Posts tagged ‘protesto’

01/09/2013

Pastor Marco Feliciano quer vídeo Porta dos Fundos fora do Ar


Pastor Marco Feliciano quer vídeo Porta dos Fundos fora do Ar

Pastor Marco Feliciano quer vídeo Porta dos Fundos fora do Ar

Pastor Marco Feliciano quer vídeo Porta dos Fundos fora do Ar

O Pastor Marco Feliciano usou sua conta no Twitter para iniciar uma campanha contra um vídeo do coletivo de humor Porta dos Fundos.

Publicado nesta segunda (19), o vídeo “Oh, Meu Deus!” mostra a atriz e cantora Clarice Falcão interpretando uma mulher que vai ao ginecologista e lá descobrem uma imagem de Jesus Cristo em sua vagina, o vídeo do Porta dos Fundos já foi visto por mais de 283 mil pessoas.
A descoberta da imagem provoca uma peregrinação para ver as partes íntimas da moça.
Incomodado com o conteúdo do vídeo, Marco Feliciano escreveu no microblog  ”Assim caminha a humanidade… Video podre! Ajudem a denunciar para retira-lo do ar —>
Faça o seu protesto.
Com informações do Uol / via Portal Guiame
20/11/2012

Faculdade Metodista promove debate sobre violência doméstica


Faculdade Metodista promove debate sobre violência domésticaO Centro Otília Chaves da Faculdade de Teologia da Universidade Metodista de São Paulo com apoio da Prefeitura de São Bernardo do Campo promove no dia 21 de novembro palestra sobre a Violência contra a Mulher: Ações e Políticas de Enfrentamento.

Para participar basta fazer a inscrição pelo e-mail eventosfateo@metodista.br ou pelos telefones: (11) 4366-5978

Palestrantes:

Maria de Lourdes Gurian Ernesto
Psicóloga, com especialização em Psicoterapia Cognitiva Comportamental
Atua no CRAM (Centro de Referência e Apoio a Mulher) de São Bernardo do Campo e trabalhou na Casa Abrigo e no CRAVI-Centro de Referência e Apoio a Vítimas de Violência – Secretaria da Justiça

Dulce Xavier

Graduada em Ciências Sociais
Gerente de Políticas para Mulheres e Questões de Gênero da PMSBC
Coordenadora do GT Gênero do Consórcio Intermunicipal Grande ABC
Coordenadora do Curso de PLP (Promotoras Legais Populares) de SBC desde 2005

Programação:

Dia 21 de novembro de 2012 (quarta-feira)
Horário: 14h-17h
Sala de Conferência – Ed. Ômega
Faculdade de Teologia/ UMESP
Rua: Planalto, 125
Bairro: Rudge Ramos- SBC

Realização: Centro Otília Chaves – Faculdade de Teologia- UMESP

Apoio: Prefeitura de São Bernardo do Campo/ Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania

Fonte: Creio

05/11/2012

Protestos fazem peça teatral ser cancelada por mostrar Jesus gay


Protestos fazem peça teatral ser cancelada por mostrar Jesus gayCristãos ultraortodoxos realizaram diversos protestos na Grécia contra uma peça teatral americana que descreve Jesus Cristo como homossexual.

A peça “Corpus Christi” seria apresentada no teatro Hytirio de Atenas, a história escrita por Terrence McNally foi lançada em 1998 em Nova York, mostrando Jesus e os apóstolos como homossexuais moradores do Texas.

As manifestações foram bastante violentas e partiram do partido neonazista Alvorada Dourada. O protesto aconteceu na frente do teatro, manifestantes exigiram o cancelamento da apresentação por considerarem a peça uma blasfêmia.

Representando o parlamento grego estavam alguns deputados do partido que usaram suas influências para impedir que as portas do teatro se abrissem para que os interessados em assistir o espetáculo pudessem entrar.

Fonte: Correio Braziliense.

16/10/2012

10 mil muçulmanos protestam em frente à sede do Google


10 mil muçulmanos protestam em frente à sede do GoogleNa tarde de ontem (14), cerca de 10 mil muçulmanos se reuniram em frente ao escritório da Google em Londres para tentar tirar do ar definitivamente o vídeo “A Inocência dos Muçulmanos”. Eles pediam ainda que qualquer crítica futura ao Islã seja apagada do YouTube, que pertence ao Google.

Milhares de manifestantes viajaram de países vizinhos para participar na manifestação e já anunciam um grande marcha no Hyde Park, no centro de Londres, nas próximas semanas.

Masoud Alam, um dos organizadores que pertence ao Fórum Muçulmano de Ação, disse: “Nossos próximos protestos serão nos escritórios da Google e do YouTube em todo o mundo. Nós queremos proibir este filme. Isso não é liberdade de expressão, há um limite para isso. Este insulto ao profeta não será permitido. Vamos continuar protestando até que esse material seja proibido”.

Um dos palestrantes, o xeque Faiz Al-Aqtab Siddiqui, disse ao jornal Telegraph: “O terrorismo não é apenas quando pessoas matam os corpos humanos, mas também quando se matam sentimentos humanos. Os criadores desse filme têm aterrorizado 1,6 bilhão de pessoas. Organizações como o Google são importantes e precisam assumir a responsabilidade de civilidade. Você não pode simplesmente dizer que não importa, que é apenas a liberdade de expressão. Isso é uma anarquia.”

A manifestação deste final se semana foi a terceira em um mês no Reino Unido. Barricadas foram erguidas em frente à sede do Google e foi erguida uma multidão de cartazes, com frases como “Amamos o nosso profeta mais que nossas vidas” e “Profeta Maomé é o fundador da liberdade de expressão”.

Foi divulgado que cerca de 800 imãs divulgaram o evento nas mesquitas de toda a Grã-Bretanha e ajudaram a organizar o protesto, que durou quatro horas e bloqueou as ruas até quase a entrada do Palácio de Buckingham.

Quando perguntado onde estavam as mulheres presentes no protesto, um manifestante respondeu: “bem ao fundo”.

Um porta-voz do YouTube afirmou: “Nós trabalhamos duro para criar uma comunidade onde todos podem aproveitar, a qual permite que as pessoas expressem suas diferentes opiniões. Este vídeo que está disponível em vários lugares na web, mas está claramente dentro de nossas diretrizes e, portanto, vai permanecer no YouTube.”

Fonte: Gospel Prime

 

12/07/2012

Pr. Youcef Nadarkhani está preso há mais de 1000 dias no Irã


Neste domingo (8) completam-se 1.000 dias que o pastor iraniano Youcef Nadarkhani está preso, desde 2009, por defender a sua fé em Jesus Cristo. Grupos de defesa a liberdade religiosa e de apoio ao pastor Youcef estão se reunindo e convocando todos os cristãos ao redor do mundo a se unirem neste dia em oração, clamor e intercessão pela vida desse ministro do Evangelho.

Pastor Youcef foi acusado, condenado e sentenciado à morte por apostasia, ou seja, por se tornar um cristão num país em que a religião oficial é a muçulmana. Na época da prisão, quando os oficiais iranianos exigiram que ele negasse sua fé em Cristo ou então morreria, a resposta dele foi: “Não!”. O pastor foi preso ilegalmente e separado de sua esposa e de seus dois filhos.

Cristãos de todo o mundo estão orando e lutando para salvar a vida desse homem de Deus.

Recentemente, o pastor Silas Malafaia promoveu uma manifestação durante a Rio+20, em frente ao hotel do presidente do Irã exigindo a libertação do pastor Youcef.

Contato com o mundo exterior

O último contato que se tem registro de que o pastor Youcef Nadarkhani está vivo e bem foi uma carta aberta escrita por ele em que agradece e pede orações a “todos aqueles que estão preocupados” com sua situação. Leia a carta na íntegra:

7 de maio de 2012 

Pastor Youcef é casado e pai de dois filhos

Saudações do seu servo e irmão em Cristo, Youcef Nadarkhani. 

Para todos aqueles que se preocupam com minha situação atual.

Primeiramente, eu gostaria de informar a todos os meus irmãos e irmãs que estou em perfeita saúde em carne e em espírito. Estes dias estou tendo uma abordagem um pouco diferente dos outros e considero como o dia do julgamento da minha fé. E nesses dias tão difíceis para provar lealdade e sinceridade a Deus, estou tentando fazer o melhor que esta ao meu alcance para estar bem com tudo que aprendi com os mandamentos de Deus.

Eu preciso lembrar aos meus amados, que apesar do meu julgamento durar tanto tempo, como homem de carne e osso meu desejo é que esses dias acabem, mesmo que eu tenha rendido a vontade de Deus.

Eu não sou uma pessoa política nem sei sobre a cumplicidade política, mas sei que há muitas coisas em comum entre culturas diferentes. Há também diferenças entre essas culturas ao redor do mundo que pode resultar em criticas que a maioria das vezes a resposta sobre este tipo de críticas são duras, e como resultado nossos problemas aumentam.

De vez em quando eu sou informado sobre as noticias que estão se espalhando na mídia sobre minha situação atual. Por exemplo, sei que estou sendo apoiado por várias igrejas e grandes políticos que pediram minha libertação, ou estão fazendo campanhas defendendo os direitos humanos contra as cargas que estão sendo aplicadas a mim. Eu acredito que este tipo de atividades podem ser muito uteis, a fim de alcançar minha liberdade, e respeitando os direitos humanos de uma maneira correta poderá trazer grandes resultados imediatos.

Eu quero agradecer e apreciar todos àqueles que estão tentando chegar a este objetivo. Mas, por outro lado, eu gostaria de anunciar meu desagrado a palavras insultuosas ou as atividades que causam problemas e estresse, que infelizmente é feito de desculpas a defesa dos direitos humanos e da liberdade, e que é tão óbvio e claro para mim quanto ao resultado final. Insultando a crença do povo de outras nações, sejam eles a maioria ou a minoria, isso é inaceitável e tão pouco um ato digno, especificamente para aqueles que foram ensinados a amar e respeitar os outros mais do que a si mesmo e também tratar a todos da mesma forma que desejamos ser tratados.

Em seguida, queimando e insultando não são comportamentos reverentes para um cristão, e sim a obediência à palavra de Deus e se humilhar para que Deus seja glorificado, isso sim é dignidade.

Eu tento ser humilde e obediente àqueles que estão no poder, obedecer às autoridades do meu país que Deus concedeu, e orar para que eles governem o país segundo a vontade de Deus e serem bem sucedido ao fazerem isso. Porque eu sei que dessa forma estarei obedecendo à palavra de Deus. Eu tento obedecer, juntamente com aqueles que eu vejo que estão em uma situação parecida com a minha. Eles nunca se queixam de nada, apenas deixam o poder de Deus se manifestar em suas vidas, embora lessem que eles às vezes têm usado esse direito de se defender, pois eles têm esse direito, eu também não sou uma exceção e com isso tenho usado todas as possibilidades possíveis e assim continuo esperando o resultado final.

Então peço a todos amados que orem por mim como a palavra santa diz. No final espero que este esteja preparado o mais rápido possível, como as autoridades do meu país vão lhe dar com o livre arbítrio de acordo com a lei e os mandamentos nos quais serão respondidos.

Que a graças e a misericórdia de Deus sejam sobre você agora e para sempre. Amém.

Youcef Nadarkhani

(Traduzido para o português por Filipe Coelho do BCLJ, Diretor de Operações da ACLJ no Brasil)

Assista ao vídeo da campanha pela libertação do pastor Youcef:

//

//

29/11/2011

Missionário desafia televangelistas a pregarem o evangelho da prosperidade no sertão nordestino


Missionário desafia televangelistas a pregarem o evangelho da prosperidade no sertão nordestino

Um pastor do sertão cearense fez um apelo aos televangelistas para pregarem o evangelho da prosperidade no sertão nordestino, para ver se essa filosofia realmente funciona.

O missionário que não teve o nome anunciado desafia os pastores que tudo que “tocam viram ouro” para irem até a região menos evangelizada do Brasil, tentar mudar o quadro de miséria e tentar aumentar o índice de desenvolvimento humano que é um dos menores.

“Eu faço um apelo a vocês, se vocês quiserem conhecer uma das localidades menos evangelizadas do Brasil, e tudo que vocês tocam viram ouro, pode vir aqui transformar a vida desse povo. Ai sim nós iremos dar credibilidade ao falso evangelho da falsa prosperidade”, diz ele.

O pastor diz também que as dificuldades financeiras da região são tão extremas que “até urubu morre de fome”. Em seu discurso ele desafia esses pastores a deixarem suas riquezas para cumprirem o chamado no Nordeste.

“Quero ver vocês construírem suas catedrais, comprarem aviões, viverem luxuosamente através de um local como este. Fica aqui o meu apelo, use o dinheiro que vocês estão gastando na compra de jatinhos, na compra de mansões, na compra de ternos de R$15 mil, R$20 mil reais, relógios caros para pregar o evangelho”.

Assista o desabafo:

Evangelho no Nordeste

No Sertão Nordestino apenas 4% da população é evangélica, números que em cidades menores e mais afastadas podem chegar a 2% e a 1%. De acordo com dados do ministério Antioquia, tem pelo menos 12.000 comunidades rurais e vilarejos que não possuem nenhuma igreja.

Pensando em expandir o evangelho nessa região a Missão Antioquia está organizando o Congresso Nacional de Evangelização do Sertão Nordestino que pretende reunir 1.000 líderes de diversas denominações para tratar dos assuntos necessários para propagar a Palavra de Deus no interior dos nove estados que compõe a região.

O objetivo é traçar planos para que em dez anos pelo menos 20% da população do Nordeste seja evangélica. Os principais problemas para o evangelho chegar à essa região são as superstições religiosas e as fortes raízes do catolicismo.

Com informações PADOM

06/07/2011

Comunidade cristã paquistanesa na Grã-Bretanha faz protesto contra as leis de blasfêmia


Comunidade cristã paquistanesa na Grã-Bretanha faz protesto contra as leis de blasfêmiaNeste fim de semana, em Londres, um protesto foi realizado por cristãos, autoridades religiosas paquistanesas na Grã-Bretanha, e até mesmo por Martin Stern, um sobrevivente do Holocausto judeu e ex-estudante de medicina na Universidade de Peshawar.

A manifestação foi organizada pela Associação Cristã de britânicos paquistaneses para coincidir com o aniversário de um ano da prisão de Rashid e Sajid Emmanuel, dois pastores que, após serem absolvidos da acusação de blasfêmia em um tribunal de Faisalabad, foram mortos a tiros.

As leis de blasfêmia são responsáveis por grande parte da perseguição contra os cristãos no país.

Grupos de direitos humanos dizem que as leis de blasfêmia são freqüentemente mal utilizadas por extremistas, através de falsas acusações contra os cristãos, a fim de acertar contas pessoais, confiscar propriedades ou negócios com eles.

Um culto de adoração foi realizado antes de uma marcha de protesto da Alta Comissão do Paquistão em Knightsbridge.

Petições pedindo a pressão sobre o Paquistão para rever a sua legislação deverão ser entregues.

A marcha foi apoiada pelo Fórum Sul da Ásia. Seu coordenador nacional, Manoj Raithatha, disse: “Acreditamos que este protesto é uma oportunidade para promover o respeito às minorias religiosas e para destacar o desempenho pobre do Paquistão em cumprir os direitos humanos”.

Fonte: Christian Today /  CPAD News

15/06/2011

Cristãos criticam documentário que promove a eutanásia no Reino Unido


Cristãos criticam documentário que promove a eutanásia no Reino Unido Um documentário do escritor Terry Pratchett sobre o suicídio assistido de um milionário britânico de 71 anos na Suíça fez ressurgir nesta terça-feira (14) o ácido debate sobre a eutanásia no Reino Unido, onde cristãos e outros opositores acusaram a BBC de promover a o suicídio assistido.

“Choosing to Die” (Escolhendo morrer), o filme exibido na noite desta segunda-feira pela segunda maior rede de televisão pública britânica, segue o hoteleiro Peter Smedley, acometido por uma doença dos neurônios motores, até a clínica Dignitas, perto de Zurique, na qual, diante das câmeras, põe fim aos seus dias com uma dose letal de barbitúricos.

Pratchett, um popular escritor britânico de livros fantásticos de ficção científica, de 63 anos e doente de Alzheimer, defendeu o documentário, que disse ser o resultado de sua “consternação diante da situação atual”. Ele, que milita há anos pela legalização da eutanásia, afirmou que Smedley queria “mostrar ao mundo o que estava acontecendo e a razão de fazer isso”.

No entanto, cristãos e outros grupos antieutanásia criticaram a modo como o documentário apresenta o suicídio assistido e afirmam que a BBC ajuda a promovê-lo.

Alistair Thompson, da Care Not Killing Alliance, denuncia a transmissão como uma “propaganda ‘pró-suicídio assistido’ vagamente disfarçada de documentário”.

“Os testes mostram que quando mais se retrata, mais suicídios existem”, acrescentou Thomson, explicando que a rede transmitiu nos últimos três anos cinco programas apresentados por um ativista ou simpatizante pró-eutanásia.

Fonte: AFP / Redação CPAD News

09/06/2011

Rede Globo fará cobertura da Marcha para Jesus em São Paulo


O evento é organizado pela igreja Renascer em Cristo e conta com o apoio de diversas outras denominações.

O pastor Jarbes de Alencar disse em um café da manhã do Conselho de Pastores do Estado de São Paulo (CPESP) que a Rede Globo de Televisão estará fazendo a cobertura da Marcha para Jesus de São Paulo.
A informação causa espanto, uma vez que a emissora é conhecida por resistir aos evangélicos.

“Estamos com uma porta aberta diretamente com o dono da rede Globo, isso é algo forte. Quem me conhece sabe que há 20 anos eu profetizo isso e em breve os pastores estarão no “plim plim”. Deus sabe como fazer isso acontecer, o próprio dono da Globo já afirmou que esta trabalhando para quebrar a resistência aos evangélicos” disse o pastor Jarbes.

Essa será a 19ª edição da Marcha para Jesus na capital paulista, o evento é organizado pela Igreja Renascer em Cristo e conta com a participação de diversas denominações, como por exemplo, a Assembleia de Deus do Bom Retiro, liderada pelo pastor Jarbes.

O evento acontece no dia 23 de junho às 10h com saída do Metrô Tiradentes. A concentração acontecerá na Praça dos Heróis da Força Expedicionária Brasileira onde dezenas de cantores evangélicos se apresentarão.

Para esta festa estão confirmados os cantores André Valadão, David Sacer, Soraya Moraes, Mariana Valadão, Chris Durán, Renascer Praise, Brenda dos Santos, Cassiane, Dj Alpiste e muitos outros.

A expectativa dos organizadores é que mais de 3 milhões de pessoas participem desta festa.

Fonte: Gospel Prime

08/06/2011

Julio Severo critica desunião de evangélicos na marcha contra a “ditadura gay”


No Rio deputados evangélicos já aprovam leis “pró-sodomia” inclusive o irmão do pastor Silas Malafaia.

O blogueiro Julio Severo criticou a falta de participação dos cristãos durante a manifestação pacífica contra o Projeto de Lei 122/2006, lei que criminaliza toda opinião contrária ao homossexualismo, que aconteceu dia 1º de junho em frente ao Congresso Nacional.

O protesto organizado pelo pastor Silas Malafaia reuniu cerca de 80 mil pessoas. Mas para Severo ainda que esse número seja exato é muito pouco diante da lei que afetará o país inteiro.

Outro ponto criticado pelo blogueiro que não mora mais no Brasil, é que as redes de televisão evangélicas e também as católicas não fizeram a cobertura deste evento.

“Estando no exterior, não tenho acesso às redes de televisão do Brasil, a não ser pela internet. Assim sendo, visitei sites de emissoras evangélicas às 15h, horário do início do evento, mas não vi nenhuma delas dando cobertura,” escreveu.

Júlio Severo também comenta que durante a Marcha para Jesus que aconteceu no Rio de Janeiro no dia 4 de junho o pastor Silas Malafaia também fez críticas ao governador do Estado, Sérgio Cabral, que está criando diversas leis pró-sodomia e também exortou os evangélicos presentes à resistirem a essas leis.

Deputados cristãos aprovam lei que beneficia homossexuais

Júlio Severo também escreve que o irmão do pastor Silas Malafaia, Samuel Malafaia, e também o filho do missionário R.R. Soares, Marcos Soares, que são deputados estaduais no Rio de Janeiro aprovaram juntamente com outros deputados uma emenda na constituição estadual nº 23/2007, que inclui o termo “orientação sexual” no rol dos direitos e garantias fundamentais.

De acordo com o jornal Extra os únicos que votaram contra essa emenda foram dois deputados estaduais: Edson Albertassi (que é evangélico) e Flávio Bolsonaro, filho do deputado federal Jair Bolsonaro.

“Onde estavam todos os outros deputados evangélicos? Desaparecidos? Tomando banho de sol na praia de Ipanema? Hospitalizados? Qual é a santa desculpa que vão apresentar?” questiona o bogueiro.

Júlio Severo também faz outro questionamento: “Por que o irmão de Malafaia votou a favor da terrível emenda? Por quê?”

Essa pergunta tem que se estender aos outros sete deputados evangélicos que trabalham na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

“Se a população do Brasil não reagir rápido, cobrando energicamente dos canais evangélicos e católicos de TV que decidiram livremente não cobrir um evento contra a ditadura gay, chegará o dia em que depois de uma soneca descobrirão que não mais têm direito nem liberdade de decidir,” diz Severo.

Fonte: Gospel Prime

%d blogueiros gostam disto: