Posts tagged ‘missa’

23/09/2013

Ataque em igreja deixa quase 60 mortos e 100 feridos no Paquistão


TTrata-se de um dos ataques mais mortíferos cometidos contra cristãos no Paquistão, comunidade que representa menos de 5% da população deste país de maioria muçulmana.

Ao menos 53 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas neste domingo (22) em um duplo atentado realizado em frente a uma igreja na saída da missa em Peshawar, no noroeste do Paquistão, segundo um novo balanço fornecido pelas autoridades locais.

Um funcionário de Peshawar disse à imprensa que as bombas explodiram logo após o fim da missa.

“A maioria dos feridos está em situação crítica”, declarou o funcionário.

Nazir Khan, professora de 50 anos, disse que a missa havia terminado e que 400 fiéis estavam saindo da igreja quando ocorreu uma primeira explosão.

“Uma enorme explosão me lançou no chão e assim que recuperei meu sentidos uma segunda bomba explodiu”, disse Khan à AFP.

Imagens de televisão mostram ambulância transferindo os feridos a hospitais locais.

Havia cerca de 500 pessoas na igreja no momento do ataque. As autoridades evacuaram a área e levaram os feridos para o hospital público Lady Reading.

O primeiro-ministro do país, o muçulmano Nawaz Sharif condenou o ataque. “Os terroristas não respeitam nenhuma religião, pois matar pessoas inocentes é contrário a qualquer credo religioso”, declarou ele.

A Liga Muçulmana Paquistanesa (PML, em inglês), partido de Sharif, também teceu críticas à ação. “A PML condena veementemente esse covarde ato de terror em Peshawar e vai trabalhar duro para eliminar a ameaça terrorista do Paquistão”, publicou o partido em seu Twitter.

 

Fonte: 180 Graus e Jornal do Brasil

 

19/12/2012

Padre anuncia que vai se casar e ter um filho durante celebração em Igreja


Os fiéis da Igreja Católica na cidade de Trapani, na Sicília na Itália foram surpreendidos com o anúncio feito pelo padre local, disse que seria sua última celebração e que ia se casar com a sua companheira que espera um filho. A noticia causou alvoroço na comunidade. Um padre italiano surpreendeu os fiéis durante a missa anunciando seu casamento com sua companheira, que espera um bebê, contou nesta sexta-feira a imprensa italiana. “Esta será a última missa que celebro, me apaixonei por uma mulher e em poucos meses vou ser pai”, disse Vito Lombardo, de 33 anos, pároco da igreja de São Lourenço na cidade de Trapani, na Sicília, segundo a edição local do jornal La Repubblica.

O jornal informa também que o padre e a mulher mantinham uma relação há muito tempo, mas que o religioso decidiu parar de servir à Igreja quando a mulher ficou grávida. Segundo a imprensa local, Vito informou ao Vaticano sobre sua decisão antes de anunciá-la publicamente.

Fonte: Infor Gospel

01/11/2012

Padre expulsa menina de igreja em Nova Serrana por causa de short


Thalita e o pai (Foto: Anna Lúcia Silva/ G1)Uma adolescente de 16 anos foi expulsa neste domingo (28) de uma missa na comunidade de Gamas, na cidade de Nova Serrana, no Centro-Oeste de Minas Gerais. Segundo a estudante Thalita Alessandra Silva Mota, o motivo foi o short que ela usava. Ela contou que o padre chamou sua atenção na frente de mais de 150 pessoas que estavam presentes durante a celebração de uma missa. “Ele disse no microfone que a roupa que eu estava era inadequada para uma missa. Eu não ficaria chateada se ele tivesse dito isso reservadamente. O problema foi que ele não soube ser educado e disse para eu me retirar da igreja e trocar a minha roupa”, desabafou. Em entrevista ao G1, o padre João Luiz Moreira confirmou a repreensão e disse que não muda a opinião.

O pai da menor, o cortador de solas de sapato, Cleisson Renato Mota, contou que Thalita passou por uma cirurgia na perna há menos de 30 dias e por causa dos pontos que ainda não cicatrizaram ela não podia usar roupas apertadas. “Foi recomendação do médico que ela não usasse roupas apertadas para não prejudicar a cicatrização, e nem roupas abafadas por causa do calor, por isso ela escolheu ir com o short à igreja”, contou.

Ainda de acordo com o pai e a menina, durante a missa o padre comentou sobre o tipo de roupas adequadas para a igreja e falou repetidas vezes sobre o mesmo assunto e, quando viu Thalita usando o short, a chamou e disse que o que ele estava falando era exatamente com ela. “Ele apontou o dedo para mim e falou: Mocinha, isso que eu estou falando é para você mesma. Vá embora e troque essa roupa que não é adequada para a ocasião. Eu abaixei a cabeça e entrei para a sacristia e fiquei lá até que passasse o mal estar. Depois fui embora para casa acompanhada do meu pai”, lembrou.

Pai alega que foi recomendação médica após cirurgia (Foto: Anna Lúcia/G1)Cleisson Mota contou que tentou alertar o padre sobre o motivo da roupa da filha. “Para evitar qualquer constrangimento, eu tentei chamá-lo para justificar, mas ele simplesmente me ignorou e continuou a missa. Logo depois o que eu temia aconteceu, ele chamou a atenção da Thalita na frente de todos presentes”, explicou.

Segundo Ana Lúcia Silva Campos, que estava na missa, a atitude do padre foi desnecessária. “Ele falou três vezes sobre tipo de roupa para a igreja, foi muito grosso ao falar. Na terceira vez, quando Thalita se levantou, ele disse diretamente para ela com tom de grosseria, fiquei muito constrangida por ela”, opinião.

“O tipo de abordagem do padre tirou a atenção de todos dentre o da igreja, o pessoal ficou falando e cochichando sobre esse assunto. Ele não podia ter feito isso, poderia ter chamado a menina em um canto, sem prejudicar a garota que virou motivo de conversa durante o dia todo, foi um absurdo”, reforçou a estudante Larissa Cristina Campos a dona de casa.

Padre admite atitude sobre a roupa da adolescente

Padre confirma a repreensão (Foto: Anna Lúcia Silva/ G1)O padre João Luiz Moreira confirmou a repreensão à adolescente e afirmou que não muda a opinião só porque a menina passou por uma cirurgia. Segundo ele, a igreja é lugar sagrado e por isso as pessoas devem se vestir adequadamente para as celebrações. “Eu falei realmente que a roupa não era roupa de igreja. Em seguida ela se levantou e foi para frente da igreja. Por isso falei que estava falando com ela”, admitiu.

O pai da adolescente registrou um Boletim de Ocorrência e falou que irá acionar a Justiça pelo ato do padre. ”Eu vou processar o padre. Ele não tinha o direito de constranger minha filha na frente de todo mundo”, argumentou. Sobre uma possível ação na Justiça, o pároco não quis falar. “É um direito que ele tem, eu não vou dizer nada sobre o assunto”, finalizou.

 

Fonte: G1

%d blogueiros gostam disto: