Posts tagged ‘por isso’

06/12/2012

STJD absolve time de futebol por uso de camisetas com dizeres religiosos


STJD absolve time de futebol por uso de camisetas com dizeres religiososO Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) julgou na última sexta-feira (30) o time da Chapecoense que foi acusado de violar as regras internacionais do futebol. A ação foi movida porque os jogadores da reserva vestiram uma camisa com dizeres religiosos durante a partida que os levaria da Série C para a B do Campeonato Brasileiro.

A suposta violação foi cometida durante o jogo do dia 8 de novembro quando o time catarinense enfrentou o Luverdense na semifinal da Série C, na camiseta que os jogadores usaram para comemorar no final do jogo estava escrito “Deus é fiel, Série B 2013″ na frente e nas costas “Jesus ♥ Você”.

A International Football Association Board proíbe que os atletas exibam qualquer mensagem de cunho religioso dentro dos campos e por isso o time Chapecoense acabou sendo levado à justiça.

O advogado do clube defendeu dizendo que a atitude partiu dos jogadores e que portanto o time deveria ser absolvido. “A equipe da Chapecoense não era mandante e teve apenas uma ação para comemorar a conquista. Por ser um fato atípico e não ser o clube o responsável pela partida, a defesa vem pedir a absolvição do clube”.

O relator do processo Lucas Rocha acredita que de fato o regulamento foi ferido, mas que não houve gravidade no ato. O auditor Márcio Amaral acredita que os jogadores se afobaram e que de não fato não foi uma infração cometida pelo clube.

A decisão final do STJD absolveu a Chapecoense.

 

As informações são Justiça Desportiva UOL.

30/11/2012

Falcão e Kaká evangélicos rivais em campo mas irmãos na fé em Cristo Jesus


O atacante evangélico do Atlético de Madrid Falcão em entrevista fala da sua fé em Deus, e agradece por esta fé graças ao testemunho de sua mãe evangélica, comenta do amigo Kaká do Real Madrid, que são rivais em campo, mas irmãos em Cristo. – Confira, assista e comente…

O jogador na atualidade que esta em alta na temporada é, sem dúvida, Radamel Falcão.  O atacante colombiano do Atlético de Madrid lidera a equipe em seu histórico impecável no campeonato e ganha jogos para o seu país.

Um aspecto que sempre se destacam no jogador colombiano é atitude combativa no campo (por isso o chamam de “o Tigre”), em contraste com a tranqüilidade e simplicidade que transmite quando fala. Sempre que tem oportunidade de falar, se mostra feliz e nunca esquece de comentar as coisas importantes na vida: futebol, sua família, e, claro, a sua fé em Deus.

Antes do jogo Atlético de Madrid-Real Madrid neste fim de semana, o atacante foi entrevistado no The Rail, que é apresentado em cadeia nacional pelo jornalista José Ramón de la Morena. Falcão faz uma avaliação do Atlético clube onde joga e também suas perspectivas antes do jogo, mas também falou de sua relação com Kaká, que joga no Real Madrid e vai estar em campo contra o time dele neste fim de semana pelo campeonato (fica difícil ir para o jogo quando o Kaká esta no time adversário).

Radamel Falcão disse que é amigo de Kaká, o jogador do Real Madrid com o qual compartilha a mesma fé.  “Nós temos compartilhado momentos juntos na igreja”, disse ele.

Falcão também disse que é evangélico “desde a infância”, graças ao testemunho de sua mãe. A igreja tem sido uma parte importante na sua vida de casado, pois ele conheceu sua esposa em um culto na igreja.”Ela tem um grande coração e é essencial na minha vida e carreira, porque desde que eu a conheci ela sempre me ajuda a manter os pés no chão, me complementa”, disse o jogador.

No vídeo abaixo confira parte da entrevista editada pelo site Protestante Digital, onde o atleta fala da sua fé em Deus e em determinado momento diz que “A Bíblia é o manual do que Deus quer que façamos (…)” e nas perguntas rápidas quase no final da entrevista o jornalista pergunta qual a pessoa que mais influenciou ele fora do futebol? A resposta: JESUS.

23/11/2012

Idolatria – pastor Silas Malafaia esclarece dúvidas sobre este tema polêmico no meio cristão


Em sua coluna “pr. Silas responde” no site Verdade Gospel o pastor responde a questão da idolatria. O pastor afirma em seus esclarecimentos que a idolatria não é apenas os santos, mas tudo aquilo que rouba o primeiro lugar de Deus em nosso coração.

As questões que envolvem a idolatria são pelo pastor Silas abordados a luz da Palavra e tenta responder sobre este tema que para muitos ainda é um tanto quanto enigmático.

Confira post na integra e comente…

Por que a Reverência aos santos é considerada idolatria?

O texto em Êxodo 20.4,5 é bastante enfático: Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR, teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem.

Na época em que a Lei foi dada a Moisés, os israelitas haviam acabado de chegar ao Egito, uma terra cheia de ídolos. Cada deus representava um aspecto da vida, por isso era comum adorar diversos deuses para tentar alcançar o maior número de bênçãos.

Quando Deus disse ao Seu povo que este precisava adorá-lo, a sugestão não pareceu difícil aos olhos dos israelitas, pois seria apenas mais um deus. Mas, ao perceberem que deveriam servir somente ao Deus todo-poderoso, que os libertara da escravidão no Egito, tiveram dificuldade de aceitar a ideia.

Isso é o que acontece nos dias de hoje. Muitas pessoas estendem sua devoção a santos, em busca de uma quantidade maior de benesses.

Infelizmente, muitos católicos, sem o devido conhecimento das Escrituras e confiando apenas no que lhes é ensinado nas missas e catecismos católicos, ainda estão presos a essas crenças antibíblicas, confessando publicamente a sua fé no poder e ministério intercessor de Maria, por exemplo. Eles oram a ela e adoram-na, como se ela fosse a despenseira da graça divina, a estrela da manhã, o refúgio dos pecadores, atributos que pertencem exclusivamente a Cristo.

Eles desconhecem o que a própria Maria disse quanto à condição dela, igual à nossa, de salva por Deus e serva do Senhor: A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, porque atentou na humildade de sua serva (Lucas 1.46-48).

Nas Escrituras fica claro que Maria reconheceu o ministério e a autoridade de Jesus como Filho de Deus e Messias, e contribuiu com Ele e seguiu-o até o fim. Em texto bíblico algum, vemos que foi dado a Maria qualquer poder ou autoridade para realizar milagres ou interceder pela humanidade, ligando e desligando qualquer coisa no céu e na terra.

Sendo assim, está enganado quem pensa que nós, evangélicos, desprezamos Maria. O que repudiamos e contestamos veementemente são essas concepções errôneas e contrárias à Lei de Deus. Esses ensinamentos têm levado muitos a entregarem-se à idolatria, pecado abominável e expressamente condenado nas Escrituras, bem como a afastar-se da verdade de que ninguém pode ser perdoado e achegar-se a Deus, senão por intermédio de Jesus.

Deus não dá a Sua glória a outrem (Isaías 42.8). Quando alguém adora uma imagem, em vez de adorar a Deus, está dando a outro a glória que só pertence ao Senhor. Então, se um artista, por exemplo, faz uma escultura como arte, não há pecado nisso, mas se alguém a adorar, venerar, ajoelhar-se ou inclinar-se diante dela, ou atribuir-lhe valor espiritual, estará sendo idólatra, e isso é pecado. Portanto, meus amados, fugi da idolatria (1 Coríntios 10.14).

Aliás, deixe-me ampliar o seu entendimento sobre o que é a idolatria, esclarecendo que é tudo aquilo que rouba o primeiro lugar, que pertence exclusivamente a Deus, em nosso coração.

Sendo assim, quem é avaro ama mais o dinheiro do que a Deus; quem é egoísta ama mais a si do que a Deus; quem “tieteia” artista e quem vai à igreja apenas para ouvir padre, pastor ou cantor gospel é tão idólatra quanto aquele que se inclina diante de imagens de escultura, pois cultua ídolos em seu coração. Essa pessoa precisa reconhecer seu erro, pedir perdão e ajuda ao Senhor para mudar, pois os idólatras não herdarão o Reino dos céus (Gálatas 5.20,21). 

Fonte: infogospel

16/11/2012

Igrejas nos EUA unidas ainda ajudam aliviar sofrimento e dor dos afetados pelo furacão “Sandy”


Após o furacão Sandy ter devastados áreas à beira-mar em Nova York e Nova Jersey a duas semanas, as igrejas permanecem juntas no Ground Zero(local da queda das Torres) fornecendo ajuda aos que foram mais afetados pela tempestade. É o mover de Deus no coração da  igreja de Cristo, diz líder de Missões.

Moradores de Staten Island, Nova Iorque, uma das áreas mais atingidas por Sandy, tem visto o corpo de Cristo se unirem durante este tempo de desolação que estão passando, colocando filiação denominacional(placa de Igreja) e perspectivas teológicas de lado para ajudar aqueles que sofrem.

Pastor Daniel Delgado diretor executivo de Missões que esta engajado em ajudar, e diz ser uma testemunha desta unificação da Igreja em prol de ajudar o próximo necessitado, “Estamos aqui na retaguarda para agir desde o dia do desastre da queda nas torres gêmeas em 11 de Setembro.

Delgado arrisca dizer que por causa do furação as vidas perdidas não eram da mesma magnitude de 11 de setembro , pois ocorreu em uma área concentrada. O pastor explica que o desastre  por causa do furacão Sandy na Staten Island em comparação ao restante de Nova York em termos de tamanho é de 50 por cento e proporcionalmente equivale em números ao desastre de setembro.

Ele diz que a mídia de uma forma geral minimizou a proporção dos estragos feitos pelo furacão a Staten Island por isso as Igrejas e  membros foram os primeiros a dar uma mão as vitimas que pediam por ajuda.

O líder de Missões pastor Delgado disse que ficou maravilhado quando viu a unidade do corpo de Cristo desde o primeiro dia do furacão em ajudar os que estavam precisando, é tão somente um mover verdadeiro de Deus nos corações das igrejas.

Muitos outros serviços além da assistência com roupas, agasalhos, água, comida, etc.. vai ser necessário acompanhar estas famílias que perderam suas casas, ente queridos em processos legais para regularizarem a sua situação.

Ainda tem muito a fazer mas, “Temos visto uma onda de compaixão do corpo de Cristo de todo”, disse Delgado.

Fonte: Inforgospel

31/10/2012

Evangélicos do mundo todo lembram hoje o início da Reforma Protestante


Evangélicos do mundo todo lembram hoje o início da Reforma ProtestanteEm 31 de outubro é comemorado por evangélicos de todo o mundo o dia da Reforma Protestante. Em 1517, um dia antes da festa católica de “Todos os Santos”, o monge agostiniano Martinho Lutero pregou publicamente suas 95 teses, na porta da Catedral de Wittenberg (Alemanha). Seu apelo era por uma mudança nas práticas da Igreja Católica, por isso o nome “Reforma”.

A iniciativa teve consequências por toda a Europa, dividiu reinos, gerou protestos e mortes. E mudou para sempre a Igreja. Para alguns, Lutero destruiu a unidade do que era considerada “a” igreja, era um monge renegado que desejava apenas destruir os fundamentos da vida monástica. Para outros, é um grande herói, que restaurou a pregação do evangelho puro de Jesus e da Bíblia, o reformador de uma igreja corrupta.

O fato é que ele mudou o curso da história ao desafiar o poder do papado e do império, e possibilitou que o povo tivesse acesso à Bíblia em sua própria língua. A principal doutrina de Lutero era contra o pagamento de penitências e indulgências aos lideres religiosos. Ele enfatizava que a salvação é pela graça, não por obras.

Conta-se que muita coisa mudou dentro daquele monge até então submisso ao papa quando, em 1515, Lutero começou a dar palestras sobre a Epístola aos Romanos. Ao estudar as Escrituras se deparou com o primeiro capítulo de Romanos, que decretava “o justo viverá pela fé”. Desvendava-se diante dele o que é conhecida como “justificação pela fé”, ou seja, a justificação do pecador diante de Deus não é por um esforço pessoal, mas sim um presente dado àqueles que acreditam na obra de Cristo na cruz.

O movimento encabeçado por Lutero ocorreu durante um dos períodos mais revolucionários da história (passagem da Idade Média para o Renascimento) e mostra como as crenças de um homem pode mudar o mundo.

A controvérsia acabou sendo, segundo historiadores, maior do que Lutero pretendia ou imaginara. Porém, ao atacar a venda de indulgências por parte da igreja, acabou opondo-se ao lucro obtido por pessoas muito mais poderosas do que ele. Segundo Lutero, se era verdade que o Papa tinha poder de tirar as almas do purgatório, devia usar esse poder, não por razões egoístas, como a necessidade arrecadar fundos para construir uma igreja, mas simplesmente por amor, e devia fazê-lo gratuitamente. A idolatria aos santos também foi um dos grandes pontos de discórdia com os lideres católicos.

A maioria dos historiadores concorda que Lutero teria tentado apresentar seus argumentos ao Papa e alguns amigos de outras universidades. No entanto, as teses colocadas na porta da Catedral de Wittemberg e os muitos argumentos teológicos impressos e distribuídos por ele nos meses seguintes, acabaram se espalhando por toda a Europa, fazendo com que ele fosse chamado ao Vaticano para se retratar perante o Papa. A partir de então, entrou abertamente em conflito com a Igreja Católica.

Acabou excomungado em 1520, pelo papa Leão X. Alegava-se  que ele incorria em “heresia notória”. Devido a esses acontecimentos, Lutero temendo a morte, ficou exilado no Castelo de Wartburg, por cerca de um ano. Durante esse período trabalhou na sua tradução da Bíblia para o alemão, resultando na impressão do Novo Testamento em setembro de 1522.

Sobre o legado de Lutero, o famoso pastor Charles Spurgeon escreveu:

“Lutero aprendeu a ser independente de todos os homens, pois ele lançou-se sobre o seu Deus! Ele tinha todo o mundo contra ele e ainda viveu alegremente.

Se o Papa excomungou, ele queimou a bula de excomunhão! Se o Imperador o ameaçou, ele alegrou-se porque se lembrou das palavras do Senhor: “Os reis da terra se levantam, e os príncipes dos países juntos. Aquele que está sentado nos céus se rirá” (Salmo 2).

Quando disseram-lhe: “Onde você vai encontrar abrigo se o Príncipe Eleitor não protegê-lo?”. Ele respondeu: “Sob o escudo amplo de Deus”. Lutero não podia ficar parado. Ele tinha que escrever e falar! E oh, com que confiança ele falou! Abominava as dúvidas sobre Deus e as Escrituras!”

Para algumas vertentes do catolicismo, os protestantes são hereges. Para outras, “irmãos separados”. O movimento originado por Lutero ficou conhecido como Protestantismo e seus seguidores como “protestantes”. O termo é pouco comum no Brasil, onde se prefere usar “evangélicos”. As informações são do Protestante Digital.

Conheça as 95 teses aqui.

25/10/2012

Idosa de 79 anos faz de aeroportos sua casa para evangelizar


Idosa de 79 anos faz de aeroportos sua casa para evangelizarA pernambucana Isaura Lopes tem 79 anos e a mais de 59 anos prega a Palavra de Deus em todo o país, 19 anos nos aeroportos. Isaura está no Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, com a missão de divulgar a palavra de Cristo, como ela mesma explica. Com duas malas, três mudas de roupa, um par de sapatos e a Bíblia, a pernambucana faz suas jornadas pelos aeroportos de capitais brasileiras que duram 20 dias.

“Desde julho de 1953. São 59 anos viajando de Norte a Sul do país a serviço de Cristo. Dezenove anos para cá dentro dos aeroportos porque Cristo tem um plano especial para os ricos. Renunciei a tudo da terra, todo conforto por amor a Jesus e por quem ele deu sua vida”, diz a aposentada.

Ela está em Porto Alegre desde o dia 5 de outubro e passa o dia lendo a Bíblia orando por passageiros e evangelizando funcionários. Na próxima quinta-feira embarcará para Brasília, aeroporto que escolheu como base.

Isaura testemunha sua experiência com Deus. Surda, afirma já ter orado muito para que Deus a curasse, começou a perder a audição aos 38 anos. “Orava muito para não ficar surda. Um dia, ouvi de Deus: Isaura, os sons da terra são muito desafinados com os sons celestiais, melhor é não ouvir”, explica a senhorinha. Isaura já se julgou amaldiçoada. Não conquistava seus principais desejos enquanto jovem e se revoltava sem entender o porquê. Então ouviu de Deus que sua vida não era terrena. Se tinha os pés no chão, sua alma estava no céu. Por isso voa, sem medo de altura.

Isaura não tem família. Nasceu no sertão pernambucano onde completou o primeiro grau, noivou e preparou todo o enxoval. E onde abandonou tudo para seguir em uma eterna viagem pelo Brasil. Em nome de Deus, deixou o sonho de ser mãe. E não se arrepende.

Sobre sua estada no aeroporto, a Infraero informou que não existe lei que proíba e que ela não perturba os passageiros, nem pede esmolas. A estatal vê Isaura como uma viajante comum, com bilhete de partida comprado.

A rotina

Banho – As poucas horas em que dorme só são merecidas após um demorado banho de pano e sabonete, que sempre acontece durante a madrugada para não incomodar ninguém. O cabelo, já curto para não atrapalhar, é lavado na pia com a ajuda de um copo plástico.

Sono – Em Porto Alegre, fez de um dos assentos próximos à escada rolante, no terceiro piso, a sua cama. Ela posiciona a bolsa sobre um dos braços do banco, coloca a Bíblia em cima e apoia a cabeça. Para dormir, recolhe os pés desafiando o pequeno espaço disponível sobre o assento.

Alimentação – Não toma café da manhã, acostumou-se sem. Mas o que chama de carência alimentar bate por volta das 11h, quando se dirige a restaurantes onde consegue descontos e, por vezes, até comida de graça. À noite, é a vez de um pequeno lanche. As informações são do G1 e Zero Hora.

Fonte: Gospel Prime

%d blogueiros gostam disto: