Cristão egípcio fala de seus sentimentos diante da crise pela qual passa seu país


Na semana passada, o presidente egípcio, Morsi emitiu um decreto constitucional polêmico que lhe dá ainda mais poder legislativo e blinda suas decisões políticas de qualquer intervenção do poder judicial. Seu novo e surpreendente decreto foi anunciado na última quinta-feira (22), deixando o país em um estado de agitação e revolta.

Desde então, ocorreram confrontos em todo o país entre os partidários do Presidente Morsi, membros da oposição e forças policiais, que em alguns casos tiveram que combater os dois primeiros! Centenas de pessoas ficaram feridas e duas morreram.

Para hoje, 27 de novembro, duas grandes manifestações foram planejadas. Uma perto da Universidade do Cairo para os adeptos e partidários de Morsi e da Irmandade Muçulmana, e a outra na Praça Tahrir, envolvendo todos os partidos e grupos que se opõem ao último decreto de Morsi.

Há um grande receio de que ocorram confrontos entre os dois grupos e, só Deus sabe qual será o resultado disso.

“Nós, cristãos, não temos certeza, assim como a maioria dos egípcios, se devemos assumir o risco de ir trabalhar e dirigir pela cidade, ou se devemos ficar em casa” relatou um cristão egípcio.

“Ontem à noite, visitei um grupo de amigos da igreja. A família vive em um apartamento no 17 º andar, com uma vista impressionante da sua varanda sobre o Nilo e a cidade do Cairo. Viver, dirigir e caminhar entre os 18 milhões de habitantes do Cairo não é fácil, é uma vida intensa, mas ver a cidade de cima é bem diferente e emocionante! Os ruídos que vinham das ruas atingiam meus ouvidos, então eu comecei a chorar pela situação de dor pelas quais passam minha cidade e meu país. ‘Senhor!’ eu orei. ‘Será que o Egito terá paz e tranquilidade algum dia?’

Os confrontos dos dias anteriores, juntamente com as preocupações do amanhã e dos próximos dias, trouxeram dor e agonia do meu coração. Os ventos frios da noite sopraram no meu rosto quando eu levantei os olhos ao céu e orei pelo Egito. Então o Todo-Poderoso me lembrou que o meu auxílio e socorro vêm do Senhor, o Criador dos céus e da terra! Ele sussurrou em meus ouvidos, nos momentos de desespero:

“Aquietai e sabei que eu sou Deus” Salmo 46.10. Carregarei isso comigo, para enfrentar as incertezas do amanhã e dos próximos dias, enquanto durar esta crise no Egito”.

FontePortas Abertas
TraduçãoMarcelo Peixoto
Anúncios

Escreva Aqui seu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: