Posts tagged ‘Dia de’

06/12/2012

Contagem regressiva para a 4ª Escola de Líderes; participe!


A Associação Vitória em Cristo (Avec) trabalha a todo vapor na organização da 4ª Escola de Líderes. O evento, que será realizado na próxima semana, em Águas de Lindoia (SP), espera reunir cerca de 5 mil pessoas. “A Eslavec foi criada com o objetivo de ajudar, contextualizar e contribuir para um melhor desempenho da liderança evangélica brasileira”, declara o pastor Silas Malafaia a respeito dos propósitos de Deus em promover a escola de treinamento.

A edição 2013 da Eslavec terá como preletores os pastores Silas e Elizete Malafaia, Walmir Cohen, Coty, Marco Antônio Peixoto, Silmar Coelho, a missionária Edméia Willians, e o bispo norte-americano T. D. Jakes. Assim como em anos anteriores, a pastora Elizete Malafaia conduzirá uma programação especial para as mulheres.

A programação da Eslavec também prevê a participação dos cantores Danielle Cristina, Dayan Alencar, Eyshila, Jotta A, Jozyanne, Marquinhos Menezes e Lilian, Nani Azevedo, Rachel Malafaia e Raquel Mello na ministração dos louvores.

A Associação Vitória em Cristo selecionou três mil pessoas que ganharam o direito de participar do evento com hospedagem e pensão completa pagas pela Avec. São 650 casais de pastores, totalizando 1300 pessoas; 700 pastores ou pastoras, desacompanhados, e 1000 jovens com vocação ministerial entre 18 e 25 anos.

Evento atrai congressistas brasileiros e estrangeiros 

Em 2011, a Eslavec levou para Foz do Iguaçu, no Paraná, congressistas de diversos estados brasileiros como Bahia, Minas Gerais, Santa Catarina, Rio de Janeiro, São Paulo, e até da Bélgica e dos Estados Unidos. A pastora da Igreja Missão Mundial Servos, na cidade baiana de Luís Eduardo Magalhães, Pâmela Cristina da Silva, de 20 anos, participou pela primeira vez. Ela elogiou o investimento da Avec no crescimento da Igreja de Cristo por meio da capacitação de líderes. “É um projeto muito ousado, e interessante, reunir, em um só lugar, pastores e obreiros de diversas denominações. Valeu a pena viajar quase 36 horas para estar aqui”, comentou a pastora.

Ainda existem vagas para quem deseja participar. Para se inscrever, entre em contato com a Central de Atendimento (21) 2187-7000 ou acesse o site da Avec e escolha o seu pacote de hospedagem, com todas as despesas já incluídas. Adquira também seu voo com a TAM VIAGENS pelo telefone 0300-210-1122 .

Confira a programação:

Abertura: 11/12 (terça-feira) às 19h;

Encerramento: 14/12 (sexta-feira) às 19h;

Retorno dos congressistas para suas cidades: 15/12 (sábado), logo após o café da manhã.

08/11/2012

Cura e avivamento em seminário feminino na AD Belo Horizonte


Cura e avivamento em seminário feminino na AD Belo HorizonteSob o tema Os dons naturais da mulher, beleza que vem da alma, baseado no livro de Provérbios 24.5, cerca de quatro mil mulheres ouviram a Palavra entre os dias 25 a 28 de outubro, nos horários da tarde e noite. O 5º Seminário de Mulheres de Belo Horizonte aconteceu no Templo Central e comemoraram os 50 anos do Círculo de Oração, 5 das Mulheres Intercessoras e dois anos e meio do Departamento Feminino.

Para a superintendente geral do Departamento Ester Leal a Palavra pregada trouxe cura para alma e renovou as forças. “Os desafios são grandes e a resposta de Deus tem sido imediata, apesar das tempestades. Meu lema é sempre avançar em jejum e oração. Pedindo a Deus unidade para ver o trabalho crescer e frutificar”, alegra-se Ester.

Pastor Moisés Silvestre Leal, líder da AD mineira, disse que a festividade deste ano foi um marco para a igreja. “Tivemos a igreja totalmente lotada nas reuniões. E Deus usou poderosamente os palestrantes. Renovou a comunhão ,restaurou ,curou e derramou de seu bálsamo sobre todos nós. Temos muito prazer em investir nas mulheres de nossa igreja afinal elas são guerreiras de oração, são colunas de oração, creio que este seminário vem ao encontro à necessidade de retribuir ao maior publico da nossa igreja, e tudo que elas têm feito para o Senhor”.

As palestrantes foram Helena Raquel (RJ), Sônia Pires Ramos (SP) e Gila Júlio (RJ). O louvor ficou os cantores Ezequiel Cortes, Denise Nascimento, Joabe Soares e o grande coral feminino com a participação do grupo de pagode Caminho da Fé.

Fonte: CPADNEWS

18/09/2012

Metodistas realizam campanha de doação de sangue


Metodistas realizam campanha de doação de sangue Todos os anos a Igreja Metodista realiza no mês de setembro a campanha “Um doador de sangue salvou minha vida“. À luz da Palavra de Deus e da herança de seu fundador John Wesley, esse trabalho baseia-se em atos de piedade e atos de misericórdia. “Porque isto é o meu sangue, que é derramado em favor de muitos, para o perdão dos pecados.”  – Mateus 26.28

O ato solidário foi Lançado como uma das metas da Campanha Nacional de Evangelização da Igreja Metodista em 2008. Por meio de ações e parcerias com hemocentros muitas igrejas e comunidades têm aderido a esse chamado e vidas têm sido ajudadas.  Mas como participar?

A denominação estimula a mobilização das igrejas e da comunidade para uma campanha local de doação de sangue. E enfatiza a necessidade de se fazer uma parceria com algum hemocentro da sua região. Outra possibilidade é ir até algum hemocentro e doar.

Durante os dias de doação de sangue a Igreja Metodista lembra o sacrifício de Jesus, que doou sua vida para que todos tenham vida em abundância. E sugere que, antes da ida ao posto de doação, a igreja faça um momento devocional com os doadores.


Fonte: Creio com informações Portal Metodista

14/05/2011

Brasil comemora 123 anos da abolição dos escravos


Brasil comemora 123 anos da abolição dos escravosNesta sexta-feira o Brasil comemora 123 anos da abolição do sistema escravocrata. Poucos sabem, mas foram os evangélicos, especialmente os anglo-saxões, os primeiros a conseguir a abolição da escravatura no Ocidente, lutando sozinhos contra todas as forças econômicas e políticas da época. E foram essas reformas européias capitaneadas por evangélicos que inspiraram o movimento abolicionista brasileiro.

Este ano é lembrado também pelos 204 anos do início da abolição da escravatura no Ocidente, que começou na Inglaterra e tiveram como alguns de seus grandes nomes o pastor evangélico John Newton e o parlamentar evangélico William Wilberforce, um dos líderes do “Grupo de Clapham”, também chamado pela sociedade da época de “Os Santos”. A abolição da escravatura é uma das mais belas páginas da história da humanidade, e ela foi escrita não pelo iluminismo, mas pelos cristãos evangélicos dos séculos 18 e 19.

Conheça a história

A Inglaterra foi o primeiro país a abolir a escravatura, e um dos nomes dessa conquista foi um pastor chamado John Newton, autor do hino Amazing Grace. A canção está ligada à luta pela abolição da escravatura desde sua origem. Antes de converter-se a Cristo, Newton (1725-1807) fora negociante de escravos, tendo ele próprio sido preso na África e tratado como escravo. Na viagem de regresso à Inglaterra, quando o barco quase naufragava, Newton voltou-se para Deus. Ele chamou o dia de sua conversão de “dia da minha libertação”.

Amazing Grace apresenta o coração de seu autor, que pela graça de Deus deixou de ser um vil comerciante de escravos para ser um servo do Senhor. Várias vezes ele pregou e escreveu contra a escravatura. Foi depois de um de seus sermões que conheceu pessoalmente um jovem recém-convertido a Cristo chamado William Wilberforce (1759-1833), membro da Câmara dos Comuns.

Wilberforce pertencia a uma família nobre da Inglaterra. Ele Estudou em Cambridge, onde decidiu dedicar-se à carreira política. O pastor John Newton tornou-se seu grande conselheiro e inspiração para a gigantesca luta pró-abolicionismo. Gigantesca porque tinham contra si grandes poderes e interesses, inclusive da monarquia.

O jovem político afirmou em discurso no parlamento: “A perversidade do comércio de escravos é tão gigantesca, tão medonha e tão irremediável, que a minha mente está completamente preparada para a abolição. Sejam quais forem as consequências, deste momento em diante, estou resolvido que nunca descansarei até que tenha conseguido a abolição” (extraído do livro 131 Christians Everyone Should Know).

A abolição do tráfico negreiro custou 18 anos da vida de Wilberforce. Seus projetos de lei abolicionistas foram derrotados oito vezes (em 1791, 1792, 1793, 1797, 1798, 1799, 1804 e 1805). Como intimidação, chegou a ser assaltado e surrado duas vezes. A luta ganhou a aderência de grupo de evangélicos, chamados jocosamente pela sociedade inglesa de “os santos”.

Depois de muita oração e perseverança, em 1807, uma maioria de 283 votos contra 16 aprovou a lei da abolição da escravatura proposta por Wilberforce. Ao ser aprovada, todo o congresso britânico aplaudiu de pé o servo de Deus por vários minutos, enquanto ele chorava e louvava a Deus com o rosto entre as mãos. O resultado saiu nove meses antes da morte de John Newton. Por conta da decisão parlamentar, a Grã-Bretanha, que na época era a maior potência mundial, declarou guerra ao tráfico de escravos no mundo. Nem ela e nem ninguém mais poderia traficar escravos. O Brasil, por exemplo, por pressão inglesa, finalmente concordou em abolir o tráfico pela Lei Eusébio de Queirós, em 1850. A lei definitiva foi assinada apenas em 1888.

No Brasil, a causa abolicionista contou com o apoio dos missionários evangélicos europeus e norte-americanos. O primeiro missionário presbiteriano em solo brasileiro, Ashbel Green Simonton, foi um dos grandes arautos do abolicionismo no Brasil. Também o jornal Imprensa Evangélica, que circulou durante o Império, era contra a escravidão.

Fatos históricos como a “abolição” comprovam, como tantos outros, a relevância da fé e dos valores cristãos para a transformação positiva da sociedade.


Edição de Lucas Ricardo / Reportagem especial por Silas Daniel publicada no Mensageiro da Paz 1.46

13/05/2011

Para o cristão a sexta-feira 13 é dia de bênção


Para o cristão a sexta-feira 13 é dia de bênçãoUma das superstições mais comuns entre os brasileiros é a sexta-feira 13. Muitos acreditam que esse dia pode trazer azar e por isso evitam fazer atividades importantes para não se arrependerem do resultado. Certos edifícios não tem o 13º andar, pulam do 12º para o 14º.

A Bíblia diz que sobre a nossa tenda não vale encantamento e que o Senhor transforma a maldição em bênçãos, então não temos o que temer.

Para o presidente da Assembleia de Deus em Belo Horizonte (MG), pastor Moisés Silvestre, temos que entender que a Palavra do Senhor se renova a cada manhã e que a Palavra é lâmpada para os meus pés e luz para os meus caminhos. “Eu tenho que andar, não em cima de superstições, mas devo andar sobre a Palavra de Deus, crendo que o Senhor é comigo e com ele eu não tenho que temer”, afirma.

Ser supersticioso é ter medo do desconhecido, é uma crença ou prática sem bases reais, mas fundamentada no medo ou na ignorância do desconhecido. O supersticioso acredita que certas ações (voluntárias ou não) tais como rezas, conjuros, feitiços, maldições, podem influenciar a vida.

“Esse negócio de superstição é o super queimado. Aqui em Minas Gerais quando o carvão vegetal tenta queimar, mas não consegue, as pessoas chamam de tição. Superstição para mim é super queimado. E a gente tem que deixar disso. Nós somos e devemos ser renovados pela Palavra do Senhor a cada manhã”, explica pastor Moisés.

A Bíblia diz em Deuteronômio 18. 10-13 que Entre ti não se achará quem faça passar pelo fogo a seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro; Nem encantador, nem quem consulte a um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos; Pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por estas abominações o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti. Perfeito serás, como o Senhor teu Deus.

“Que você tenha uma sexta-feira 13 cheia de bênçãos e que você possa entender que sobre a sua vida está à benção do Senhor e é ela que faz diferença no nosso caminhar”, conclui pastor Moisés Silvestre.
Por Ivan Carlos

Fonte: CPAD NEWS

04/05/2011

Governo de São Paulo institui o dia da Marcha para Jesus


Governo de São Paulo institui o dia da Marcha para Jesus O Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, sancionou o Projeto de Lei nº328/01 do Deputado Gilberto Nascimento (PMDB-SP) que previa a criação de uma data para o dia da Marcha para Jesus no estado.

A lei foi promulgada por Geraldo Alckmin e entrou em vigor na data da publicação do Diário Oficial do Estado no dia 30 de abril, sob o nº 14.424, prevendo que o dia da Marcha Para Jesus em São Paulo deverá ser comemorado, anualmente, no primeiro sábado do mês de junho.

Como o Governo Federal já havia instituído o Dia Nacional da Marcha para Jesus caberá aos organizadores do evento decidir em qual data ele será realizado. Na cidade de São Paulo o evento acontecerá no dia 23 de junho.

A assessoria do Palácio dos Bandeirantes afirmou que mesmo com a data instituída, não será necessária a alteração da data da realização do evento.

Fonte: Gospel Prime /Folha Renascer

13/11/2010

Campanha do Dia da Bíblia 2010 é lançada em São Paulo pela SBB


biblia res 250x162 Campanha do Dia da Bíblia 2010 é lançada em São Paulo pela SBBEm 22 de outubro, a Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) promoveu o VI Café de Confraternização com Pastores da Grande São Paulo, no Museu da Bíblia, em Barueri (SP). O evento, que contou com a presença de aproximadamente 240 líderes religiosos, marcou o lançamento da campanha do Dia da Bíblia 2010, a ser comemorado em 12 de dezembro.

A data especial, celebrada no país sempre no segundo domingo de dezembro, tem como tema neste ano A Bíblia na Família. “No café de confraternização, tivemos boa representação de denominações e Conselhos de Pastores de São Paulo e das cidades vizinhas. Foi um encontro positivo para divulgar e engajar mais gente na Causa da Bíblia e nas comemorações pelo Dia da Bíblia”, avaliou o pastor Mário Rost, gerente de Desenvolvimento Institucional da SBB e coordenador da campanha.

Acesse o hotsite do Dia da Bíblia, saiba como comemorar essa data e conheça os materiais gratuitos de divulgação da campanha.

Fonte: SBB

%d blogueiros gostam disto: