Posts tagged ‘terrorismo aos cristão’

04/12/2012

Episódio de Os Simpsons queima Bíblia e debocha de Deus


Episódio de Os Simpsons queima Bíblia e debocha de DeusA série animada “Os Simpsons” famosa por suas polêmicas está sendo multada em 22.600 euros por debochar de Deus.

A multa foi aplicada pelo Alto Conselho Audiovisual (RTUK) turco ao canal de televisão CNBC-E por ter exibido um episódio que Deus aparece servindo uma xícara de café a Satã.

De acordo com o órgão, o episódio “debocha da crença”. Além disso, no mesmo episódio, jovens são encorajados a consumir álcool por ocasião do Ano Novo e a morte incentivada por “ordem divina”, segundo o jornal turco Hurriyet.

“A Bíblia é publicamente queimada e Deus e Satã são mostrados sob a forma de humanos”, denunciam as autoridades citadas pelo jornal. As informações são da Revista Veja.

20/11/2012

Convertidos que abandonaram o islamismo são decapitados


Convertidos que abandonaram o islamismo são decapitadosExtremistas islâmicos do grupo rebeldes Al-Shabaab da Somália decapitaram na sexta-feira (16) um cristão na cidade costeira de Barawa. O jovem era acusado de ser um espião e abandonar o islã.

Farhan Haji Mose tinha 25 anos de idade e, segundo fontes cristãs, ele foi vigiado por seis meses, antes de ser morto.

Nascido em família muçulmana, Mose despertou suspeitas quando ele voltou para a Somália, no final do ano passado, após passar um tempo no Quênia, onde se converteu. Enquanto a Somália é quase 100 por cento muçulmana, 83% dos quenianos são cristãos.

Uma multidão foi reunida na cidade costeira na manhã de sexta-feira para assistir a execução de Mose, disseram as fontes.  ”Seu corpo foi dividido em dois e, em seguida, jogados perto da praia de Barawa” disse um cristão que testemunhou o assassinato.

Rebeldes da Al Shabaab mataram dezenas de cristãos convertidos do islamismo desde que iniciaram uma campanha para “livrar” a Somália do cristianismo. Calcula-se que eles sejam entre três e sete mil soldados, procurando impor uma rigorosa versão da sharia (lei islâmica) na Somália.

O governo de transição que está no poder afirma ser moderado, mas sabe-se que já adotou uma versão da sharia que prevê a pena de morte para aqueles que deixam o islã.

Considerada uma organização terrorista por vários governos ocidentais, a Al Shabaab é um dos vários grupos paramilitares que surgiram depois que as forças rebeldes etíopes tomaram o poder na Somália em 2006.

Mortes violentas de cristãos na região tem assustado até mesmo os muçulmanos que não concordam com ações como decapitação e crucificação a que são submetidos os muçulmanos que se convertem a Cristo.

Testemunhas muçulmanas descreveram as mesmas cenas de execuções. Eles temem os extremistas, que acusaram  Mose de ser um espião a serviços dos estrangeiros e de abraçar a “religião estrangeira do cristianismo.”

Um pescador muçulmano que trouxe o corpo de Mose para a praia no dia seguinte lamentou, “Foi um assassinato brutal. Por que o Al Shabaab matou esse homem? Será que ele merece uma morte tão violenta porque se uniu com o povo cristão no Quênia? ”

“Estou triste com a morte do meu amigo Mose”, disse um cristão membro da igreja subterrânea do país. Ele conta que havia incentivado Mose a seguir a nova fé depois que o jovem voltou do Quênia. Um líder da igreja na região disse que as pessoas que abandonam o Islamismo precisam estar preparadas para perseguições. Traduzido de Morning Star News.

14/11/2012

Portas Abertas visita vítimas do atentado de Kaduna


Emmanuel Danyang_cut.jpgPouco depois de, supostamente, um membro do grupo radical Boko Haram dirigir um carro carregado de explosivos até uma Igreja de Kaduna, na Nigéria, e detonar uma bomba lá, colaboradores da Portas Abertas foram ao local, a fim de falar com testemunhas e incentivar os enlutados e feridos a manterem-se fiéis ao Senhor, mesmo em meio à dor e à perda.

No final de outubro, a congregação estava reunida para um culto de adoração, como fazia todas as manhãs de domingo. Próximo das 8h45, o motorista de um Honda CRV direcionou o veículo para o portão de segurança da igreja. Quando oficiais chegaram até o veículo, o condutor inverteu e, em seguida, acelerou em linha reta através da cerca para dentro do prédio da igreja, detonando a bomba. A explosão abriu um buraco na parede e no telhado do edifício. A imprensa local informou que nove pessoas foram mortas, mas testemunhas indicaram que quatro morreram, enquanto 145 ficaram feridas.

“Eu estava prestes a entoar o coro de uma canção quando ouvimos um golpe estrondoso. O veículo atingiu a parede ao lado do coro, que se quebrou e caiu sobre nós. Quando eu voltei à consciência toda a igreja estava envolta em fumaça. Meu corpo estava em tal estado de choque que eu pensei que o impacto da explosão tinha me matado. Todos choravam muito. Havia vidros quebrados e sangue por toda parte. Eu vi os corpos sem vida e tive de orar, pedir por coragem. Alguns membros do meu coro estavam entre os mortos”, disse Emmanuel Danyang (foto), maestro da igreja.

“Estabeleceu-se uma imensa confusão na igreja. Correndo, impotente, por todas as direções, eu só podia gritar para os céus. A raiva paralisante foi surgindo dentro de mim ao testemunhar o desastre e a agonia no rosto das pessoas”, compartilhou Sansão, outro cristão que viveu essa terrível experiência.

A Portas Abertas visitou vítimas em quatro hospitais diferentes e outras em suas casas. Cecilia Samuel, que perdeu o marido na explosão, disse, pouco depois da alta hospitalar, “Eu sou feliz por estar viva hoje. Meu marido e eu estávamos na área do coro da igreja quando a bomba explodiu. Foi realmente um dia terrível para mim. Eu o vi morrer. Mas agradeço a Deus porque o meu marido morreu nEle, salvo. E eu o encontrarei no céu quando chegar a minha vez também.”

Um tempo precioso foi gasto com as crianças afetadas física e emocionalmente pelo incidente. Quinta-feira, 8 de novembro, aconteceu um funeral coletivo pelo falecimento de quatro pequenos cristãos.

Apesar do ataque, os cultos já foram retomados normalmente. Kazat, um crente que escapou por pouco da morte na explosão declarou: “Nenhum ataques ou bombardeio pode nos impedir de seguir a Jesus. Essas experiências só nos aproximam mais ainda de Deus. Nossos irmãos e irmãs que morreram estão agora com o Senhor, por isso, se morrermos em Cristo somos mais que vencedores.”

Colaboradores da Portas Abertas constataram que este é o sentimento geral entre os cristãos. Todos se declararam preparados para suportar a perseguição por causa de sua fé em Cristo.

Pedidos de oração

• Ore para que o Senhor continue fortalecendo, guiando e protegendo os cristãos no norte da Nigéria.
• Interceda pelo trabalho da Portas Abertas na Nigéria, pelo treinamento de cristãos a estarem preparados e resistirem a perseguição atual com amor, fé e confiança.
• Peça pelos líderes da Igreja em todo norte da Nigéria, que confessaram o quanto é difícil controlar os jovens quando incidentes como estes ocorrem. Ore por parcerias entre a Portas Abertas e as Igrejas, para que a juventude  cristã seja incentivada a responder à perseguição de maneira diferente.
• Muitos cristãos em todo o país têm sido afetados por ataques de perseguição que resultam em traumas sérios. Ore para que o trabalho da Portas Abertas ajude às Igrejas a ministrarem a esperança e a graça do Senhor sobre a vida dos cristãos traumatizados.

Fonte: Portas Abertas

11/10/2011

Abaixo-assinado para a libertação de uma cristã no Paquistão


Abaixo-assinado para a libertação de uma cristã no Paquistão A instituição Voz dos Mártires está convidando a todos os cristãos para se unirem e participarem da campanha em favor da libertação da cristã paquistanesa Asia Bibi. Ela, que é esposa e mãe, após afirmar “nosso Cristo sacrificou Sua vida na cruz por nossos pecados, nosso Cristo está vivo” para defender sua fé contra trabalhadores que estavam zombando e tentando fazê-la se converter ao islamismo, foi mais tarde condenada por blasfêmia e sentenciada à morte.

No Paquistão, mais de 150.000 cristãos assinaram uma petição exigindo justiça para as vítimas de perseguição, incluindo a Asia Bibi. Agora você pode juntar-se ao ministério Voz dos Mártires e aos nossos irmãos e irmãs paquistaneses em uma chamada por misericórdia.

O grupo espera reunir 1 milhão de assinaturas em nome de nossa irmã Asia, que agora está na prisão aguardando a decisão da Alta Corte de Lahore, que está com seu recurso.

Convide seus amigos para visitar http://www.CallForMercy.com e adicionar seus nomes para a petição também. A Voz dos Mártires vai entregar a petição, juntamente com a lista de signatários, para a embaixada paquistanesa em Washington DC.
Saiba mais:

Cristãos pedem oração por mulher paquistanesa setenciada a morte

Indulto a cristã Paquistanesa

Cristã é condenada à morte no Paquistão



Fonte: Callformercy/Redação CPADNews

%d blogueiros gostam disto: