Posts tagged ‘bairros’

29/09/2013

Igreja no RJ troca doces de Cosme e Damião por doces ‘santos’ e causa polêmica


Igreja no RJ troca doces de Cosme e Damião por doces ‘santos’ e causa polêmica Igreja no RJ troca doces de Cosme e Damião por doces ‘santos’

Nesta sexta-feira (27) a igreja Projeto Vida Nova, na Vila da Penha, organizou uma ação voltada para crianças para impedir que elas consumissem os doces entregues pelo dia de Cosme e Damião.

Cada criança que chegasse com um desses doces entregues por membros de religiões de matriz africana recebeu outro pacote de doces, sem a consagração aos dois santos.

O pastor Isael Teixeira foi entrevistado pelo jornal Extra e deixou claro que esperava receber mil crianças na igreja, mas que nenhuma delas seriam obrigadas a devolver o doce recebido pelas outras religiões.

“É apenas um convite. Só entrega os doces quem quer”, disse ele. Teixeira também disse que os doces que forem entregues seriam queimados. “Geralmente, os saquinhos são queimados, representando fim de todo o mal que, por ventura, foi direcionado às crianças”.

Na visão da igreja, e de outros grupos evangélicos, os doces entregues nesta data são amaldiçoados, uma vez que foram consagrados para entidades malignas.

“A gente pede para trocar o doce abençoado (da igreja) pelo amaldiçoado. Nosso projeto é um meio de trazer as crianças (que não são evangélicas) para o bem, livrando-as do mal. Se a criança come doce (de rua), pode plantar uma semente dentro dela. Eles (outros religiosos) invocam os espíritos para que entrem nos doces”, explicou o pastor.

Os 70 templos da Projeto Vida Nova entregaram cerca de dez mil saquinhos de doce contendo geleia, pipoca doce, bananada e pirulito. Junto com as guloseimas vem também uma Bíblia que serve para evangelizar as crianças não evangélicas dos bairros.

Esse foi o 20º em que a igreja promoveu essa troca de doces, a cabeleireira Raquel Cristo, 36 anos, se converteu há pouco tempo e se tornou voluntária há três anos para ajudar na entrega dos doces gospel.

Raquel vem de uma família espírita e conta que sua mãe entregava doces nessa época depois de consagrá-los aos santos Comes e Damião. “Minha mãe foi espírita e nós vivíamos doentes. Ela fazia mesa de doces de Cosme e Damião e chamava sete crianças para comê-los. Hoje, acredito que a função disso era transferir a nossa doença para elas”, relata.

O jornal Extra foi questionar o babalaô Ivanir dos Santos, presidente da Comissão de Combate à Intolerância Religiosa (CCIR), sobre o que ela achava da iniciativa da igreja e o religioso disse que a ação “dá sentido a uma mentira”.

“Demonizar a fé de outra religião e ter um mesmo sentido, que é o doce, é um ato de intolerância. E isso, sim, é pecado.”

A vice-presidente do Movimento Umbanda do Amanhã (Muda), Marilena Mattos, também considera a ação como uma intolerância religiosa. “Isso é um fiel retrato da intolerância religiosa. Eles estão mostrando que não aceitam a Umbanda como religião, pois estão denominando nossos rituais como sendo do mal”, disse ela.

06/12/2012

Dia da Bíblia – Leitura de Gn a Ap em 8 dias por Igrejas Evangélica em comemoração


O segundo domingo do mês de dezembro é o Dia da Bíblia Sagrada, a Palavra de Deus revelada a nós e que serve de orientação para os que creem. Em comemoração cristãos/evangélicos 24 Igrejas começaram uma maratona de leitura até o dia 09 dezembro.-Confira e lembre-se de agradecer a Deus pela sua Palavra que nos orienta No Caminho.Amém…

Em comemoração ao dia da Bíblia, que este ano acontecerá no dia 9 de dezembro, a Associação de Pastores e Líderes Evangélicos de Rio das Ostras (RJ) promove a leitura integral da Bíblia, que será feita em público.

A leitura teve início no último domingo (2) às 7h até às 22h e continuará todos os dias até o dia 9, data da comemoração. Membros de 24 igrejas do município estão participando da campanha. Eles se revezam durante oitos dias para a leitura de todos os livros das Escrituras Sagradas, de Gênesis ao Apocalipse.

A inciativa dos evangélicos conta com apoio da prefeitura, que proporcionou a montagem de duas tendas ao lado do Monumento da Bíblia. A leitura das Escrituras Sagradas encerra a sequência de eventos da “Marcha Para Jesus Nos Bairros”.

Shows com as cantoras Aline Barros e Ludmila Feber farão a festa de encerramento no dia 10 a partir das 19h, na área que fica ao lado do Fórum, no Jardim Campomar.

De acordo com Folha Online, o pastor Jorge Cônsoli, presidente da Aplero, cita o livro de Isaías para mostrar a importância da iniciativa, tendo como referência o capítulo 55, versículos 10 e 11:

“Porque, assim como a chuva e a neve descem dos céus e para lá não tornam, mas regam a terra, e a fazem produzir e brotar, para que dê semente ao semeador, e pão ao que come, assim será a palavra que sair da minha boca: ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei”.

Para o pastor, a leitura da Bíblia torna-se palavras proféticas, “trata-se de uma leitura profética, onde as igrejas evangélicas de Rio das Ostras são incentivadas pela Administração Municipal a anunciar a palavra de Deus”.

Fonte: InforGospel

28/11/2012

Pai fala de Deus ao filho viciado e ele começa frequentar Igreja Evangélica e se torna vereador


O agora irmão Waldiney testemunha da sua transformação de vida após tomar a decisão de falar com Deus e expressar a vontade de mudar de vida. Começou então a frequentar um igreja evangélica e foi totalmente restaurado pelo Senhor e hoje é vereador eleito em MG.- Confira e comente…

“Eu não me amava. Esqueci do mundo e de mim”. A declaração é do vereador eleito em Montes Claros (MG) pelo PHS, Waldiney da Silva, de 34 anos. O irmão Waldiney, como é conhecido, falou ao G1 sobre os 10 anos em que foi dependente químico. Ele começou a consumir drogas aos 15 anos de idade, passou por quatro centros de recuperação e chegou a morar na rua durante um mês.

Waldiney chegou a ter uma overdose e sofreu uma parada cardíaca. A última vez que consumiu drogas foi em 2004. “Foi quando tudo começou na minha vida. Eu falei com Deus que eu iria mudar”, conta.

Ele começou a frequentar uma igreja evangélica e sentiu que sua vida começou a ser transformada.”Troquei a minha família e meus sonhos sonhos pela droga. Fui morar nas ruas, não por falta de casa ou comida, mas porque eu não não gostava de mim”, revela. O vereador eleito conta que o pai foi um dos responsáveis por fazê-lo largar o vício. “Ele falava comigo: “Deus vai te dar força, você vai sair dessa’. Ele me ajudou muito”.

O Irmão Waldiney se casou e começou a trabalhar com propaganda volante pelas ruas de Montes Claros, foi quando passou a ser conhecido e a conhecer a realidade dos bairros carentes da maior cidade do Norte de Minas.

Ao receber um convite do presidente do Partido Humanista da Solidariedade (PHS), resolveu concorrer ao cargo de vereador. Um dos motivos, segundo ele, foi a vontade de criar um centro de recuperação para dependentes químicos. “Tem muita gente precisando de oportunidade para mudar de vida. Qualquer ser humano pode dar a volta por cima”, destaca.

Fonte: Infor gospel

%d blogueiros gostam disto: