Posts tagged ‘Amor’

28/11/2012

Sara Sheeva pastora evangélica sugere texto do seu blog sobre o cristão e a música do mundo


A pastora Sara Sheeva em post no seu blog disse: “Eu JAMAIS voltarei a cantar músicas que não sejam de adoração a Deus.”, pela divulgação que uma pessoa que ela ama iria cantar músicas seculares. No seu Twitter, após a divulgação que a mesma pessoa anunciou que vai fazer uma turnê com o mesmo repertório, a pastora sugeriu a leitura do post. – Confira o texto e comente… Sara Sheeva por bom período de  sua via fez parte do grupo denominado “SNZ”, o qual fez muito sucesso cantando musicas que hoje são consideradas pela pastora e no meio evangélico como músicas seculares (não cristãs). O grupo “SNZ” se desfez e a então cantora Sara se converteu ao Senhor Jesus, se tornou pastora e tem trabalhado para edificação do Reino de Deus.

No artigo que ela pede para que seus seguidores no Twitter leia é enfática em afirmar que “ “Eu JAMAIS voltarei a cantar músicas que não sejam de adoração a Deus.” É uma decisão, não apenas profissional, mas espiritual e ministerial diz a pastora.

O que tem tocado aí dentro deste templo?

Alguns assuntos são muito delicados para se comentar, principalmente quando envolvem pessoas que amamos.
Aproveitando algumas notícias da mídia, e já respondendo as perguntas que estão me enviando a respeito, existe algo que vocês podem ter certeza sobre mim:

Eu JAMAIS voltarei a cantar músicas que não sejam de adoração a Deus.
É uma decisão, não apenas profissional, mas espiritual e ministerial.

Acredito no seguinte: podemos ter “amigos” no mundo, podemos andar no mundo, fazer a diferença, sermos a luz do mundo, etc… mas o mundo não pode andar DENTRO de nós.
Ou seja: Não podemos amar as coisas do mundo, os prazeres do mundo. Precisamos amar as PESSOAS do mundo.
Amar, nesse caso, significa sermos usados como instrumento de salvação para os perdidos.

Acredito que a música é algo ESPIRITUAL, é energia pura, algo sobrenatural. Acredito (e também tenho respaldo bíblico) que a música tem o poder de entrar dentro de nós e ministrar a nossa alma e o nosso espírito humano.
(Lembra de como Davi expulsou o espírito imundo de Saul ao ministrar louvor? 1 Samuel 16.23)

Nós somos o TEMPLO do Espírito Santo.
Então pergunte a você mesmo:
O que tem TOCADO aí dentro deste templo?
Dentro de mim só tocam os louvores de adoração ao nosso Deus! Nenhuma música profana ou de simples entretenimento toca dentro de mim.
Porque?
Porque EU SEI que DEUS NÃO CRIOU A MÚSICA PARA DAR PRAZER AO SER HUMANO (essa frase é do Pr.Cirilo), mas Deus criou a música para a adoração a Ele.

Acreditar nisso seria isso um tipo de “religiosidade”?
Não. Como eu sei que não?
Por causa da experiência prática da mudança nas minhas vontades.
Houveram muitos anos (após a minha conversão) que eu continuava com a prática de ouvir e cantar músicas que não eram de adoração a Deus, e enquanto eu não abandonei essa prática, muitas vontades malignas não me abandonavam, e muitas áreas da minha vida continuavam aprisionadas.
Posso testemunhar, e sei que muitos outros Cristãos podem testemunhar que, após deixarem a prática de ouvir músicas profanas, houve mudança em suas vontades, e em muitas áreas de suas vidas.

Precisamos ser um tipo de crente que, se Deus mandar deixarmos algo, deixamos NA HORA!

Precisamos ser um tipo de crente que “põe a mão no arado e não olha mais para trás…”

Porque quem põe a mão no arado e olha para trás (sente saudades do mundo) não é digno de Jesus.

Não foi fácil para mim, não foi fácil deixar certas músicas… Mas eu amo Jesus MAIS.
Eu amo Jesus MAIS do que qualquer prazer deste mundo.

Eu nasci na música do mundo. O preço de renúncia que eu paguei para poder servir ao Senhor foi alto. Por Jesus eu abandonei toda uma carreira. Eu não teria abandonado se Ele não tivesse pedido, e se deixar de obedecer não fosse algo que realmente pudesse comprometer minha caminhada em direção a eternidade.
Mesmo assim, sei que o preço que paguei não se compara com o preço que Ele pagou pela minha vida.
Por isso eu deixei tudo por Ele.
E deixaria de novo.

Lucas 9:62

“E Jesus lhe disse: Ninguém, que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus.”

Traduzindo:

“Ninguém que começa a fazer a obra de Deus e fica com saudades do mundo, está capacitado para receber o reino de Deus.”

Por isso, quando alguém questiona (ou duvida que valha a pena) o nosso esforço em renunciar as coisas do mundo para seguir a Jesus, eu digo:

“Me mostre as tuas convicções, a tua teologia (ou até o teu ateísmo), que eu te mostro a mudança nas minhas vontades.”

Ser livre não é fazer o que quer, ser livre é conseguir querer o que Deus quer.
Ser livre é obedecer a Deus, e não ao diabo.

Paz, Pra.Sarah Sheeva – publicado em 28.10.12

Fonte: Inforgospel

30/09/2012

Flordelis é destaque na Revista Marie Clarie


A edição de setembro da Revista Marie Claire contou a história de vida da pastora Flordelis, 51 anos, mãe de 55 filhos que ainda tem tempo para se dedicar ao ministério pastoral e a carreira de cantora.

Evangélica desde a infância, Flordelis conta para a publicação que foi deixada pelo marido quando seus quatro filhos legítimos ainda eram pequenos e que o primeiro filho adotivo foi resgatado da mão de bandidos.

Hoje são 51 filhos adotivos, os cinco últimos vieram depois que ela e seu atual esposo, o pastor Anderson Carmo, decidiram não adotar mais nenhuma criança. “Já havia decidido não adotar mais ninguém quando cheguei aos cinquenta filhos. Só que, no ano passado, me vi diante de cinco irmãos órfãos, entre 2 e 12 anos, que seriam separados pela Justiça. Quem vai adotar cinco crianças? ­Separá-los seria uma violência. Decidi adotá-los também.”

Ao falar sobre crianças abandonadas e as alternativas oferecidas pelo governo para abrigar esses jovens, Flordelis comenta que o atual sistema não recupera nem protege os menores.
“Abrigo para menor não recupera ninguém. Desafio qualquer um a me provar o contrário. O abrigo não faz as crianças criarem raízes, não as leva a nada a não ser à lei da sobrevivência a qualquer custo”, diz.

A matéria também fala sobre a rotina da casa, localizada em Niterói, onde o casal cuida das crianças. Para abrigar tantas pessoas o imóvel tem dez quarto e sete banheiros. Os filhos de Flordelis obedecem uma rotina rigorosa, mas com muito carinho e afeto.

Leia a matéria completa aqui.

03/06/2011

Hospital cristão ajuda a levar árabes a Cristo


Hospital cristão ajuda a levar árabes a Cristo O Hospital Oasis, nos Emirados Árabes Unidos, é provavelmente mais conhecido por sua influência direta sobre a drástica redução da taxa de mortalidade infantil da nação, que caiu de 5% para menos de 1% nos últimos 50 anos.

O hospital também tem ajudado a reduzir a taxa de mortalidade materna de 35% para quase nada.

O trabalho no Oasis é voltado principalmente para mulheres e crianças e realiza mais de 300 partos por mês. Ao longo dos anos foram mais de 83 mil crianças, e, anualmente, 3.500. O hospital também trata 112 mil pacientes por ano.

Os bebês estão nascendo, os pacientes estão sendo curadas, e, principalmente, o Evangelho está sendo pregado, apesar das dificuldades. As sanções do governo são complicadas, mas não é nenhum segredo que os funcionários são todos crentes.

A nação tem permitido que o Hospital Oasis coloque uma tradução árabe do livro de Lucas, em cada quarto, assim como uma cópia do filme Jesus. Os pacientes são livres para tomar as matérias e investigar as verdades de Cristo.

O hospital tem prosperado na função de levar a cura física e espiritual. O problema, no entanto, para CURE International, é que não há espaço para a expansão. Milhares de pessoas vêm ao Hospital Oasis a cada ano, mas o prédio é bastante antigo e tem um número limitado de quartos.

Para continuar a se expandir e atingir mais pessoas com o amor e a solicitude de Cristo, Oasis Hospital está em processo de construção de um edifício para o próximo ano, quando médicos e os pacientes irão contar com 200 novos leitos.
 

Fonte: Mission Network News

31/05/2011

Kung Fu Panda mostra história de perdão e amor


Kung Fu Panda mostra história de perdão e amor O filme Kung Fu Panda 2, que tem como personagem principal o Panda Po, é mais do que uma animação cheia de ação e muita comédia. O novo filme traz ensinamentos sobre amor e perdão.

A estrela do filme, panda Po (Jack Black) e os cinco furiosos, estão em uma missão para derrotar um pavão Caudilho (Gary Oldman) que tenta destruir o Kung Fu. O pavão também conhece a história da família de Po e o destino dos pais biológicos.

A animação em 3D, dirigida por Jennifer Yuh Nelson, mistura o misticismo Oriental (embora não pregado) e a mensagem de redenção. A sequência explora a ideia de abandonar as mágoas do passado e encontrar o perdão.

Durante a viagem dos personagens, os telespectadores testemunham o amor tocar o coração de Po ao encontra-se com seu pai. Po aprende a deixar a dor do passado e reconhecer o amor do seu pai, Ping.

O perito em filmes, o cristão Ted Baehr, conta que as referências da tradição oriental devem ser explicadas como elas são. “Durante o filme, Po fala sobre a importância de deixar o passado, perdoar aqueles que erraram”.

No entanto, Ted Baehr recomenda cautela para as crianças e adolescentes. “Os pais devem discutir temas do filme com seus filhos. Ao fazer isso, eles devem apontar que somente em Jesus Cristo encontrarão a verdadeira paz”, finaliza.

Fonte: Christian Post

17/05/2011

Religião e política são os fatores mais importantes na hora de escolher o cônjuge


Religião e política são os fatores mais importantes na hora de escolher o cônjugePesquisadores da Universidade Rice e da Universidade de Nebraska/Lincoln analisaram dados coletados entre mais de 5.000 casais, visando descobrir que fatores mais influenciam a escolha de um cônjuge. O estudo, denominado The Politics of Mate Choice [Os critérios de escolha de um parceiro], mostra que a ideia de que os “opostos se atraem”, na maioria das vezes acaba não se comprovando cientificamente:

“Os cônjuges se assemelham em questões que vão desde características físicas (altura, peso, cor da pele, circunferência do pescoço e o tamanho do lóbulo da orelha) passando por aspectos como nível educacional, renda, idade, tipo de ocupação e status socioeconômico, incluindo também características sociais e mentais como personalidade, inteligência e tipos de atitude”.

A pesquisa foi publicada este mês na revista científica Journal of Politics. Os principais aspectos que definem a formação de um casal não são a aparência ou o dinheiro como se costuma acreditar, mas as visões sobre religião e política. O terceiro aspecto mais importante é a freqüência que a pessoa ingere bebidas alcoólicas.

Entre os casais entrevistados, os relacionamento duraram entre menos de um ano até 67 anos. Isso pode indicar que cada parceiro faz uma espécie de triagem no início do relacionamento, em vez de descobrir similaridades depois de algum tempo juntos.

O professor de Ciência política John Hibbing, um dos pesquisadores, explica: “Ficamos surpresos ao descobrir que a concordância religiosa e política vem desde os primeiros anos de casamento, em vez de aumentar ao longo do tempo… Não sabemos se os casais que compartilham da mesma visão sobre religião e política são mais felizes, ou algo assim. Apenas concluímos que é algo que acontece com muito mais freqüência”.

O estudo apresenta uma lista de características que se busca nos primeiros encontros, dispostas em ordem de importância. Algo que deve ser lembrado quando você conhecer alguém em um bar ou no grupo religioso a que pertence:

Frequência à igreja
Opiniões políticas
Freqüência na ingestão de álcool
Educação
Altura
Frequência no uso de cigarros ou assemelhados
Peso
Quanto tempo dorme
Tipo físico ideal
Tipo físico real
Outra lista com questões e atitudes específicas aproximou os casais entrevistados. São opiniões que eles compartilhavam, também em ordem de importância :

Oração nas escolas
Aborto
Direitos dos homossexuais
Filmes pornôs
Pena de morte
Divórcio
Liberação das mulheres
Energia nuclear
Astrologia
Disposição para usar drogas
Arte moderna
Censura
Crença de que é melhor seguir as regras
Gostar de intimidar outras pessoas
Ter sido agradável aos pais quando criança

Fonte: Pavablog

06/05/2011

Sony Music divulga capa de Cassiane e Jairinho


A dupla Cassiane & Jairinho está lançando o CD “O Amor está no Ar”, primeiro álbum do casal assinado pela Sony Music, que conta com um repertório 100% romântico.

A gravadora acaba de divulgar a capa deste trabalho que mostra os dois abraçados e sorrindo. O repertório trata de diferentes formas de amor, com canções voltadas para casais falando da importância aos laços firmes e fortes e também da importância do casamento.

Também tem músicas românticas bem voltadas ao público teen em ritmos bastante modernos e variados. E há uma faixa especial para ser tocada em casamentos, naquele momento especial da troca de alianças.

O projeto Cassiane & Jairinho traz ainda mais uma novidade no mercado gospel. Pela primeira vez será disponibilizado um single do álbum para comercialização de forma digital antes do lançamento do CD no mercado. Assim o público poderá comprar uma faixa do CD antes mesmo do produto chegar às lojas. A canção estará nos próximos dias disponível no portal digital Sonora.

O CD físico deve chegar  nas lojas nas semanas que antecedem o Dia dos Namorados.

Fonte: Gospel Prime

26/04/2011

Nasce em São Paulo filha de Kaká


Rio de Janeiro, 24 abr (EFE).- Isabella, a primeira filha do meia Kaká, jogador do Real Madrid e da seleção brasileira, nasceu na noite de sábado no hospital Albert Einstein em São Paulo, informou a mulher do jogador, Caroline Celico, pela sua página no “Twitter”.

“Novamente! Com um parto normal e maravilhoso! Curti cada dor, cada minuto, que começou a meia-noite do dia 23! Tudo valeu à pena!”, disse Caroline na rede social.

De acordo com outra mensagem da mãe, Isabella nasceu com 3,170 quilos e 48 centímetros às 21h01 de sábado.

Caroline, que é evangélica, escreveu que neste domingo está realizando tanto a ressurreição de Jesus quanto o milagre da vida com seu segundo filho.

Kaká apenas conheceu sua filha nesta manhã após aterrissar em São Paulo após marcar na véspera dois gols na goleada de 6 a 3 pelo Real Madrid sobre o Valencia pelo Campeonato Espanhol.

Kaká e Caroline Celico são pais também de Luca, o primogênito do jogador e que completou 3 anos.

O jogador do Real Madrid, que lembrou o nascimento de sua filha um dia após ter completado 29 anos e de um jogo que considerou como seu retorno ao futebol de alto nível, voltará à Espanha neste mesmo domingo ou na segunda-feira para preparar-se para o clássico contra o Barcelona pelas semifinais da Liga dos Campeões. EFE

Fonte: G1

22/02/2011

Visão Mundial inaugura espaço para apoio a crianças de Nova Friburgo


Visão Mundial inaugura espaço para apoio a crianças de Nova Friburgo

Espaço vai reunir equipe multidisciplinar, formada por profissionais contratados e voluntários

Um mês após lançar uma campanha de arrecadação de fundos, a Visão Mundial inaugura, no próximo dia 21 de fevereiro, o Espaço Amigável para Crianças em Nova Friburgo (RJ), cidade que concentra quase a metade das vítimas registradas até o momento. Em parceria com a Igreja Metodista Central, o Espaço vai reunir uma equipe multidisciplinar, formada por profissionais contratados e voluntários, para atender a uma média de 100 crianças diariamente.
Espaços Amigáveis para Crianças são uma tecnologia desenvolvida pela Visão Mundial (World Vision) para oferecer respostas às necessidades surgidas em tragédias. São instalações por meio das quais oferece às crianças vítimas de tragédias, naturais ou não, atividades pedagógicas e lúdicas capazes de fazê-las expressar suas emoções enraizadas no desastre e reconstruir uma percepção positiva da vida frente desastre tão abrangente. Diariamente são desenvolvidos com as crianças dinâmicas, jogos, atividades recreativas e reforço escolar baseado na produção de textos, desenhos e resolução de problemas.

Para Emídio Bastos, Gerente de Assuntos Humanitários e Emergência da Visão Mundial, os Espaços Amigáveis para Crianças conseguem estabelecer uma rotina diária que dá a elas a estrutura necessária para enfrentar o estado caótico da sua vida atual e promover uma transição adequada entre o período de inatividade das crianças e o retorno às atividades cotidianas e a uma vida normal, com o passar do tempo.

Nos Espaços Amigáveis, as crianças têm, ainda, a oportunidade de dar continuidade às atividades escolares regulares. Com o apoio de equipes multidisciplinares, formadas por profissionais de saúde, os pais também recebem suporte emocional, orientação e informações relevantes para ajudá-los a conviver com a difícil situação e para melhor enfrentar os desafios futuros. “Ao sentirem que seus filhos estão em segurança, os pais sentem-se mais tranquilos para voltarem a cuidar de si e de suas tarefas diárias, como trabalhar e até mesmo reconstruir suas casas”, relata Emídio. “Trata-se, realmente, de um oásis em meio ao caos”, finaliza.

 

Fonte: Visão Mundial

11/02/2011

Pesquisa aponta que 61% dos jovens americanos pretendem se casar virgens


Contrariamente à opinião popular uma sólida maioria dos adolescentes dos EUA gostariam de ser virgens quando se casam 250x170 Pesquisa aponta que 61% dos jovens americanos pretendem se casar virgens

Contrariamente à opinião popular uma sólida maioria dos adolescentes dos EUA gostariam de ser virgens quando se casam

Um estudo da OneHope descobriu que 61% dos jovens americanos gostariam de não fazer sexo até o casamento. O resultado faz parte do relatório chamado de  ”estado espiritual dos Filhos,” lançado quarta-feira. O estudo de 91 páginas – que inclui também dados sobre o adolescente de crenças, valores e espiritualidade – foi lançado pouco antes do Dia dos Namorados (nos EUA a data é 14 de fevereiro).

O tamanho da amostra foi de 5.108 adolescentes com idades entre 13 e 18 anos nos Estados Unidos. Os estudantes foram recrutados para participar da pesquisa on-line através de uma empresa membro do comitê e através de sites de redes sociais, com o levantamento real que está sendo realizado no final de 2010.

Os resultados do relatório são surpreendentes, dado o aumento da exposição de adolescente ao conteúdo de mídia sexualmente explícito – como a recente controvérsia sobre a MTV, “Skins” – e como eles são retratados pela mídia.  Outro dado surpreendente foi que  63% dos entrevistados disseram que gostariam de recuperar a sua virgindade, se possível.

“Há muita pesquisa sobre os jovens, mas quando ouvimos diretamente deles?” comentou Vice-Presidente da Global Ministries OneHope de Chade Causey. “É por isso que a OneHope realiza pesquisas ao redor do mundo, perguntando aos próprios jovens o que mais os impacta. Usamos essa pesquisa para entender melhor suas necessidades, conhecê-los em seus pontos de dor e trazer-lhes esperança através de experiências de mídia transmitindo o amor de Deus.”

Outros resultados notáveis no estudo do ministério focado na criança são:

• 82 % acreditam que Deus planejou o casamento para durar uma vida.
• 50 % consideram um homem e uma mulher solteira uma família.
• 59 %  disseram que a Bíblia tem pouca / nenhuma influência sobre seus pensamentos e ações.
• 62 % acreditam que a verdade é relativa.
• 57 % acreditam ser boas pessoas e fazer boas obras, poderá fazê-lo ir para o céu.
• 69 % assistem a MTV em uma base semanal.

Estudar para agir

A OneHope, que visa alcançar as crianças do mundo com a mensagem da Bíblia, começou a estudar para aprender mais sobre as necessidades únicas, experiências e tradições sociais dos jovens. O ministério utiliza a pesquisa dos EUA para desenvolver programas, materiais e experiências materiais para atender as necessidades específicas dos jovens norte-americanos e de compartilhar a mensagem de que Deus os ama.

O ministério da Flórida, fundado pelo missionário Bob Hoskins, em 1987 atingiu cerca de 700 milhões de jovens em 125 países através de revistas infantis, filmes animados, shows rave, aplicativos de smartphones, jogos interactivos, entre outros veículos.

Fonte: Gospel Prime / The Christian Post

22/01/2011

O que é ou não permitido que um casal cristão (marido e esposa) faça, sexualmente falando?


A Bíblia diz que “Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão à prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará” (Hebreus 13:4). A Escritura nunca menciona o que um marido e uma esposa podem ou não fazer sexualmente. Os maridos e esposas são instruídos assim: “Não vos priveis um ao outro, senão por consentimento mútuo por algum tempo…” (I Coríntios 7:5a). Este verso talvez estabeleça os princípios para as relações sexuais no casamento. Qualquer coisa a ser feita, deverá ser de consentimento mútuo. Ninguém deve ser encorajado ou coagido a fazer algo com o qual não se sinta confortável ou pense ser errado. Se o marido e a esposa concordam que querem tentar algo, a Bíblia não dá qualquer motivo para que não experimentem.

Há algumas poucas coisas que nunca serão permitidas, sexualmente falando, a um casal (marido e esposa). A prática de “trocas” ou “trazer mais alguém” é óbvio adultério (Gálatas 5:19; Efésios 5:3; Colossenses 3:5; 1 Tessalonicenses 4:3). O adultério é pecado, mesmo que a esposa permita, aprove ou mesmo participe. A pornografia é um apelo à “concupiscência da carne” e à “concupiscência dos olhos” (I João 2:16) e é portanto também condenada por Deus. Fora estes dois termos, não há nada que a Escritura especificamente proíba que um marido e esposa façam entre si, contanto que seja por consentimento mútuo.

Fonte: GoQuestons

%d blogueiros gostam disto: