da vida, por isso era comum adorar diversos deuses para tentar alcançar o maior número de bênçãos.

Quando Deus disse ao Seu povo que este precisava adorá-lo, a sugestão não pareceu difícil aos olhos dos israelitas, pois seria apenas mais um deus. Mas, ao perceberem que deveriam servir somente ao Deus todo-poderoso, que os libertara da escravidão no Egito, tiveram dificuldade de aceitar a ideia.

Isso é o que acontece nos dias de hoje. Muitas pessoas estendem sua devoção a santos, em busca de uma quantidade maior de benesses.

Infelizmente, muitos católicos, sem o devido conhecimento das Escrituras e confiando apenas no que lhes é ensinado nas missas e catecismos católicos, ainda estão presos a essas crenças antibíblicas, confessando publicamente a sua fé no poder e ministério intercessor de Maria, por exemplo. Eles oram a ela e adoram-na, como se ela fosse a despenseira da graça divina, a estrela da manhã, o refúgio dos pecadores, atributos que pertencem exclusivamente a Cristo.

Eles desconhecem o que a própria Maria disse quanto à condição dela, igual à nossa, de salva por Deus e serva do Senhor: A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, porque atentou na humildade de sua serva (Lucas 1.46-48).

Nas Escrituras fica claro que Maria reconheceu o ministério e a autoridade de Jesus como Filho de Deus e Messias, e contribuiu com Ele e seguiu-o até o fim. Em texto bíblico algum, vemos que foi dado a Maria qualquer poder ou autoridade para realizar milagres ou interceder pela humanidade, ligando e desligando qualquer coisa no céu e na terra.

Sendo assim, está enganado quem pensa que nós, evangélicos, desprezamos Maria. O que repudiamos e contestamos veementemente são essas concepções errôneas e contrárias à Lei de Deus. Esses ensinamentos têm levado muitos a entregarem-se à idolatria, pecado abominável e expressamente condenado nas Escrituras, bem como a afastar-se da verdade de que ninguém pode ser perdoado e achegar-se a Deus, senão por intermédio de Jesus.

Deus não dá a Sua glória a outrem (Isaías 42.8). Quando alguém adora uma imagem, em vez de adorar a Deus, está dando a outro a glória que só pertence ao Senhor. Então, se um artista, por exemplo, faz uma escultura como arte, não há pecado nisso, mas se alguém a adorar, venerar, ajoelhar-se ou inclinar-se diante dela, ou atribuir-lhe valor espiritual, estará sendo idólatra, e isso é pecado. Portanto, meus amados, fugi da idolatria (1 Coríntios 10.14).

Aliás, deixe-me ampliar o seu entendimento sobre o que é a idolatria, esclarecendo que é tudo aquilo que rouba o primeiro lugar, que pertence exclusivamente a Deus, em nosso coração.

Sendo assim, quem é avaro ama mais o dinheiro do que a Deus; quem é egoísta ama mais a si do que a Deus; quem “tieteia” artista e quem vai à igreja apenas para ouvir padre, pastor ou cantor gospel é tão idólatra quanto aquele que se inclina diante de imagens de escultura, pois cultua ídolos em seu coração. Essa pessoa precisa reconhecer seu erro, pedir perdão e ajuda ao Senhor para mudar, pois os idólatras não herdarão o Reino dos céus (Gálatas 5.20,21). 

Fonte: infogospel

23/11/2012

Nunca pare de lutar


23/11/2012

Música evangélica “Nunca pare de lutar” é gravada pelo Pe. Fabio de Mello no seu novo CD


Um hino muito conhecido do meio evangélico “Nunca pare de lutar” da pastora e cantora Ludmila Ferber é uma das músicas que compõe o novo CD do pe. Fábio de Mello que comenta: “Posso desagradar tantos aos católicos, quanto aos evangélicos”-Confira e comente…

Padre Fábio de Mello está de CD novo. ‘Estou aqui’, nome de uma canção de Roberto e Erasmo Carlos gravada por ele no álbum, dá título ao seu 16º trabalho como cantor. São 13 músicas, todas de cunho religioso. Bem diferente do seu trabalho anterior, no qual interpretou clássicos ‘profanos’ da música brasileira, como ‘Lamento sertanejo’ (Gilberto Gil e Dominguinhos) e ‘A vida do viajante’ (Luiz Gonzaga).

“Naquele trabalho, cantei músicas que fizeram parte da minha formação musical. Neste, canto canções que estão ligadas à minha conversão”, diz o padre. Com produção de Guto Graça Mello, Padre Fábio diz que este é seu melhor trabalho. “O Guto reconheceu que eu já tinha uma identidade musical e por isso não quis me modificar. Mas me deu importantes direções”, diz o padre.

O novo trabalho traz uma ousadia: uma canção composta pela pastora evangélica Ludmila Ferber chamada ‘Nunca pare de lutar’. “Posso desagradar tantos aos católicos, quanto aos evangélicos”, diz o religioso. “Incomoda-me o fato de algumas pessoas se sentirem melhores que as outras por conta de sua fé. Acredito em uma religião que aproxime e não que separe as pessoas”, completa. Fábio diz que Ludmila é sua amiga.

Além da obra musical e missionária, Fábio, de 41 anos, também ficou com fama de galã por causa dos cabelos sempre bem arrumados, roupas alinhadas e corpo em forma. “Aprendi, ainda pequeno, com a minha mãe, a ter cuidados comigo”. Por conta de sua vocação, ele diz que evita algumas situações. “Sou um padre. Não posso aparecer de camisetinha por aí. Depois que fiquei famoso, parei de ir à praia”.

Fonte: inforgospel

 

23/11/2012

Pastor Abner Ferreira recebe Medalha do Mérito por trabalhos de evangelização


Pastor Abner Ferreira recebe Medalha do Mérito por trabalhos de evangelizaçãoNesta quinta-feira (22) o pastor Abner Ferreira, presidente do Conselho dos Ministros Evangélicos do Brasil (CIMEB) receberá a Medalha Mérito da União Evangélica da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (UEPMERJ).

O evento comemora o 45º aniversário da UEPMERJ, na evangelização e suporte espiritual dos policiais militares. A solenidade será no auditório do Quartel General da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, na Rua Evaristo da Veiga, 78, Centro do Rio de Janeiro às 15 horas.

“Será um privilégio participar de uma solenidade tão importante como a comemoração dos 45 anos da União Evangélica da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro. Me sinto honrado ao ser agraciado com a Medalha do Mérito UEPMERJ”, comemorou o pastor.

A medalha Mérito da UEPMERJ é conferida aqueles que se destacam nos trabalhos e projetos de evangelização.

Fonte: Gospel Prime

23/11/2012

Fórum de Liberdade Religiosa reúne especialistas em Brasília


Fórum de Liberdade Religiosa reúne especialistas em BrasíliaA Associação Internacional de Liberdade Religiosa (IRLA) estará realizando no dia 29 de novembro o “Fórum de Liberdade Religiosa” com o tema “Como responder aos novos desafios à liberdade religiosa no mundo”.

O evento acontece em Brasília e deve reunir líderes religiosos, profissionais da área do Direito e autoridades governamentais que discutirão sobre as dificuldades que impendem que exista liberdade religiosa em diversas religiões do mundo.

Entre as personalidades que confirmaram presença está a advogada Damaris Kuo, presidente da Comissão de Liberdade Religiosa da OAB/SP, o advogado Bernardo Pablo Sukiennik, presidente da Comissão de Liberdade Religiosa da OAB/DF e o secretário geral da IRLA, o especialista John Graz.

O tema a ser discutido é bastante pertinente, já que um estudo divulgado recentemente mostra que as restrições à liberdade religiosa têm crescido de maneira geral atingindo até países ocidentais que tradicionalmente impõem menos limites à prática da fé.

A pesquisa foi realizada entre meados de 2009 e 2010, mas só foi publicada este ano pela Pew Research Center afirmando que três quartos da população mundial estão sob restrições governamentais religiosas ou vivem em países com grandes hostilidades sociais relacionadas à religião.

“Nossa ideia é justamente a de discutir essa temática no Brasil e na América do Sul, por isso estamos reunindo especialistas e pretendemos concluir o Fórum com um documento que será entregue à Secretaria de Direitos Humanos da Presidência do Brasil”, explica Edson Rosa, secretário da IRLA para a América do Sul.

Fonte: Gospel Prime

23/11/2012

Pastor evangélico concorrerá à presidência no Equador


Pastor evangélico concorrerá à presidência no EquadorO pastor evangélico Nelson Zavala, foi lançado como candidato a presidente do Equador. Ele irá substituir no comando da oposição o ex-presidente Abdalá Bucaram Ortiz, cuja indicação foi rejeitada pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE) de não atende a certos requisitos da lei, pois responde a vários processos judiciais.

Dalo Bucaram, filho do líder máximo do Partido Roldosista Ecuatoriano (PRE) no país, anunciou a nomeação de Zavala no lugar de seu pai. Durante seu anúncio, disse que o país precisa de um “homem de Deus” e que “invoque a paz”. Anteriormente fora anunciado que Zavala seria o vice de Abdalá, mas agora Denny Cevallos é o nome mais forte para ser candidato a vice-presidente.

As eleições presidenciais no Equador ocorrerão em 7 de fevereiro de 2013. Segundo as pesquisas, o atual presidente do Equador, Rafael Correa, aparece como favorito para a reeleição. Agora são 8 candidatos que concorrem oficialmente ao cargo.

Nelson Avellán Zavala é pastor evangélico e doutor em ministérios, tem 52 anos de idade. Estudou nos Estados Unidos e hoje é diretor da escola International Ministries em Guayaquil. Ele pastoreia a 18 anos e já liderou a Igreja Betania de Quito. Membro da Associação de Pastores Evangélicos do Equador, ele se define como um defensor dos direitos humanos, da liberdade civil, religiosa e das crianças.

No discurso que fez ao lançar oficialmente seu nome, criticou o presidente Rafael Correa de destruir a maior riqueza dos equatorianos. “Que não é o petróleo, mas a família, que está sob ataque desse governo ateísta e sem valores, que deseja nos fazer acreditar que o Equador pode ser comprado, da mesma forma que Judas agiu. O Equador precisa decidir se escolhe um lobo que mata (referindo-se a Correa) ou um pastor (referindo-se a ele)”.

Zavala desafiou Correa para um debate sobre os planos do governo .”Sem Deus não há país e liberdade sem um país”, disse o pastor. Ao final de seu discurso, que durou 17 minutos, Zavala invocou a benção de Deus sobre todos os equatorianos. No final, um grupo de ativistas e candidatos a deputados gritaram fortemente “Presidente Zavala, seja duro com os corruptos”. Com informações Terra e Hoy.

23/11/2012

Pastora agredida no Rio comemora alta com almoço de Ação de Graças


Pastora agredida no Rio comemora alta com almoço de Ação de GraçasA pastora americana Reneé Murdoch, da Igreja Luz das Nações, no Rio de Janeiro, quase morreu após ser agredida pelo morador de rua Alexandre Luis de Oliveira Francesco, na orla da Barra da Tijuca, mês passado.

Segundo Ruy Monteiro, neurocirurgião que a operou, mesmo com a complexidade das cirurgias e a gravidade dos ferimentos que sofreu, a pastora teve uma grande e rápida melhora. Para os médicos, as chances de sequelas após a cirurgia que recolocou o osso da cabeça, eram de 30%.

“Hoje, ela apresenta um pequeno déficit de memória e uma dificuldade na fala, mas tem grandes chances de recuperação”, comemora Monteiro.

Reneá recebeu alta do Hospital Copa D’or, em Copacabana, nesta quinta-feira (22). Ela celebrou com almoço de Dia de Ação de Graças, informou seu marido, o pastor Philip Murdoch.

“Hoje é Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, que é uma data tão especial quanto o Natal, então, vamos preparar um almoço com amigos e familiares. Estou feliz por minha mulher estar viva. Se você orou, se você torceu, obrigado”, agradeceu.

Desde que deixou a unidade semi-intensiva do Copa D’or e foi transferida para o quarto, ela já mostrava melhora no seu quadro e começado a falar pequenas frases.

Durante entrevista coletiva desta manhã, Reneé mostrou algumas dificuldades na fala, mas agradeceu o apoio dos brasileiros. “Vocês são maravilhosos, só posso falar um pouquinho, queria agradecer vocês, Brasil, pelas orações, muito obrigada, amém”, disse.

Vários sites do segmento gospel divulgaram o caso e havia várias correntes de oração, e o caso teve grande repercussão nas redes sociais.

O neurologista Bernardo Liberato, que coordena a Unidade Semi Intensiva do hospital, a recuperação de Reneé aconteceu bem mais rápido do que a equipe médica esperava. Segundo Ele lembra que a agressão afetou a região do cérebro que afeta as funções vitais do ser humano, como dormir, acordar e respirar. Quando ela chegou ao hospital, no último dia 26, o lado esquerdo do seu corpo estava paralisado.

Membros da igreja Luz das Nações fizeram uma surpresa na porta do hospital. “Ela é uma mulher muito forte, mas muito doce”, declarou a amiga Andrea Lima.

Fonte: Gospel Prime

23/11/2012

Agita Vale Gospel garante que Thalles Roberto conhecia a promoção da limousine


Agita Vale Gospel garante que Thalles Roberto conhecia a promoção da limousineO site Agita Vale Gospel divulgou uma nota oficial com seu posicionamento sobre a promoção “Nossa Limousine” com o cantor Thalles Roberto, reafirmando que a equipe do cantor estava ciente da promoção e que só cancelaram depois que a mídia divulgou o passeio de limousine de forma negativa.

“O Portal Agita Vale Gospel informa que a promoção era sim de extrema veracidade e de conhecimento da assessoria do cantor”, diz trecho do texto.

Quando os portais e blogs evangélicos começaram a falar sobre o assunto o primeiro sorteio já havia sido feito e faltava sortear apenas mais uma pessoa para finalizar a promoção.

Em nota o Agita Vale deixa claro que as mensagens negativas partiram dos internautas e que o público do site estava engajado para poder ter um dia especial ao lado do cantor evangélico.

“O cancelamento foi exatamente pelo fato de ter causado um boom por toda a rede de uma forma muito negativa”.

A proposta dos organizadores da promoção não era ganhar dinheiro em cima da imagem do cantor, já que o sorteio era gratuito e o passeio de limousine seria custeado pelos donos do site.

“A ideia era proporcionar algo diferente e inovador, mas infelizmente, grande parte do nosso público cristão ainda possui pensamentos pequenos e às vezes mesquinhos”, diz a nota.

Entenda o caso

Há semanas o site Agita Vale Gospel estava divulgando uma promoção que levariam fãs do cantor Thalles Roberto a um passeio de limousine na cidade de São José dos Campos.

Faltando poucos dias para o final do sorteio “Nossa Limousine” alguns internautas começaram a comentar a promoção pelas redes sociais de forma negativa e sites evangélicos, incluindo o Gospel Prime, noticiaram a polêmica que o assuntou gerou na rede.

Diante da repercussão dessas notícias a assessoria do cantor se pronunciou dizendo que o cantor não conhecia tal promoção e que ele não aceitaria participar de algo parecido por ser um “pastor de ovelhas e não um artista”.

Leia na íntegra a nota do Agita Vale Gospel:

“O Portal Agita Vale Gospel informa que a promoção era sim de extrema veracidade e de conhecimento da assessoria do cantor.

A promoção, jamais teve a intenção de macular a imagem de quaisquer pessoas envolvidas, sejam elas das partes organizacionais do evento, assessoria do cantor ou do próprio cantor.

Toda a produção da promoção seria custeada através do nosso Portal. Não foi proporcionado nenhum custo ou cachê para a participação, tanto para os ganhadores quanto ao próprio cantor ou assessoria.

Porém, devido a imensa divulgação negativa por parte de alguns veículos que se dizem “cristãos”, que postaram matérias maliciosas e com isso impulsionaram uma repercussão muita negativa em relação à promoção, o Thalles decidiu não participar.

O cancelamento foi exatamente pelo fato de ter causado um boom por toda a rede de uma forma muito negativa.

Muitos comentários foram lançados, sem antes mesmo do resultado final da Promoção.

Salientamos que em nossas redes sociais, até o momento não havia sequer  comentários negativos e que as matérias postadas não expressam a opinião do nosso público. Sites postaram matérias através de uma visão isolada, como se fosse a opinião da unanimidade.

 Agora, mediante a alguns comentários esdrúxulos, ressaltamos aqui:

Se o show fosse na época de Jesus, não seria alugado uma Limousine, seria sim alugado uma charrete ou um barco e aí seria: “Na charrete com o Thalles” que seria algo de mais moderno da época.

Impressionante!  O tempo muda, mas ainda existem “cristãos” com mente pequena.

Se Jesus viesse à terra nos dias de hoje, será que ele ainda usaria um jumentinho?

A ideia era proporcionar algo diferente e inovador, mas infelizmente, grande parte do nosso público cristão ainda possui pensamentos pequenos e às vezes mesquinhos.

Nosso lema sempre foi este: “Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus” (1Co 10.31).

Nosso objetivo sempre foi proporcionar aos Levitas do Senhor ou entrevistados em geral, o melhor tratamento possível e entendemos que essa seria uma das grandes formas de honrar um servo de senhor.

Entendemos que, o Thalles sendo uma pessoa pública deva pensar primeiro em seu público. Só lamentamos pela falta de visão e entendimento de várias pessoas e até de alguns veículos de comunicação.”

Fonte: Gospel Prime

%d blogueiros gostam disto: