Caminhoneiro gasta todas as suas economias para evangelizar


outdoor-evangelistico-266x200O caminhoneiro aposentado Harold Scott tem 72 anos e mora no Wisconsin. Ele decidiu gastar todas as suas economias para colocar mais de 20 placas publicitárias ao longo das principais rodovias do seu Estado. O objetivo é “difundir a mensagem cristã para os motoristas”.

Alguns dos outdoors pagos por ele dizem “Jesus Cristo morreu pelos pecados do mundo” outros afirmam “A vida não é nada sem Deus”. Contando com sua experiência como caminhoneiro, ele acredita que um motorista que for impactado pela mensagem pode levá-la muito longe. São milhões de pessoas dirigindo por aquelas estradas todo ano.

Procurado pelo jornal USA Today, afirmou “O diabo tem hipnotizado as pessoas. Este país precisa de um pouco de esperança, mas a única esperança que podemos ter é no Senhor Jesus Cristo.” O ex-caminhoneiro explica que começou seu “ministério” dois anos e meio atrás, motivado pelo desejo de ver as pessoas se aproximarem de Deus. Sem defender uma denominação, ele criou o Kaiser Christian Fund, que administra o projeto e recebe doações.  O que já lhe permitiu gastar pelo menos US$ 600.000 [R$ 1,5 milhão] em publicidade até agora.

Ele conta que seu sonho era comprar um caminhão de carga e levar a mensagem de Deus para todo o país. Mas investiu quase tudo que tinha nos outdoors e isso hoje seria impossível. “Não foi barato, mas tive alguns bons resultados”, disse Scott.

Embora lamente que não teve muito sucesso quando buscou apoio financeiro para seu projeto de evangelização, acredita que, quando morrer, o dinheiro virá de outras pessoas que ouviram falar sobre seu trabalho. Antes disso, decidiu hipotecar sua casa para manter o projeto de pé.

“Acho que é a coisa mais importante da minha vida. É por isso que estou fazendo isso e pretendo continuar. Estamos orando e esperando por um milagre, que as pessoas realmente percebam sua importância”, assevera.

Jerry Root, professor de filosofia da religião no Wheaton College, explica que muitos crentes ainda não perceberam que são obrigados a compartilhar a verdade cristã para o mundo em que vivem.

“Se você viu que uma ponte foi destruída e não há sinais indicativos, o meu palpite é que você deveria ficar na estrada avisando as pessoas”, disse Root. ”Se você tivesse a cura para o câncer, iria querer levá-la a cada hospital de câncer no mundo e oferecer-lhes essa cura. E se você viu que alguém está sofrendo e busca paz em sua vida, meu palpite é que você deseja que eles saibam que há um lugar onde a paz, o amor e o perdão podem ser encontrados”.

Scott admite que seus parentes e amigos questionaram sua sanidade quando ele decidiu gastar tanto dinheiro com os outdoors. Para ele a resposta é simples: “Tudo o que se faz para avançar o reino de Cristo não é loucura. Precisamos de mais pessoas que anunciem Jesus Cristo. Precisamos de mais discípulos. Entre o povo de Deus somos poucos. Estamos tentando fazer um trabalho que é quase impossível, mas vamos fazê-lo”.

Com informações de Usa Today.

Anúncios

Escreva Aqui seu Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: